Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts de abril 2015

Música de Shana Müller é trilha de novela

28 de abril de 2015 0

A canção El Alma Vuela é a música interpretada pela cantora Shana Müller que passou a integrar, semana passada, a trilha sonora da novela Sete Vidas, exibida às 18h, pela Rede Globo. A canção foi escrita por Érlon Péricles e o arranjo é de Paulinho Fagundes.

A foto abaixo foi divulgada pela cantora em suas redes sociais, com a legenda: “Hoje recebi meu compadre Érlon Péricles para assistirmos juntos Sete Vidas e ouvirmos a música El Alma Vuela na novela!”

11182228_949895808406357_5626493883397488955_n

Foto: Arquivo pessoal, Divulgação

Para quem não é noveleiro: El Alma Vuela entrou na novela com a chegada do sétimo filho de Miguel (Domingos Montagner). Interpretado pelo ator argentino Michel Noher, Felipe é diagnosticado com uma doença rara no fígado e precisa de um transplante.

Em entrevista ao site da RBS TV, Shana disse que a canção foi composta especialmente para a trama e que o convite surgiu do próprio diretor da novela,  Jayme Monjardim, que conheceu a cantora durante as gravações do filme O Tempo e o Vento.

-  Eu precisava de uma música que funcionasse como trilha, que fosse em espanhol e que falasse de amor. Foram quase três anos até que surgisse o momento ideal para lançar a música, mas a espera veio bem a calhar, porque a novela tem várias cenas na Argentina e a canção foi lançada com a chegada do personagem Felipe, vivido por um ator argentino — explica Shana na entrevista.

Querência da Poesia Xucra completa 21 anos

27 de abril de 2015 2

O verso é xucro e a alma é campeira. A afinidade bastou para a reunião de um grupo que discutisse e fomentasse a poesia gaúcha na Serra. No dia 26 de abril de 1994,  a ideia ganhou nome e objetivo: estava criada a Querência da Poesia Xucra para fortalecer a arte e revelar novos poetas. Ainda que os seus integrantes tragam a vivência dos galpões, dos palcos ou, em alguns casos, dos dois, foi em Caxias do Sul que a paixão pela poesia institucionalizou-se.

Arno Moscato dos Santos, 46, começou a declamar na informalidade das rodas de galpões em São Francisco de Assis. De Lagoa Vermelha veio o declamador que transformou-se em escritor, Lauro Teodoro, 56. De Espumoso, Onadir Carvalho, 60, herdou o talento para declamar do pai, também intérprete. Sebastião Teixeira Corrêa, 59 anos, chegou de São José do Ouro e coleciona poesias inscritas em festivais gaúchos. Mais tarde, juntou-se ao grupo Alberto Boff de Sales, natural do distrito caxiense de Criúva, intérprete vocal, amadrinhador (violão), autor de poesias.

Xucrismo002

Participação dos associados em rodeios e festivais pelo Estado

Tão logo surgiu, as ações começaram:  vieram as palestras em escolas e em entidades, participação em rodeios e festivais, como no Canto do Urutau, em São Pedro da Aldeia (RJ), em 2005.

No Rio Grande do Sul, o grupo traz o orgulho de ter sido a primeira entidade totalmente cultural a filiar-se ao Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG), pelos idos dos anos 2000, e chegou a integrar o departamento que organiza o Encontro de Arte e Tradição Gaúcha (Enart).

Em 2004, surge a Querência da Poesia Gaúcha, concurso artístico-literário de poesia e declamação que chega em 2015 na sua oitava edição. Em 2010, durante a Feira do Livro, é criado o Encontro de Arte Declamatória, onde convidados debatem da escrita à interpretação.

Foto da 1 Querencia - com Todos os Artistas - Encerramento

Primeira edição do festival Querência da Poesia Gaúcha

Incentivo às novas gerações

Eles sabem, contudo, que em uma cultura voltada à valorização do laço e das danças, incentivar o verso e a literatura, por vezes, é tão difícil como nadar de espora. A criação, no ano passado, de um departamento jovem é um iniciativa para se aproximar dos peões e prendas mais novos.

— Sempre questionamos que o palco da poesia, da declamação, é sempre o mais escondido, o mais problemático. A nossa bandeira é pela valorização —  diz Alberto Sales.

