Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts de janeiro 2014

Deputado Assis Melo representa Câmara na abertura do Rodeio de Vacaria

31 de janeiro de 2014 0

O deputado federal Assis Melo (PCdoB) será o representante oficial da Câmara de Deputados na abertura do 30º Rodeio Crioulo Internacional de Vacaria, que acontece neste sábado às 11h30min.

Assis nasceu no 8º distrito de Vacaria, hoje a cidade Monte Alegre dos Campos. Com o pai aprendeu as lides campeiras, o que motivou o envolvimento em cavalgadas e invernadas artísticas. Foi um dos fundadores do CTG Velha Carreta, na década de 80.

- Neste momento, a emoção aflora e fala mais alto. É diferente estar em Vacaria cumprindo agendas ou visitando familiares e representar a Câmara dos Deputados em um evento tão importante quanto o Rodeio Internacional, que projeta a cidade e o Estado para além fronteiras do nosso Brasil – diz.

Durante o Rodeio, ele manterá uma barraca e o Espaço Cultural Paulo Araújo no acampamento para prestar de contas do mandato e para confraternizar com amigos e conterrâneos.

Assis Melo - foto Maurício Concatto (1)

Foto: Maurício Concatto/Divulgação

Abram cancha para o Rodeio de Vacaria!

30 de janeiro de 2014 0

Começa neste sábado o rodeio mais aguardado da temporada de 2014. Para quem gosta de um bom baile gaúcho, é hora de lustrar a bota e se preparar para uma semana inteira de festividade no 30º Rodeio Crioulo Internacional de Vacaria.

Mano Lima, Luiz Marenco, Tchê Guri e Tchê Barbaridade são os nomes que abrem a programação, na noite deste sábado. No domingo, o baile é com Alma Gaudéria e grupo Candieiro. Outros grandes nomes passam por Vacaria até o dia 9: Adelar Bertussi,  Os Tiranos, Os Serranos, Pedro Ortaça, Cristiano Quevedo, João Luiz Corrêa,  Os Monarcas, Joca Martins, César Oliveira e Rogério Melo, Grupo Rodeio.

Nem tudo, porém, é só festa.  A partir desta quarta, começam as competições artísticas. No final de semana,  acontecem as de danças tradicionais. O título de campeão da edição de 2012 veio para Caxias do Sul, com a invernada adulta do CTG Pampa do Rio Grande. Vem de Caxias também outro mérito: a invernada adulta do CTG Aruá  foi a única na história do rodeio a conquistar  o título de 1º lugar durante duas edições consecutivas,  2008 e 2010.

Já as provas campeiras iniciam neste final de semana, com competições de tiro de laço, gineteadas e provas de rédea entre as principais.

vacaria - roni rigon

Foto: Roni Rigon

 

Projeto quer transformar tiro de laço esporte símbolo do Estado

28 de janeiro de 2014 1

Em meio a todas as polêmicas sobre o laço que vem rondando o mundo tradicionalista, passa pela análise da Assembleia Legislativa o projeto que pretende tornar o tiro de laço o esporte símbolo do Rio Grande do Sul.

O projeto é muito simples, tem apenas três artigos, mas estabelece a indumentária típica gaúcha  para a prática do esporte, composta no mínimo por bombacha, camisa com gola e botões, lenço, guaiaca, chapéu e botas.

O deputado estadual Giovani Feltes (PMDB), que o protocolou, afirma não ter recebido manifestações contrárias à aprovação. Aqui, há também um dedo da Federação Gaúcha de Laço. O secretário da entidade, Eduardo Fonseca Alves, ajudou na construção do projeto.

Na justificativa, o laço é definido como uma manifestação cultural em forma de esporte, que simula a prática secular de laçar o gado. Apegando-se ao conceito de esporte de Manoel José Gomes Tubino, uma das maiores autoridades brasileiras na área desportiva, o laço atenderia ainda a três critérios básicos para ser considerado esporte: é um jogo (com regras), uma competição (com a figura do vencedor e do competidor) e uma formação (com um fim pedagógico, no caso, a tradição).

