Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Cartazes espalhados no centro de Florianópolis apresentam os deputados que foram a favor da PL 4330

17 de abril de 2015 19
Cartaz apresenta os deputados federais que aprovaram o polêmico projeto de lei. Guto Kuerten/DC

Cartaz apresenta os deputados federais que aprovaram o polêmico projeto de lei. Guto Kuerten/DC

Os protestos continuam. A parede de algumas agências bancárias no centro de Florianópolis estão com cartazes com o nome, a foto e o e-mail dos doze deputados federais catarinenses que votaram a favor da polêmica PL 4330, que regulamenta a terceirização dos contratos de trabalho no Brasil. A administradora de empresa Samantha Garcia Matos, 40 anos, não concorda com o projeto de lei e admite estar confusa. _Tem que ser feito um estudo melhor e um debate principalmente com as pessoas que vivem este dia-a-dia para depois ser votada. É um completo retrocesso da democracia brasileira e um desrespeito com o trabalhador brasileiro.

Curiosos param para ver melhor o cartaz com o nome dos deputados. Guto Kuerten/DC

Curiosos param para ver melhor o cartaz com o nome dos deputados. Guto Kuerten/DC

A Câmara dos Deputados aprovou na noite do último dia 4, por 324 votos a favor, 137 contra e duas abstenções, o texto principal do projeto de lei que trata da regulamentação do trabalho terceirizado no Brasil.

Os deputados que aparecem nos cartazes são: Rogério Peninha Mendonça, Valdir Colatto, Celso Maldaner, Edinho Bez, Mauro Mariani, Ronaldo Benedet – PMDB; Esperidião Amin – PP; Carmen Zanotto – PPS; Jorginho Mello – PR; Cesar Souza, João Rodrigues – PDS; Marco Tebaldi – PSDB.

Os deputados que não aparecem nos cartazes e votaram contra são: Jorge Boeira – PP, Geovania de Sá – PSDB, Pedro Uczai – PT e Décio Lima – PT.

Veja os nomes na lista divulgada no site da Câmara dos Deputados.

Comentários

comments

Comentários (19)

  • Ismael Jacques diz: 17 de abril de 2015

    Isso é para o povo aprender a deixar esses caras a anos mamando no governo, agora vai reclamar com Deus, povo burro.

  • Rudnei Moraes diz: 17 de abril de 2015

    Tem nomes ali que não me surpreendem nem um pouco, tipo Esperidião Amim, Edinho Bez, Cesar Souza , Ronaldo Benedet entre outros, sempre em defesa de benefícios próprios, mas… Burro é o povo, que colocaram esses safados lá pra ganhar mais de R$20.000,00 (fora os benefícios e auxílios) de salário para arrombarem o próprio povo, VAMOS APRENDER A VOTAR, que isso para! mas nas próximas eleições eles aparecem novamente, e o povo vota neles de novo.

  • ricardo oliveira diz: 17 de abril de 2015

    Parabéns pela iniciativa de quem elaborou o cartaz. Os trabalhadores de Santa Catarina tem o compromisso de saber o que cada parlamentar catarinense defende. Pasmen… Temos que divulgar sim… A maioria do PMDB sempre aliada do sistema feudal, capitanias hereditárias. Querem um trabalhador, paguem… Quer um especialista, pague melhor. Este projeto é o maior retrocesso para a democracia.. Dos 16 parlamentares 11 votaram a favor do projeto. Agora podemos ver que estes são farinha do mesmo saco. Nao sei por que nao muda a sigla mesmo. De um lado o partido dos empresarios e de outro dos trabalhadores. Pronto.

  • majorengo diz: 17 de abril de 2015

    Se a tal nominata foi feita pelos pelegos das camisas e bandeiras vermelhas que não querem perder mordomias sindicais e são filiais da organização criminosa do Petrolão os deputados estão sendo elogiados publicamente

  • Renato diz: 17 de abril de 2015

    Alguém imaginava que seria diferente? Que estes pensariam em defender o povo? Estão acreditando em Papai Noel.