As conclusões vão além: faltam professores de trova e declamação e, portanto, referências. Na própria produção literária regional, o campo e o galpão vem perdendo espaço para temas urbanos, como o desamor ou as questões sociais.

— Talvez falte até uma vivência, e o linguajar campeiro vai se perdendo. E essas acabam virando as referências dos novos declamadores — conclui Lauro Teodoro.

Hoje, a Querência da Poesia Xucra tem 130 associados. Além das cidades da Serra, eles vêm de  Porto Alegre, Vacaria, São Leopoldo, Canoas, Encantado e Passo Fundo.

Foto do encontro de Artes declamatoria na 27 Feira do Livro de Caxias do sul 2

Na Feira do Livro, Encontro da Arte Declamatória

POESIA

Abaixo, a poesia feita durante a fundação da Querência da Poesia Xucra em 1994.

Querência
A terra onde se nasce
Onde se vive e se cria
Ou se tem simpatia
Por tudo o que lá tiver
O pingo, o laço , a mulher
Que são da nossa convivência
Conclui-se então que querência
É tudo o que a gente quer

Poesia
Poesia, caro patrício
É o verso que projeta
Da alma xucra do poeta
Através da inspiração
Não se fabrica com a mão
É um sentimento profundo
Não tem fronteira no mundo
Pois nasce do coração!

Xucra
Xucra é a poesia que expressa
Na rima que se entrelaça
Toda a bravura da raça
Da gente deste lugar
Podemos até comparar
Com o Rio Grande Farrapo
Que por ser xucro, forte e guapo
Nunca se deixou domar!

Shana Müller quer lançar DVD... com teu apoio

24 de abril de 2015 0

É com os fãs e com os amantes da música regional que a cantora Shana Müller busca firmar parceria para gravar o DVD que comemora os seus 10 anos de carreira. A ideia consiste em cotas de financiamento, que vão de R$ 10 a R$ 15 mil. A ajuda tem recompensa: o valor de R$ 10 dá direito ao download de duas faixas do novo trabalho antes do lançamento. A contribuição de R$ 75 garante o novo CD virtual para download, DVD autografado, nome nos créditos do DVD, e o CD Gaúcha ao Vivo.

O projeto só acontece com colaboração e são necessários R$ 60 mil. As gravações acontecerão em Val de Serra, no município de Júlio de Castilhos, nas cidades da conhecida “Quarta Colônia”, localizada na região central do Estado, por onde passa a história da formação da identidade e onde alemães e italianos deixaram forte herança.

Veja como participar abaixo. É em prol da música!

11174812_948780245184580_7845611899476946875_n

Confira a nova música de Joca Martins

23 de abril de 2015 0

Liga esse rádio é a nova música de Joca Martins. A letra é de Rodrigo Bauer e a melodia do próprio Joca. Os arranjos são de Negrinho Martins e ao trabalho somam-se ainda as participações dos músicos Geovane Marques e Luciano Fagundes.

Rádio ligado é a alma viva do galpão! Confira o vídeo e a letra:

juliana spanevello_n

Foto: Juliana Spanevello, Divulgação

Liga esse rádio

Nasci pra fora e me conservo na campanha,
mas o silêncio não “me gusta” nem um pouco…
Por isso mesmo é que esse rádio me acompanha,
e eu, sem ele, já estaria quase louco!

Eu sou bagual, mas “tô” por dentro das “notícia”…
Levo o meu rádio nos “arreio” aonde eu for!
Eu sei do tempo, dos “rodeio” e da polícia;
e, quando posso, ligo para o locutor!

Liga esse rádio! Liga esse rádio!
Liga esse rádio e dá volume, meu irmão!
Liga esse rádio! Liga esse rádio!
Rádio ligado é a alma viva do galpão!

Meu rádio velho é companheiro legendário,
nele eu escuto esse pessoal que eu admiro…
Alegra as horas dos meus mates solitários!
Liga esse rádio! É aí que eu me refiro!

Escuto tudo o que ele diz, de orelha cheia:
Se eu “tô” sem pilha e falta luz, a ”cosa empaca”
Que eu só desligo quando ele se fresqueia
e “às vez” inventa de tocar um  “bate – estaca”!

César Oliveira desfilia-se de partido político

22 de abril de 2015 0

O músico César Oliveira, um dos fundadores do partido Solidariedade no Rio Grande do Sul, informou em nota a sua desfiliação por não se sentir mais representado pela legenda. Apesar disso, afirma que não é uma desistência do seu “projeto político”.

