Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Falta comunicação e ambulância!

18 de novembro de 2009 3

Grave acidente entre dois caminhões formou grande congestionamento na SC-438, entre Bom Jardim da Serra e São Joaquim/Pablo Gomes

No dia 30 de julho deste ano, comentamos aqui no Diário da Serra sobre quatro acidentes de trânsito simultâneos que ocorreram na região e movimentaram todas as equipes de resgate existentes em Lages.

Por conta desta inesperada movimentação, acabou faltando socorristas para atender a um destes acidentes, no Centro da cidade, cuja vítima ficou vários minutos à espera de uma ambulância, ainda que, felizmente, sem gravidade.

Eis que a história se repete. Na tarde da última segunda-feira, eu subia a Serra do Rio do Rastro em direção a Lages e parei no posto da Polícia Militar Rodoviária para cumprimentar um amigo.

Ele não estava, mas um colega seu, um sargento, estava “maluco” com tantos telefonemas ao mesmo tempo.

Perguntou-me se eu iria até Lages, respondi que sim, então me informou sobre um grave acidente com dois caminhões que acabara de ocorrer na SC-438, entre Bom Jardim da Serra e São Joaquim.

E me pediu para avisar aos policiais que estavam no local da ocorrência, a cerca de 30 quilômetros dali, que, se precisassem de uma viatura avançada do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para atender aos feridos graves, precisariam acionar a unidade de Lages, a 100 quilômetros de distância, pois a ambulância de São Joaquim, a pouco mais de 20 quilômetros, estava estragada.

Pior que isso foi o sargento ser obrigado a me pedir tal favor porque não conseguia contato com os outros policiais, pois o sistema de comunicação é falho.

Cheguei ao local do acidente meia hora depois, e deparo-me com uma fila gigante na rodovia.

Percorri a pé cerca de um quilômetro e, ao encontrar os policiais, fui informado que, felizmente, os feridos haviam sido resgatados a tempo pelo Corpo de Bombeiros de São Joaquim, pois, de fato, a viatura do Samu estava quebrada.

Apesar da força do impacto, que chegou a arrancar a cabine de um dos caminhões, ninguém morreu. Que maravilha!

Mas se alguma das vítimas estivesse em situação um pouco mais grave, precisaria mais do que nunca da ajuda divina…

Postado por Pablo Gomes, Bom Jardim da Serra

Bookmark and Share

Comentários (3)

  • andré teodoro diz: 18 de novembro de 2009

    fumaça preta na serra, policia sem comunicaçaõ, ambulancia quebrada…. é… o governo do estato tá bem…

  • Névio Fernandes diz: 19 de novembro de 2009

    O Estado é um ente político e como tal elege prioridades de acordo com a sua linha de ação e interesse.A Serra Catarinense sempre foi preterida em seus pleitos, só possuindo valor em épocas de eleições e na Festa do Pinhão, vitrine de políticos.Nossa força política diminuta, aliada a economia não muito atrativa para investimentos e a concorrência com o litoral, fazem com que nossos problemas demorem a serem resolvidos e a infraestrutura precária se deteriore.Hoje, as decisões são centralizadas.

  • Jorge diz: 19 de novembro de 2009

    Não!!! Tu tá brincando né!!! Além dos camihões da casan as ambulancias do Samu também estão podres? Assim não dá……

Envie seu Comentário