Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Experiência Gastronômica: Nana Hamburgueria Artesanal, em Blumenau

10 de abril de 2015 2

A Rua Antônio da Veiga tem se transformado em um oásis gastronômico em Blumenau – e a Nana Hamburgueria Artesanal faz parte disso. Em um ambiente mais descontraído que as hamburguerias que adotam a vibe americana, a experiência já começa bem por aí.

nana_1Fotos: Mariana Furlan

Não é um lugar tranquilo, são poucas e próximas mesas, o espaço é aberto e se estende para a calçada, tem bastante gente falando e música tocando – e tudo isso é ótimo.

nana_2

O cardápio é enxuto, são três opções de batatas para acompanhamento e seis opções de hambúrgueres, com combinações superapetitosas, como queijo brie e cogumelos ou hambúrguer de linguiça com creme de queijo parmesão e chutney de tomate. O menu de cervejas artesanais é um capítulo à parte: são 17 rótulos bem especiais. Sabe aqueles lugares em que a gente olha o cardápio e já pensa no que vai comer e beber quando voltar outra vez? Foi assim.

nana_3

Para começar pedimos uma porção da Maromba: batata-doce frita em lascas bem finas. Uma delícia (como é bom comer batata frita que não vem em pacotes, não?).

nana_4

Depois atacamos os hambúrgueres. Como a casa estava cheia, demorou um pouco para chegar, mas nada exagerado. Valeu a pena — os sanduíches vieram frescos, quentinhos, ao ponto para quem pediu ao ponto, bem passado para quem pediu bem passado. Eu escolhi o Mr. Chéda (hambúrguer, cheddar, cebolas caramelizadas no shoyu e pepino). Qualquer semelhança com o sanduíche da rede americana se restringe ao nome. O meu estava suculento, bem temperado, carne com gostinho de churrasco, pão fresco e sem rastro de sabores artificiais. Nhami!

nana_5

Meu companheiro de jantar ficou com o Da Nana: creme de gorgonzola, pimentão vermelho grelhado, pesto de rúcula e cebola-roxa. Igualmente gostoso.

nana_6

Para acompanhar, pedimos uma porção individual de batata frita rústica. Estava bem-feita, bonita no potinho de lata, mas faltou um tchanzinho nela.

nana_7

Mais do que satisfeita, pedi pela sobremesa só pelo dever jornalístico de apuração mesmo, porque lugar para ela não havia. A hamburgueria costuma ter cupcakes no balcão, mas neste dia não tinha. Saí bem contente com a experiência, e o clima das mesinhas ao ar livre confirmava que estava todo mundo comendo bem e tendo um bom momento. Nesta semana a casa começou a abrir também para o almoço, de segunda a sexta, com combos especiais para o meio-dia.
A conta para um casal, com uma água e um refrigerante, foi R$ 64.
nana_8

Nana Hamburgueria Artesanal
Rua Antônio da Veiga, 484
Bairro Victor Konder, Blumenau
Fone: (47) 3288-3679

Comente

comentários

Comentários (2)

  • Elias Lamin diz: 10 de abril de 2015

    Fui várias vezes,ótimo ambiente,atendimento nota dez e o sabor maravilhoso.

  • Carla diz: 17 de abril de 2015

    É uma delicia!!! Pena que o preço é um pouco salgado pela quantidade servida…

Envie seu Comentário