11150385_1547406398856201_767396151759872812_n

Conheça os peões farroupilhas do Estado

21 de abril de 2015 0

Lourenço Nunes leva para Portão o título máximo do 28º Entrevero Cultural de Peões. Ele já havia sido Guri Farroupilha do Rio Grande do Sul, gestão 2011/2012.

Na categoria mirim, Bernardo Damião Cossetin, consagrou-se o primeiro Piá Farroupilha do Estado, já que o concurso para esta categoria surgiu este ano.

CATEGORIA PIÁ

1º PIÁ – Bernardo Damião Cossetin – 9ªRT – Ijui

2º PIÁ – Leônidas Augusto da Silva – 20ªRT – Horizontina

3º PIÁ – Gabriel Ktuger Macht – 3ªRT – Giruá

DSC_0028 pias

 

CATEGORIA GURI

1º GURI – Tiago Luigi Gadagnin Radin – 11ªRT – Nova Bassano

2º GURI – Guilherme Henrique B. Nervo – 7ªRT – Agua Santa

3º GURI – Victor matheus M. da Conceição – 4ªRT – Alegrete

DSC_0029 guris (1)

 

CATEGORIA PEÃO

1º PEÃO – Lourenço de Oliveira Nunes – 15ªRT – Portão

2º PEÃO – Marco Antonio S. Saldanha Jr – 4ªRT – Alegrete

3º PEÃO – Jardelino Neto Santos Coelho – 9ªRT – Tupaciretã

DSC_0036

Fotos: Divulgação/MTG

Classificação da 25ª RT no concurso de peões

20 de abril de 2015 0

Parabéns aos representantes da 25ª RT no Entrevero Cultural de Peões, que ocorreu sexta e sábado em Marau. No final de semana, acompanhamos os bastidores de Felipe Bernardi Zorzo, 14 anos, Guri da 25ª RT, e Guilherme Suzin, 11, 2º Piá da 25ª RT, no concurso.

Guilherme ficou em 6º lugar na classificação geral. Pelo Whats, a mãe do piá, Solange, que ficou em contato comigo enviando as fotos que vocês viram, escreveu: “Muito esforço e dedicação. Não veio para casa os primeiros lugares, mas temos orgulho de termos o sexto melhor piá do Rio Grande do Sul perto de nós. Parabéns, Guilherme, por mais esta prova de responsabilidade, trabalho e dedicação”.

Confira mais um cliques de Guilherme no concurso…

3f34016c94278675fd187ade3d12087e

Descontração antes da prova campeira.

79c4d4dab70b0dd02fb42c778e788603

Concorrentes com o presidente do MTG, Manoelito Savaris.

b10f9256fa060e7beda65524084bd573

Com o Guri Felipe, aguardando o resultado.

e7e18aeb575383e5772ef118a9473877

Prova de encilhar o cavalete.

Fotos: Solange Suzin, Divulgação

Rodeio de Flores da Cunha em imagens

20 de abril de 2015 0

Lindas as fotos que a Gabriela Fiorio encaminhou do Rodeio Nacional de Flores da Cunha, que ocorreu neste final de semana! Teve tiro de laço, gineteada, prova de rédeas, competições artísticas! Eu e o fotógrafo Roni Rigon estivemos lá na sexta e a festa foi bonita! No total, foram 24 mi visitantes, 3 mil participantes de provas campeiras e 5 mil participantes de provas artísticas.

DSC_0015 DSC_0470 DSC_0504 DSC_0618 DSC_0663

Resultados do Rodeio de Flores da Cunha

20 de abril de 2015 0

Confira o resultado das provas campeiras do Rodeio Nacional de Flores da Cunha, que ocorreu neste final de semana. Das provas artísticas, a organização não enviou o resultado.