  • MARIO ZUNIINO diz: 17 de abril de 2015

    FIQUE DE OLHO!

    A maioria dos artigos que constam do Projeto de Lei – PL 4330 que segundo a FIESC é uma conquista, já estão nas legislações vigentes ou sumulados pelo TST e não se cumpre – é balela. Todos conhecem um trabalhador terceirizados – quer ficar igual a ele, apoie a posição da FIESC\9empresários). Por quê que o empresariado quer por quer, aprovar o PL 4330 – Lei dos terceirizados? – Por quê – é bom para o trabalhador ou é bom para eles(empresários). Pense, pense, pense! – pensou, hum! tá bom!, quer que eu desenho, não né! – você é esperto.

    Mário Zunino
    Advogado

  • Antonio diz: 17 de abril de 2015

    Éum orgulho estes deputados aparecerem em cartazes, estão pregando o desenvolvimento, os que são contra, são os sindicatos e os pelegos incompetentes, q. só querem garantia de emprego, mordomias e vadiagem. Em Criciúma os sindicatos dos mineiros e metalúrgicos, assumiram a cooperminas e a coopermetal, as duas quebraram, estes caras não tem capacidade para gerir uma empresa, somente para mamar e fazer arruaças. Os presidentes estão ricos, os mesmos não pagaram nenhum encargos e nem energia elétrica, somente os seus altos salários. É por este motivo que todos estão com a documentação na polícia Federal. é só rolo, pelegado do PT, tem que acabar, botar na cadeia, máfia, cancer do Brasil.

  • Júlio Moises Lopes diz: 17 de abril de 2015

    Estou CO LOMBO ardido de tanto apanhar des nossos Politicos Catarinenses.Chega de reelegermos tais DEPUTADOS.Eles batalham para Eles e não ao POVO CATARINENSE.Dizia meu saudoso Amigo Nene da Sandra,faça prano que bobo não farta.Pura verdade.Na próxima vamos fazer uma limpa se prentendemos uma Santa e Bela Santa Catarina.

  • Nereu diz: 18 de abril de 2015

    O bom cabrito não berra, diz o dito popular. Quém estão berrando é o funcionalismo publico, que não quér perder a teta.

  • KÁTIA diz: 18 de abril de 2015

    ESSES SAFADOS,ELES TEM QUE PENSAR,E AJUDAR OS COITADOS DOS TERCEIRIZADOS A GANHAR MAIS.PQ ELES NÃO REUNEM E OLHEM O QUANTO GANHA UMA RECEPCIONISTA.O PISO DE UMA RECEPCIONISTA É BAIXISSIMO.NÃO SÓ,DE UMA RECEPCIONISTA,MAIS DE VIG.COPEIRAS,FAXINEIRAS E OUTROS.ISSO,É QUE ELES TEM QUE OLHAR COM CARINHO PQ ESSES TERCEIRIZADOS MERECEM GANHAR MAIS,DO QUE UM FUNCIONÁRIO PÚBLICO QUE CHEGA NO TRABALHO BATE O PONTO E VAI EMBORA.É UM ABSURDO,A EMPRESA GANHA DE TRES A QUATRO VEZES EM CIMA DE UM TRECEIRIZADO.ESSES POLITICOS PODERIAM FAZER MELHOR PELO OS TERCEIRIZADOS ELES MERECEM.ELES TRABALHAM HONESTAMENTE.

  • megalo diz: 18 de abril de 2015

    É incrível como tem gente que defende esses deputados profissionais, eles estão acabando com o país. Devemos ir pras ruas para exigir que acabem com o salários deles. Acredito que não ficara nenhum! Assim sobrará bastante dinheiro pra infraestrutura.

