Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Novo morador da Beira-Mar Norte

19 de dezembro de 2014 33
Homem dorme em rede na Beira-Mar Norte em Florianópolis. Guto Kuerten/DC

Homem dorme em rede na Beira-Mar Norte em Florianópolis. Guto Kuerten/DC

Há dois dias um homem amarra sua rede em duas árvores e dorme tranquilamente na Beira-Mar Norte em Florianópolis. No começo desta manhã de sexta-feira, 19, tentei falar com o cidadão. Ele não foi muito receptivo e não estava com cara de bons amigos.

Homem dorme em rede na Beira-Mar Norte em Florianópolis. Guto Kuerten/DC

Homem dorme em rede na Beira-Mar Norte em Florianópolis. Guto Kuerten/DC

Dei um bom dia para o rapaz. Coberto com o que eu acredito ser uma capa, levantou a cabeça não respondeu nada e se cobriu novamente. Acredito que não queria ser incomodado.
Quem corria na beira mar norte observava a cena com curiosidade. Enquanto fazia umas fotos do local uma mulher veio falar comigo.

A cena chama a atenção de quem corre na beira-mar. Guto Kuerten/DC

A cena chama a atenção de quem corre na beira-mar. Guto Kuerten/DC

_Olha a tranquilidade. Dorme no metro quadrado mais caro de Florianópolis. Na frente de apartamentos que custam milhões de reais_ disse a empresário Marcia Fernandes Dutra, 43 anos, dando risada.
Ontem eu já tinha percebido a presença do novo morador da beira mar norte enquanto estava indo para uma pauta na comunidade de Chico Mendes.

Tentei falar com o cidadão mas ele não quis falar comigo. Guto Kuerten/DC

Tentei falar com o cidadão mas ele não quis falar comigo. Guto Kuerten/DC

Comentários

comments

Comentários (33)

  • Daniela Santos diz: 19 de dezembro de 2014

    aff. tem de tudo nesta ilha!

  • Raquel diz: 19 de dezembro de 2014

    Se ele não estiver sujando e nem incomodando, deixa ele dormir tranquilo na rede dele, tanta coisa ruim q existe por ai , não vai ser com isso q as pessoas tem q se preocuparem.

  • SIDNEY – BRASILIA diz: 19 de dezembro de 2014

    Aqiu em Brasilia o bagulho é mais chique, em frente ao meu apartamento na Asa norte
    um vizinho aproveitou o período pós eleitoral e invadiu uma área de 100 m2 cercando-a e transformando em garagem e jardim. E o interessante é que ninguem se importou com a invasão.

  • Magda diz: 19 de dezembro de 2014

    Ele já esta guardando a vaga para a comemoração do ano novo.

  • dabeiramar diz: 19 de dezembro de 2014

    pois é não vai demorar muito, como é um pobre coitado muito provavelmente a policia já deve ter corrido com ele, pois ali só pode passar ricos e filhinhos de papai, ali pobre não tem vez

  • Cristina Dos Santos Soares diz: 19 de dezembro de 2014

    Acho que ele nao quis responder pq ele ja anda assustado…porq hj é muito mais facil ver alguém correndo com eles …Do que dividir um prato de comida…ELE FOI CRIATIVO….

  • Fabio Paes diz: 19 de dezembro de 2014

    Alta temporada na ilha da magia, deixa o cara em paz pow, ele não esta atrapalhando ninguém, apenas quer dormir, o mundo é livre, somos todos livres, se eu quiser dormir la eu também posso, eu pago meus impostos.. tenta fazer isso e sente só um pouco de liberdade em sua alma presa! :D Boa Sexta !

  • Luiza diz: 19 de dezembro de 2014

    Vai ver as diárias nos hotéis estão muito caras…então achou uma maneira criativa de economizar!!!