CAMPEIRA

Gineteada

1° Lugar – Elbio Budica Júnior

2° Lugar – Júlio Cesar da Silva

3° Lugar – Fabiano Batista

4° Lugar – Jocemar Silveira 5° Lugar – Jairo Parcincula

3 Tambores

Infantil:

1º lugar: Pedro Lucca Brandalise

2º lugar: Valentina De Carli Boff

Adulto:

1º lugar: Luiza Salton Azevedo

2º lugar: Jeniffer Erhart 3º lugar: Oscar Cappelin

6 Balizas

Infantil:

1º lugar: (vencedor ainda não fornecido)

2º lugar: (vencedor ainda não fornecido)

3º lugar: (vencedor ainda não fornecido)

Adulto:

1º lugar: Diego Roncarelli de Salles

2º lugar: Jorge Meneguzzi 3º lugar: Jeniffer Erhart

Vaca Parada

1º lugar: (vencedor ainda não fornecido)

2º lugar: (vencedor ainda não fornecido)

3º lugar: (vencedor ainda não fornecido)

Provas de Laço

Laço Vaqueano

1º Lugar: Remi dos Santos – PL Querência do Chapéu – São Francisco de Paula

1º Lugar: Gentil Lopes – CTG Porteira da Amizade – Machadinho

1º Lugar: Firmino Cardoso – PL Querência do Chapéu – São Francisco de Paula

Laço Veterano

1º lugar: João Florian – CTG Vovô Florian – Caxias do Sul

Laço Coordenadoria

1º Lugar: José Saul – CTG Mangrulhos da Serra – Caxias do Sul

1º Lugar: Juarez Menegussi – DC Os Carreteiros – Caxias do Sul

1º Lugar: Valdir Teles – CTG Os Tauras da Querência – Caxias do Sul

Laço Guri

1º Lugar: Mateus da Silva – CTG Presilha Serrana – Caxias do Sul

1º Lugar: Vinicius Salvador – CTG Heróis Farroupilha – Caxias do Sul

Laço Senhor

1º Lugar: Valdir Macedo – CTG Tio Danilo – Caxias do Sul

1º Lugar: Juarez Menegussi – DC Os Carreteiros – Caxias do Sul

1º Lugar: José Marques – CTG Presilha Serrana – Caxias do Sul

Laço Dupla a cima de 40 anos

1º Lugar: Edinei Gil e Valdir Macedo – Caxias do Sul

1º Lugar: José Alves e Jurandi Baldasso – CTG Estância Alegria – Caxias do Sul

1º Lugar: Juarez Menegussi e João Francisco Palicastro – Caxias do Sul

Laço Raspadinha

1º Lugar: Jean Garcia e Luan da Silva – Caxias do Sul

1º Lugar: Luciano Moreira e João Francisco – Caxias do Sul

1º Lugar: Douglas Pereira e Rodrigo Pasquali – Caxias do Sul

1º Lugar: Tiago Borges e Joelsio Andrade – Caxias do Sul

1º Lugar: Brisolino Santos e Alex Mesquita – CTG Dom Manuel SanMartin – Caxias do Sul

Taça Cavalo Crioulo

1º Lugar: Jeferson Barbosa e Luan da Silva – Caxias do Sul

1º Lugar: Tiago Borges e Joelsio Andrade – Caxias do Sul

1º Lugar: Lucas Vanaz e Alan Ferraz – Caxias do Sul

Laço Prenda

1º lugar: Taisa Soares – CTG Cabanha Belizario Nunes – Caxias do Sul

1º lugar: Ritiele Porto – PL Rodeio Lageado – São Marcos

1º lugar: Erlita Mendes – CTG Tapera Velha – Caxias do Sul

Laço Universitário

1º lugar: Alan Ferraz – PL Potreiros da Serra – São Marcos

1º lugar: Elton Matos – PL Presilha do Rincão – Caxias do Sul

Laço Irmão

1º lugar: Ailoton Andrade e Joelsio Andrade – CTG Sinuelo do Pampa – Caxias do Sul

1º lugar: João Gabriel Soldera e Rafael Soldera – CTG Amigos do Laço – São Marcos

Taça CTG Galpão Serrano

1º lugar: João Francisco Policastro e Maicon Andrade – CTG Vovô Florian – Caxias do Sul

1º lugar: Jeferson Barbosa e Luan da Silva – Caxias do Sul

1º lugar: Rodrigo Padilha e Rodrigo Pasquali – CTG Rincão Serrano – Caxias do Sul

1º lugar: Felipe dos Reis e Daniel Furtado – CTG Serranos do Laço – Antônio Prado

Taça Cidade

1º lugar: Tiago Borges e Joelsio Andrade – Caxias do Sul

1º lugar: Carlos Pompeu Ramos e Pedro Henrique Soldera – CTG Amigos do Laço – São Marcos

