Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Ginete campeão do Rodeio de Vacaria é de Caxias

15 de fevereiro de 2014 0

Vem de Caxias do Sul o melhor ginete do Rodeio Crioulo Internacional de Vacaria. Floriano Bastos, 39 anos, desbancou cerca de 180 ginetes e voltou para casa com o 1º lugar na prova de gineteada. Está no ofício há 22 anos e tem no avô, que também era ginete e domador, a inspiração.

- Fui criado na lida de campo e, quando criança, via meu avô. Peguei gosto pela coisa – conta ele, que nasceu e mora em Caxias.

Pegou o gosto e herdou também o talento. Com 17 anos veio a primeira competição no rodeio de Caxias, onde ficou em sétimo lugar. Já foi premiado em vários rodeios daqui e também em Canela, Ipê e Pinheiro Machado. A vida bruta de ginete rendeu pé, mão e costela quebrada.

Floriano Bastos - foto Fernando Amarante (1)

Fotos: Fernando Amarante

Em Caxias, ele tem uma chácara onde cria quatro burros apenas para o treino e diz voltar de Vacaria realizado.

- A premiação é boa (referindo-se a caminhonete que conquistou), mas o que fica é o título. Ganhar o rodeio de Vacaria é o sonho de todo mundo.

Ele ainda explica o que, na sua visão, aconteceu durante o último dia de provas, quando alguns ginetes se revoltaram com as notas dos jurados, na noite de domingo passado, e tomaram o microfone da arena.

-  Dos vinte ginetes classificados, a comissão julgadora selecionou 10 para a final. Só que dois ficaram empatados em 10º lugar: um argentino e um gaúcho. O argentino foi classificado e o gaúcho não. Aí o pessoal se revoltou, queria ver as notas, o critério de escolha. Deu uma grande confusão. No fim, 11 ginetes (ao invés de 10) disputaram a classificação entre os cinco, porque os jurados classificaram os dois que ficaram empatados em 10º lugar – contou.

Floriano Bastos - foto Fernando Amarante (3)

O jornalista Giovani Grizotti escreveu sobre o assunto em seu blog, Repórter Farroupilha. No dia 11 de fevereiro, o CTG Porteira do Rio Grande, que promove o Rodeio de Vacaria, divulgou no site do evento a seguinte nota de esclarecimento:

“O CTG Porteira do rio Grande, atendendo a solicitação do público e associados da entidade, referente a entrega de premiações das gineteadas, esclarece que após o protesto dos ginetes participantesdo 30.º Rodeio Internacional, nenhuma nota foi alterada, as decisões da comissão julgadora continuaram soberanas e o CTG Porteira doRio Grande entregou a premiação do 1.º ao 5.º lugar aos seus devidos ganhadores e merecedores, o que fez mediante recibo firmado pelos mesmos. Se houve alguma divisão da premiação entre dois ou mais ginetes, partiu de vontade dos competidores e não da organização do Rodeio.”

Envie seu Comentário