  • petronio silva leite diz: 19 de dezembro de 2014

    Chamou a atenção o fato de que uma das árvores (como disse o repórter) está a ponto de ser quebrada sob a ação do peso da rede. ISTO ESTÁ ERRADO! DANIFICAR UMA BELA PALMEIRA QUE COMPÕE O PAISAGISMO. HUMP!

  • Tatiane diz: 19 de dezembro de 2014

    A vida está fácil agora não é mesmo? Vem p Floripa e quer dormir na Beira Mar Norte, local mais cobiçado da ilha!! Por favor, vamos parar com a hipocrisia minha gente, quer morar aqui então conquiste seu espaço pagando os impostos devidamente como eu e tdos os moradores!!!! Era só que me faltava o município permitir isso…aqui não é o nordeste não…..no Sul não se tem essa cultura de dormir em qualquer pedaço de chão esticando uma rede!!

  • Ademir Azevedo diz: 19 de dezembro de 2014

    Olhando bem vocês vão ver aquela palmeira quase quebrando e é isso que vai ocorrer, palmeira que foi plantada com parte dos meus impostos, ali não é e nunca será local p/ dormir.

  • Maria diz: 19 de dezembro de 2014

    kkkkkkk bem que ele fez, é um direito dele de ir e vir ta certooo e está na constituição …ou só por q a “elite” que mora ali se julga melhor q o morador de rua, na real todos temos direito de ir e vir então, nós também podemos fazer um piquenique e colocar nossa rede ali, é público e com o pagamento de nossos impostos (que não são nada baratos nesse país chamado brasil) podemos fazer o mesmo.E os bundões que se acham donos da beira mar não têm nem q falar nada e respeitar o próximo .

  • Miriam Campos diz: 19 de dezembro de 2014

    Cada dia esses moradores de rua estão mais inovadores. Trabalho aqui no bairro Fazenda Santo Antônio em São José e na frente de nosso galpão tem uma construção para alugar que um morador de rua colocou uma cama Box de casal embaixo da marquise a ali dorme todos os dias acompanhado de seu cachorro.

  • Marcelo Fidallgo diz: 19 de dezembro de 2014

    Não moro na Beirmar, nem sou rico, mas acho engraçado os comentários preconceituosos contra as pessoas de maior poder econômico. Parece que ter muito dinheiro é defeito, é feio e errado. Isso me cheira a inveja de pessoas pobres de dinheiro e de cultura e que com esse pensamento curto não chegarão em lugar nenhum. O cidadão tem sim o direito de estender uma rede e dormir em qq lugar público, desde que não faça desde sua residência fixa, pois aí estaria tomando posse indevida de bem público. Td mundo defende pq por enquanto é um só, logo começam a vir outros, e junto vem as drogas, assaltos e outros crimes e quem paga imposto tem q ficar preso em casa.
    Atualmente falta mão de obra nas indústrias e na construção civil, só que é mais fácil pedir dinheiro e contar com a bondade dos outros do que trabalhar.

  • Adivar diz: 19 de dezembro de 2014

    Esta na constituição que pernoitar em local público e crime.
    Já pensou se essa moda pega, todos que vem pra Floripa dormindo nas praças.
    Há vai tirar soneca em outro lugar.

  • kelly diz: 19 de dezembro de 2014

    Que comentário desnecessário TATIANE. Aí não é mesmo o nordeste. Agora você querer dizer que os nordestinos dormem em quarquer espaço de chão já é demais. Você quer menosprezá-los porém tenho certeza que eles jamais fariam um comentário tão idiota. Logo chega o carnaval e você estará louca para ir curtir no nordeste onde tudo é mais divertido.

  • Juca diz: 19 de dezembro de 2014

    e a pleibóizada pira!!

  • mosca na sopa diz: 19 de dezembro de 2014

    as ironias da vida :

    @tatiane, mesmo com sua vida dificultada pelo peso dos impostos e a hipocrisia da vida na beira-mar, talvez ele consiga ajudar a todos que se distanciam da liberdade ao separarem o Brasil e as pessoas em castas. A liberdade não tem preço, e só se disfruta quando se tem coragem e cultura menos limitada por preconceitos.