1º lugar: Rodrigo Padilha e Rodrigo Pasquali – Caxias do Sul

1º lugar: Jean Garcia e Cláudio Andrade – CTG Herança Gaudéria – Caxias do Sul

1º lugar: Marcel Santos e Rafael dos Reis – Caxias do Sul

Laço Piá

1º lugar: Kauan da Silva – CTG Vovô Natalicio – Caxias do Sul

1º lugar: Juarez Júnior – CTG Alexandre Pato – Lagoa Vermelha

1º lugar: Peterson Branco – CTG Angelo Francisco Guerra – Caxias do Sul

Laço Pai e Filho

1º lugar: Amilcar Wollmann e Cleber Wollmann – PL Unidos pela Tradição – Caxias do Sul

1º lugar: José Gil e Guilherme Gil – CTG Vovo Florian – Caxias do Sul

1º lugar: Alceu Barbosa Velho e Eduardo Barbosa – CTG Presilha Serrana – Caxias do Sul

Laço Patrão e Capaz

1º lugar: Ari Antunes e Maxuel Motta – CTG Rincão dos Pinheiros Ralos – Caxias do Sul Campo Belo do Sul

1º lugar: Evonei Macedo e Claudinei Macedo – CTG Marca da Terra – São Marcos

1º lugar: Ronaldo Cardoso e Milton Brito – PL Sentinela da Tradição – São Francisco de Paula

Força C

1º lugar: Gentil Lopes e Jorge Lopes – Caxias do Sul

1º lugar: Edinho Velho e Thiarles Lopes – CTG Corração Serrano – Caxias do Sul

1º lugar: Adão Gilberto e Clair Nunes – CTG Coxilha Serrana – Caxias do Sul

1º lugar: Moises Massarotto e Felipe Massarotto – CTG Tronco do Ipê – Ipê

1º lugar: Odair Dalabilia e Nivaldo Marin – CTG Recanto Gaúcho – Nova Pádua

1º lugar: Alex Souza e Marcos Wollmann – PL Unidos pela Tradição – Caxias do Sul

Força B

1º lugar: Maxuel Mota e Ari Antunes – CTG Rincão dos Pinheiros Ralos – Campo Belo do Sul

1º lugar: Mario Grazziotin e Adilson Dalabona – CTG Tronco do Ipê – Ipê

1º lugar: Antenor Teles e Jonei Ribeiro – CTG Querência do Prata – Nova Prata

1º lugar: João Francisco Policastro e Maicon Andrade – CTG Vovô Florian – Caxias do Sul

1º lugar: Bruno Borges e Andrius Bernardo – PL Laçadores da Querência – Caxias do Sul

1º lugar: Alisson Schmidt e Valdecir Ranckrappe – Caxias do Sul

1º lugar: Clovis Machado e Nedir Deon – Caxias do Sul

1º lugar: Carlos Pereira e Edson Macedo – Caxias do Sul

1º lugar: Diego Lira e Guilherme Grazziotin – Caxias do Sul

1º lugar: Thales de Jesus e Roger Silveira – CTG Galpãp Serrano – Flores da Cunha

Força A

1º lugar: Vinicius da Silva e Nilson da Silva – PL Rodeio Os Teatinos – Caxias do Sul

1º lugar: Jeferson Barbosa e Luan da Silva – Caxias do Sul

1º lugar: Paulo Daros e Edinho Nunes – CTG Querência Xucra – Caxias do Sul

1º lugar: Lucas Vanaz e Alan Ferraz – Caxias do Sul

1º lugar: Cassiano Castilhos e Elton Matos – PL Presilha do Rincão – Caxias do Sul

1º lugar: Milton Brito e Ronaldo Cardoso – PL Sentinela da Tradição – São Francisco de Paula

1º lugar: Juliano Schoenardie e Maurício Silva – CTG Parque de Rodeios Vila Oliva – Caxias do Sul

ARTÍSTICA

Chula

Mirim

1º lugar: Felipe de Lorenzo de Souza – CTG Querência do Socorro

2º lugar: Mateus Machado Balbinot – CTG Coxilha do Quero-Quero

3º lugar: Lucas Alves de Oliveira – CTG Paixão Cortes

Juvenil:

1º lugar: Kelvin Moises – CTG Guapos do Itapui

2º lugar: Leonardo Soares Teles dos Santos – GTCN Velha Carreta

3º lugar: Vinicius Campagnoni Nolasco – CTG Vaqueanos D’Oeste

Veterano:

1º lugar: Dalmir Antôio Rodrigues Pereira – CTG Paixão Cortes

2º lugar: Cesar Augusto Sonda da Silva – GAN Vaqueanos da Cultura

3º lugar: Janeiro de Sene – CTG Pampa do Rio Grande

Adulto:

1º lugar: Luiz Felipe Curtarelli – CTG Coxilha do Quero-Quero

2º lugar: Maurício Fernandes Mendes – GTCN Velha Carreta

Danças Birivas – Tropeirismo

1º lugar: Agrupamento Biriva Changueadores – CTG Coxilha do Quero-Quero

2º lugar: Agrupamento Biriva Cristovão Pereira de Abreu – CTG Vaqueanos D’Oeste 3º lugar: Grupo Biriva Tropeadores – CTG Cancela do Imigrante

Danças Tradicionalistas

Mirim

1º lugar: CTG Coxilha do Quero-Quero – Chapecó

2º lugar: CTG Vaqueanos D’Oeste – Chapecó

3º lugar: CTG Os Carreteiros – Caxias do Sul

Juvenil

1º lugar: CTG Vaqueanos D’Oeste – Chapecó

2º lugar: CTG Coxilha do Quero-Quero – Chapecó

3º lugar: CTG Os Carreteiros – Caxias do Sul

Veterano

1º lugar: CTG Os Carreteiros – Caxias do Sul

2º lugar: CTG Brasão do Rio Grande – Canoas

3º lugar: CTG Paixão Cortes – Caxias do Sul

Adulto

1º lugar: Conjunto Folclórico Os Riograndenses – Campos Borges

2º lugar: CTG Arua Grupo Danças Os Tropeiros – Caxias do Sul 3º lugar: CTG Vaqueanos D’Oeste – Chapecó

Declamação

Prenda Mirim

1º lugar: Anne Freitas Bittencourt – CTG Ronda Charrua

2º lugar: Bárbara Ceconi – CTG Sinuelo

3º lugar: Luana Zanella – CTG Tio Carlo

Peão Mirim

1º lugar: Paulo Henrique Massoline – CTG Vaqueanos D’Oeste

2º lugar: Teylor Mateus Brito de Oliveira – CTG Marco da Tradição

3º lugar: José Rafael Turella – DTG Herança da Tradição

Prenda Juvenil

1º lugar: Laura Sandri Scain – CTG Porteira da Serra

2º lugar: Ana Vitória Cioato – CTG Porteira da Serra

3º lugar: Laura Wengenovcz Orzechowski – CTG Coxilha do Quero-Quero

Peão Juvenil

1º lugar: Murilo Mancio dos Santos – CTG Os Carreteiros

2º lugar: Alex Sandro Uliana– CTG Coxilha do Quero-Quero

3º lugar: Arthur Santos Calgaro – CTG Paixão Cortes

Prenda Veterana

1º lugar: Thais Dutra da Rosa – CTG Coxilha do Quero-Quero

2º lugar: Andreia Taiza Sandri Machado – CTG Porteira da Serra

3º lugar: Odete Pereira dos Santos – CTG Laço da Amizade

Peão Veterano

1º lugar: Luciano Salerno – CTG Brazão do Rio Grande

2º lugar: João Matos – CTG Imigrantes e Tradição

3º lugar: Moacir Oliveira Machado Cardoso – CTG Porteira da Serra

Prenda Adulta

1º lugar: Amanda de Souza – CTG Ginetes da Tradição

2º lugar: Thaise de Anhaia Prates – Querência da Poesia Xucra

3º lugar: Roberta Castilhos – CTG Porteira da Serra

Peão Adulto

1º lugar: Pablo da Rosa – CTG Vaqueanos D’Oeste

2º lugar: João Vitor Carvalho dos Santos – CTG Brasão do Rio Grande 3º lugar: Leonardo Cela Cavalli – CTG Vaqueanos D’Oeste