Karine Viana

Foto: Karine Viana

MTG define ações para 2014

27 de janeiro de 2014 0

O ano recém começou e o Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG) já definiu ações para os próximos meses, especialmente quanto às comemorações farroupilhas.

Durante o 61º Congresso Tradicionalista, realizado na metade do mês de janeiro, em Porto Alegre, foi aprovada a proposta de tema do MTG para 2014: “Preservando o passado, construindo o futuro. MTG em defesa do patrimônio histórico e cultural do RS”.

Também foi escolhida a cidade de Cruz Alta como local de acendimento da Chama Crioula Oficial do Estado, no mês de agosto. O tema dos festejos farroupilhas, que será trabalhado nas escolas, CTGs e desfiles, é “Eu sou do Sul”, que retrata o orgulho de ser gaúcho.

Ricardo Wolffenbüttel

Foto: Ricardo Wolffenbüttel

7ª Querência da Poesia Xucra classifica 10 concorrentes

26 de janeiro de 2014 0

Rodeio é tempo de tiro de laço, de gineteada, mas também de poesia. Durante o Rodeio Crioulo de Caxias do Sul, acontece a 7ª Querência da Poesia Xucra, dia 21 de março. Dez poesias foram classificadas -  três delas na categoria local – para o concurso de poesia e declamação.

1013850_264643570361238_843115256_n

Floreio recebe carta de recomendação de Porca Véia e d'Os Monarcas

25 de janeiro de 2014 2

O Grupo Floreio recebeu de Porca Véia e de Gildinho, d’Os Monarcas, uma carta de recomendação de cada um, onde os músicos relatam a admiração pelo grupo e o compromisso com a cultura gaúcha.

E não podia ser diferente. O Floreio vem garantindo seu espaço na música tradicionalista. Em dezembro do ano passado, participou do show de despedida dos palcos de Porca Véia, em Caxias do Sul.

Zezinho, gaiteiro e líder do grupo, em parceria com Leó Ribeiro de Souza, criou a música “O Último Baile”, para homenagear o artista, com quem tocou durante 10 anos.

A música fará parte do próximo DVD de Porca Véia e também do novo CD do Floreio, que será gravado no próximo mês.

Buenas, aqui estão as cartas de recomendação, cheias de elogios!

floreio 01

E aqui d’Os Monarcas…

floreio 02

 

Prefeito não confirma apoio a torneio da Federação Gaúcha de Laço

24 de janeiro de 2014 0

Eles tentaram, mas o prefeito Alceu Barbosa Velho não confirmou o apoio da prefeitura ao campeonato de laço em Caxias do Sul organizado pela  recém criada Federação Gaúcha de Laço, que acontece entre 8 e 11 de maio, em Vila Oliva. Alceu se reuniu com representantes da entidade de cidades como São Leopoldo, Triunfo, Bagé e Santana do Livramento.

— Há espaço para todos e, como tradicionalista, estarei laçando no evento. Como prefeito, preciso de tato. Vou conversar com meu guru para estes assuntos (o vereador e coordenador da 25ª RT, Jó Arse) e com o MTG.  A federação surgiu ontem e o MTG há quanto tempo? — disse em uma reunião nesta semana com a entidade.

— Não viemos falar com o MTG. Viemos falar com o prefeito e queremos saber se a prefeitura vai apoiar, mesmo que institucionalmente — insistiu Cleber Vieira, presidente da federação.

— Não vou me atirar aos pés da rês  — enfatizou o prefeito, não se intimidando pelo gabinete lotado com 25 representantes da entidade.

Em seis meses de criação, a Federação Gaúcha de Laço conta com 505 associados  e mais de 30 entidades filiadas. Por meio de um convênio com a Secretaria Estadual do Esporte, a entidade foi autorizada a captar R$ 600 mil reais para um circuito com oito torneios de laço, cuja premiação é de motos, carros e caminhonetes.