  • mosca na sopa diz: 19 de dezembro de 2014

    ao ecologistas de plantão

    um pouca mais de intimidade com as palmeiras poderia melhorar o entendimento da sua real força, que resite através da flexibilidade.

    Alternativamente, se não pudermos nos contentar com a perda deste indivíduo, então talvez nós possamos cuidar de outras regiões da ilha com igual preocupação com a palmeira, que correm o iminente risco de tornarem-se outras Beira-mar ou quem sabe até Camburiú.

  • mirian silva diz: 19 de dezembro de 2014

    Deixa o cara ali meu povo quem não queria tar deitado em uma rede em plena beira mar de Florianópolis.
    Deixa ele ser feliz!!!

  • carlos elir diz: 19 de dezembro de 2014

    Gostei da idéia!! pena que eu não tenho rede, senão faria o mesmo! afinal…o país é democrático; pelo menos na constituição!!!

  • Luciano de BLUMENAU diz: 19 de dezembro de 2014

    O problema não é ele dormir nesse lugar, mas sim quebrar de vez essa palmeira que já está torta rsrsrs !!

  • Andréa Muniz diz: 19 de dezembro de 2014

    Querida Tatiane, você está sendo preconceituosa em citar Nordestinos que dormem em redes. Saiba que dormimos em redes sim e não em praça pública, em chão como a senhora desdenhou. Tiramos sim um cochilo nas redes em varandas das nossas casas ou apartamentos. Rede não é coisa só de nordestino não, basta ver nos jardins das casas dos ricos de Floripa.
    Procure se informar primeiro quem é o dorminhoco antes de nos atacar.

  • Ponderado diz: 19 de dezembro de 2014

    Depois que Maluf foi considerado ficha limpa , pode tudo e muito mais.

  • Observer diz: 19 de dezembro de 2014

    Ooo cambada, quero ver se vão achar bonito quando vvários passarem a fazer o mesmo. Daí serão os primeiros a bradar que é um absurdo, uma vergonha, ninguém faz nada e etc. O grande problema ali é cair o tal coqueiro em cima da cabeça dele, pporque é inapropriado pra pendurar a rede. E parem de posar de recalcados, quem passa de busao ali todo dia ve tudo quanto é tipo de gente usando a beiramar. Quem mora ali é só quem pode, masa ali é um espaço aberto a qualquer um. Não precisamos deixar as pessoas transformarem num pombal né. Se moda pega…

  • Guilherme diz: 19 de dezembro de 2014

    Pelo menos ele não KH na água como faz todo o resto dos riquinhos que moram ali.

  • Márcio diz: 19 de dezembro de 2014

    A inveja mata né ??
    Deixem ele em paz !!

  • Cris diz: 19 de dezembro de 2014

    Se essa onda pega!

  • felipe diz: 20 de dezembro de 2014

    Sugestão de pauta: Rapaz dormindo em rede causa alvoroço em quem acha normal governo tornar área pública na ponta do coral em particular.

  • Agnaldo Lima diz: 20 de dezembro de 2014

    Recado para a Sra. D. Tatiane e outros que pensam da mesma forma. Em qualquer parte do mundo existem os “sem abrigos” que se “viram” como podem para descansar, por algumas horas, das suas vidas já tão sem sentido. Pelas ruas de todo o mundo milhares de pessoas enrolam-se em cartões e jornais para dormir. Poucas são as pessoas que se preocupam com isso.
    Vós que tendes casas confortáveis, porque não convideis esse senhor e lhe ofereceis abrigo, em vez de criticardes a única solução que ele encontrou? Não achais que assim o problema se resolveria e os vossos “luxuosos metros quadrados à beira mar plantados” não estariam a ser ocupados por um cidadão que também tem direito ao respeito, à paz e à vida?
    Preocupais-vos com o destino de uma árvore, mas não vos preocupais com a mísera condição de um ser humano, quando centenas de árvores são derrubadas todos os dias para o enriquecimento de alguns e quase ninguém faz nada contra isso.
    No NORDESTE, Sra. D. Tatiane (apesar do vosso comentário sarcástico e de mau gosto), as pessoas são mais tolerantes, generosas, menos preconceituosas e menos snobs. Cumprimentos e que o vosso Natal e da vossa família seja bem mais alegre do que o Natal daquele Senhor, que dormindo numa rede ao relento é vítima do preconceito e da falta de generosidade de pessoas que emitem comentários sem, ao certo, saberem o que dizem. O resto é egoísmo e hipocrisia.