  • Beto diz: 18 de abril de 2015

    Cartaz populista e proposta contra essa lei também é populista. Precisamos de desenvolvimento, quem votou a favor, votou a favor do desenvolvimento do Brasil. Na maioria dos países de primeiro mundo funciona assim, porque aqui vai ser diferente?
    Os sindicatos não representam mais os trabalhadores, basta perguntar na sua empresa se os seus colegas concordam com a contribuição sindical obrigatória. Ou perguntem se algum sindicato é a favor do desenvolvimento da empresa, se quando um empregado fica desempregado por falta de qualificação, o sindicato dá cursos.

  • Gustavo diz: 18 de abril de 2015

    Alguém, aí dos comentários é dono de empresa? Pois bem! o que vai ser aprovado ou não, ninguém sabe. Até porque a matéria ainda esta sendo debatida. Na minha opinião, a nossa CLT é tendenciosa e os sindicatos que aí estão não servem pra nada, além de mamar as custas de quem trabalha. Sou dono de empresa e penso que as “conquistas” gritada aos quatros cantos, sejam realmente revistas.

  • Trouce Ponds diz: 18 de abril de 2015

    Este país foi destruído nos últimos 10 anos pela república sindicalista, gente sem nenhum caráter, sem nenhum conhecimento e cuja conduta ética e moral simplesmente jogaram o nosso país no chão e destruíram inúmeros avanços.

    Estamos no meio de uma gigante crise econômica e estes sindicalistas preferem que o povo fique sem emprego do que flexibilizar a nossa economia.

    Enquanto isso, o mundo avança e nós nos especializamos em corrupção e exportação de terra.

    Não se aumenta salário por decreto. As empresas simplesmente não vão contratar. Aquele concurso? Pode esquecer, não tem mais dinheiro. Essa lei amenizaria os efeitos da crise, mas talvez seja melhor que o povo sinta no lombo os efeitos da era PT, para que aprendem a nunca mais cair no conto do sindicalismo embusteiro.

  • alfonso ott diz: 18 de abril de 2015

    Para nós acabarmos de vez com a LP é simples – pasta os deputados pedirem aos empresários que FECHEM as empresas que o sindicato irão pagar os salários aos VADIOS.Os nossos deputados que votaram a FAVOR da nova lei estão certos pois queremos ver o BRASIL crescer e não ficar na MÃO de um cidadão que cortou um DEDO , quando era empregado p/não ser demitido da empresa, e ELE colocou este DEDO em lugar especial no POVO BRASILEIRO ……………

  • marina diz: 18 de abril de 2015

    Não precisa nem conhecer o conteúdo da PL 4330, basta ver quem votou favorável pra saber a quem ela atende.

  • Antonio Marco diz: 18 de abril de 2015

    Foram 12 Deputados(as) catarinenses contra os direitos trabalhistas, o meu, o seu, o nosso direito.
    Somente 4 Deputados(as) votaram a favor de nossos direitos trabalhistas.
    Lembre bem do nome de cada Parlamentar.

  • Ademar Vandresen diz: 19 de abril de 2015

    Bom dia, quem votou a favor da terceirização defendeu as Empresas e prejudicou os EMPREGADOS. No caso dos AGRICULTORES também foram prejudicados, porque terão intermediários na contratação de mão de obra, e com isto vai encarecer os custos aos Agricultores. Muita ingenuidade e incompetência destes deputados que votaram nesta proposta. Eles não sabem que contratados terceirizados ganham 27,2% em média a menos que empregados registrados nas nas Empresas e plano de saúde precário.

  • Andre diz: 22 de abril de 2015

    O Pais agora vai ficar como a China, Tailândia, México resumindo mão escrava os brasileiros trabalhadores vão sofrer com essa tirania, o primeiro impacto dessa lei vai ser a demissões de milhares de trabalhares sendo substituídos por trabalhadores terceirizados ganhando 30% a menos trabalhando 3 horas a mais sem nenhuma garantia de emprego isso é justo a maioria dos Deputados que votaram são empresários donos de grandes empresas objetivo deles é lucrar e escravizar os brasileiros! O salário do brasileiro já é uma vergonha imagina você ganhar 30% a menos, vale apena trabalhar? creio que isso vai gerar mais violência roubo nesse pais!

Envie seu Comentário