Apesar de uma visão mais liberal do tradicionalismo, a favor de torneios com vacas mecânicas (vetadas pelo MTG) e vendo o laço também como um esporte (uma manifestação cultural, na visão do movimento), Alceu preferiu se resguardar e, segundo ele, preservar a prefeitura até uma decisão.

Andréia Copini

Foto: Andréia Copini

O blog conversou com Jó Arse sobre o assunto, que garantiu não ser contra a Federação Gaúcha de Laço. Porém, ele cita o cunho comercial dos eventos propostos pela nova entidade.

— O objetivo é financeiro, utilizar o laço como esporte para  captação de dinheiro e ofertar prêmios como carros e caminhonetes. Eles apenas copiaram o regulamento do MTG para o laço e flexibilizaram algumas coisas — falou.

É fã d'Os Monarcas? Então faz teu certificado e carteirinha virtual!

23 de janeiro de 2014 2

Gaúcho ama cultivar as tradições, mas o mundo está cada vez mais digital. E que tal o vivente externar sua paixão pelo gauchismo pelas redes sociais? Essa é a proposta do grupo Os Monarcas.

O conjunto criou um modelo de certificado e carteirinha virtual para os fãs que pode ser postado na internet e ir para a página no facebook e twitter do conjunto, enviando os arquivos para imprensa@osmonarcas.com.br.

O blog entrou na brincadeira e providenciou os dois…

certificado-fc3a3-oficial-os-monarcas-0pronto 2

E aqui a carteirinha, até com foto personalizada! Os modelos estão disponíveis no blog d’Os Monarcas.

carteirinha-os-monarcas-pronta 2

Se o gaúcho aí do outro lado do computador não entende muito de edição, a assessoria do conjunto mostra no vídeo abaixo como fazer para baixar as imagens, inserir o nome e compartilhar nas redes.

Jó Arse toma posse do cargo de coordenador da 25ª RT

19 de janeiro de 2014 0

O vereador Jó Arse (PDT) tomou posse na terça-feira do cargo de coordenador da 25ª RT para a gestão de 2014, em uma cerimônia na Casa do Gaúcho, que contou com a presença do presidente do MTG, Manoelito Savaris, e do prefeito de Caxias, Alceu Barbosa Velho. O cargo foi ocupado no ano de 2013 pelo tradicionalista Nicanor Castilhos.

Os primeiros desafios são o Rodeio de Caxias e a Festa da Uva. Pela primeira vez no rodeio, acontecerá no mesmo final de semana as competições artísticas de dança estilo Enart e estilo campeiro. Na Festa da Uva, a ideia é criar um espaço para a mostra da cultura tradicionalista.

O maior projeto de sua gestão, porém, deve ser a transferência da Casa do Gaúcho para os pavilhões. Segundo ele, o projeto dever ser elaborado nos próximos 90 dias. A ideia é fazer uma permuta com a prefeitura. Com isso, Arse confirma a intenção de fomentar o turismo caxiense por meio do gauchismo.

andreia copini

Foto: Andréia Copini

Federação Gaúcha de Laço promove torneio em Vila Oliva, em Caxias

18 de janeiro de 2014 3

O ano promete ser promissor para a  Federação Gaúcha de Laço. A entidade já captou R$ 450 mil reais dos aproximadamente R$ 614 mil liberados por meio de convênio com a Secretaria Estadual do Esporte.

O dinheiro será investido em um torneio estadual com oito etapas, sendo a última em Vila Oliva, em Caxias, de 8 a 11 de maio.

Para quem não lembra, a entidade, criada em junho de 2013, valeu-se da interpretação do laço como esporte para a captação de patrocínios junto a empresas, feito nunca alcançado pelo MTG.

- Queremos reunir pessoas que gostam de laço. O MTG conquistou uma rejeição tão grande com normas absurdas que os laçadores não se sentem representados por ele – afirma o presidente da Federação, Cleber Vieira.

daniela xu

Foto: Daniela Xu