Gaita

Gaita Ponto até 15 anos

1º lugar: Rubne Rieth Catapan – GAN Lagoa Vermelha

2º lugar: Arthur Santos Calgaro – CTG Paixão Cortes

3º lugar: Bruno da Rocha – CTG Vaqueanos D’Oeste

Gaita Ponto + 16 anos

1º lugar: Luiz Miguel Melos Valin – CTG Sinuelo

2º lugar: Jean Magnabosco – CTG Campestre de Guachos

3º lugar: Mateus Luiz Rodrigues Dal Pra – CTG Porteira da Serra

Gaita Tecla até 15 anos

1º lugar: Ruan Tafarel da Costa – CTG Os Carreteiros

2º lugar: Arthur Santos Calgaro – CTG Paixão Cortes

3º lugar: Rubne Rieth Catapan – GAN Lagoa Vermelha

Gaita Tecla + 16 anos

1º lugar: Luiz Miguel Melos Valin – CTG Sinuelo

2º lugar: Mateus Luiz Rodrigues Dal Pra – CTG Porteira da Serra

3º lugar: Heitor Carlos Calgaro – CTG Paixão Cortes

Solista Vocal

Prenda Mirim

1º lugar: Milena Vieira da Silva – CTG Coxilha do Quero-Quero

2º lugar: Giovana Martina Negri – DTG Sinuelo do Pio XII

3º lugar: Gabriele Tapparo Mattiello – ACTG Portal da Serra

Peão Mirim

1º lugar: Diego Maradona dos Santos Alves – CTG Essência da Tradição

2º lugar: Pedro Henrique Pereira Camargo – DTG Sinuelo do Pio XII

3º lugar: Francisco de Lucena Mello – CTG Imigrantes e Tradição

Prenda Juvenil

1º lugar: Ketlin Rodrigues dos Santos – ACTG Portal da Serra

2º lugar: Tamyres Torezan Piazza – CTG Cancela do Imigrante

3º lugar: Jeisiane Alves da Silva – CTG Pampa do Rio Grande

Peão Juvenil

1º lugar: Eduardo Souza Rodrigues – CTG Campo dos Bugres

2º lugar: João Vitor Soldatelli Sandri – CTG Porteira da Serra

3º lugar: João VitorVedana Marques – CTG Porteira da Serra

Prenda Adulta

1º lugar: Suelen Balardin Castagna – CTG Porteira da Serra

2º lugar: Vivian Cioato Rizzon – CTG Porteira da Serra

3º lugar: Fernanda Cavalheiro – CTG Pampa do Rio Grande

Peão Adulto

1º lugar: Guilherme Souza Rodrigues – CTG Campo dos Bugres

2º lugar: Rodrigo Ziliotto – CTG Sinuelo

3º lugar: Moacir Oliveira Machado Cardoso – CTG Porteira da Serra

 

Participe da Roda de Chimarrão Virtual

20 de abril de 2015 1

#vempromate e #pelapazmundial são as hashtags  que prometem tomar conta das redes sociais entre os dias 21 e 24 de abril, durante o desafio virtual Vem pro Mate.  O objetivo é formar a maior roda de chimarrão virtual do mundo, com o tema da paz mundial.

Os internautas são convidados a postarem uma foto tomando chimarrão e a desafiar mais três amigos com as hashtags #vempromate e #pelapazmundial. O evento termina às 20h do dia 24, quando os internautas são convidados a se reunirem, dessa vez fisicamente, para uma roda de chimarrão e a leitura do poema Pela Paz Mundial, de Wilson Tubino. Imagens desse encontro também podem ser publicadas no Facebook.

O desafio é organizado pelo Movimento Tradicionalista Gaúcho, a Estância da Poesia Crioula, o Instituto Gaúcho de Tradição e Folclore, a Comissão Gaúcha de Folclore e o Instituto Escola do Chimarrão de Venâncio Aires. O Dia do Chimarrão foi instituído pela Lei Estadual 11.929, de junho de 2003. O dia 24 de abril foi escolhido por ser aniversário do primeiro Centro de Tradições Gaúchas, o 35 CTG.

vempromate

Pela Paz Mundial
(Wilson Tubino)

Chimarrão, seiva bendita
Sumo santo dos ervais
Misteriosa pajelança
Dos Guaranis Ancestrais

Medicina curandeira
Dos males do coração
Força atávica e invisível
Da fraterna comunhão

No silêncio dos teus mates
Sagrada e pura infusão
Sobe aos céus a mais perfeita
E a mais sublime oração

Ligando o homem da terra
Ao deus Tupã nas alturas
Paz trazendo aos corações
E harmonia às criaturas