  • Sebastian diz: 21 de dezembro de 2014

    Muito “discursinho” enaltecendo a suposta liberdade desse cidadão e ofendendo os “playboyzinhos”, (como se eles tivessem culpa da situação). Mas não oferecem nem a garagem de casa pra um sem-teto dormir em noite de chuva e nem compartilham o Wi-Fi da própria casa com a vizinhança. Hipocrisia, te vejo por aqui…

  • Silvio S diz: 22 de dezembro de 2014

    Acho que antes de quererem retirar esse suposto mendigo que esta deitado numa rede na Av. Beira-Mar, aparentemente sem estar incomodando ninguem.. deveriam era se preocupar com outras coisas como: Criar novas vias para minimizar a mobilidade e engarrafamentos no verao. Eliminar as Servidoes(Ruas Curtas que so passam um carro). Tentar controlar a infestacao de Caramujos Africanos.. Colocar mais policiais, semaforos, melhores sinalizacoes, postos de saude, etc. Regularizar os imoveis sem Escritura Publica. Colocar mais estacionamentos no Centro e lugares de maiores aglomeracoes. A Casan deveria tomar providencias para evitar falta d’agua no verao. A rede eletrica da Celesc eh pessima tambem.. Pararem de pedir propinas para colocar ponto de agua ou energia em novos imoveis. Melhorar a estrutura do Aeroporto. Melhorar a qualidade do atendimento dos Taxistas e funcionarios dos estabelecimentos. Melhorar a qualidade do Transporte Publico. Parar com cretinices em discriminar Gauchos, Argentinos e outros turistas de outras regioes, sendo que muitos dos que discriminam turistas vivem do turismo.. Que feio isso, hein! E nem adianta detonarem as pessoas de outras regioes, pois aqui na Ilha tem mais gente de fora do que manezinhos. Parar com babaquices de chamar pessoas de fora de “Haole”.. ou “Fora Haole”.. e outros termos como: “Vem pra ca, mas nao vem morar aqui nao” “Esta achando algo ruim aqui, volta para tua cidade” “Bem vindo a florianopolis, nao esqueca de voltar para sua cidade”. Parar de abandonar caes(tanto seus respectivos caes, como abandonar filhotes nas casas dos outros). Parar de colocar lixos em lixeiras de terceiros. Parar de jogar pituca de cigarro no chao sem apagar. Parar com a “Farra do Boi”.. dentre outras tosquices aqui que se eu for colocar a lista eh grande desse povo primitivo que possuem pensamentos e costumes retrogados. Florianopolis poderia evoluir mais.. mas nao evolui, por causa de umas pessoas que pensam e agem de forma ridiculamente erradas ao extremo. Florianopolis nao parece nem sequer uma Capital. Inclusive, muitos interiores de varios estados ganham de Florianopolis em varios aspectos.. Estrutura, Hospitalidade, Educacao, Seguranca, Saude, etc. Floripa, Paraiso? Ilha da Magia?! Ho ho ho.. Amham..! (y) :D

  • Thiago diz: 22 de dezembro de 2014

    Ao recalcado do Sílvio S, se está tão ruim, basta voltar para sua origem. Provavelmente lá não há qualquer desses problemas. Deixe-nos, os manezinhos, aqui nessa “terrível” cidade que é Floripa.

Envie seu Comentário