Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts de agosto 2010

Catarinenses são os mais gordos do país

31 de agosto de 2010 1

Garotos na faixa dos 10 anos estão entre os mais obesos do Brasil. Foto: Alan Pedro

Os catarinenses na faixa dos 10 anos, entre 20 e 24 anos e as idosas a partir de 75 anos são os mais pesados do Brasil.

A constatação vem da Pesquisa de Orçamento Familiar (POF) e antropometria (relação entre o peso e altura) realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nos domicílios brasileiros entre 2008 e 2009.

A POF concluiu que a população brasileira está engordando em velocidade acelerada. Os quilos extras foram verificados em todas as faixas etárias, independente de sexo, região ou estrato de renda.

A mudança do estilo de vida – aumento de ingestão de alimentos com açúcar, gordura e sódio –, redução da prática da atividade física e hábitos sedentários são fatores apontados por estudiosos para justificar sobrepeso (quando o IMC está entre 25 e 30) e obesidade (quando o índice está superior a 30) dos catarinenses.

Santa Catarina teve destaque no ranking dos obesos. O Estado ocupa as primeiras posições em três das cinco faixas etárias analisadas pelo IBGE.

Pablo Gomes, Lages

Crack, nem pensar

Bookmark and Share

Nove anos e o sofrimento por ser gordo

31 de agosto de 2010 0

Garotinho de nove anos pesa mais de 44 quilos e sonha em emagrecer. Foto: Alan Pedro

Os garotos catarinenses de 10 anos, os jovens de 20 a 24 anos e as idosas a partir de 75 anos são os mais pesados do Brasil.

Em Lages, encontramos um garotinho que sofre com essa realidade. Ele tem nove anos, é filho de pais acima do peso ideal, gosta de comer e está com preocupantes 44,5kg.

A irmã, de seis anos, tem 26kg e já começa a apresentar os primeiros “pneuzinhos”. Mas a família garante que isso vai mudar.

Quando o menino era bebê, os pais, um pintor de 31 anos, e a mãe, uma auxiliar de cozinha de 29, achavam o máximo o filho ser fofinho. Hoje, se preocupam com a situação.

O excesso de peso incomoda a criança de várias maneiras, especialmente pelo fato de não conseguir acompanhar os amigos no futebol e, na escola, ser alvo de muitas piadas.

Mas, com a ajuda dos pais, ele garante que vai emagrecer. Ainda que sem a orientação de profissionais como médico ou nutricionista, o menino, a irmã e os pais entraram em uma dieta caseira à base de verduras e frutas, cortando doces e refrigerantes.

O menino, que completa 10 anos em maio de 2011, quer festejar a data com 10 quilos a menos. Quer se livrar das dificuldades que já enfrenta. Não desista, garoto. E boa sorte!

Pablo Gomes, Lages

Crack, nem pensar

Bookmark and Share

Localizado o corpo do escritor Graciano Martello

31 de agosto de 2010 0

Após dez dias de buscas, o Corpo de Bombeiros e a Capitania dos Portos encontraram na manhã desta terça-feira o corpo do escritor Graciano Martello, de 78 anos.

Ele se afogou ao cair de um barco de pesca no lago da represa da Usina Hidrelétrica Barra Grande, no município de Anita Garibaldi.

Na ocasião, o motor da embarcação travou e dois filhos de Graciano, que estavam com ele, ainda tentaram puxá-lo de volta à superfície, mas não conseguiram.

O trabalho de buscas foi difícil, pois na região o lago tem aproximadamente 35 metros de profundidade e muitos galhos. O corpo foi encontrado a dez metros do local do acidente.

Pablo Gomes, Anita Garibaldi

Crack, nem pensar

Bookmark and Share

Região começa a ser presenteada com shows inteligentes e de qualidade

30 de agosto de 2010 2

Em julho, Humberto Gessinger e Duca Leindecker emocionaram os fãs de Engenheiros do Hawaii e Cidadão Quem em duas apresentações na Serra. Fotos: Alvarélio Kurossu

Com todo o respeito a todos os gostos, mas felizmente, para a alegria de muitos e para o bem da cultura, a Serra Catarinense vai se rendendo aos grandes shows – grandes não em quantidade de público, mas em qualidade.

A música tradicionalista, o sertanejo e o pagode são bastante populares e nunca perderão espaço.

Mas o público mais exigente, que gosta de algo mais produzido e não curte o modismo que se espalha pelo país comemora uma atenção maior ao rock’n roll e outros estilos baseados nas letras inteligentes.

Após a 22ª Festa Nacional do Pinhão, quando predominaram os shows sertanejos, a região começou a receber atrações que fazem jus ao berço de grandes nomes como Expresso Rural, Orquídea Negra, Lenzi Brothers, Brazil Hi-Fi, The Zorden e tantos outros.

Em julho, Lages e São Joaquim receberam o incrível show do Pouca Vogal, um duo entre Humberto Gessinger, dos Engenheiros do Hawaii, e Duca Leindecker, do Cidadão Quem.

Depois vieram The Beetles, banda argentina considerada o maior cover dos The Beatles no mundo; Edinho Santa Cruz e Banda, com o melhor do rock internacional; e em outubro chegam os “dinossauros” escoceses do Nazareth.

Se formos fazer uma lista de boas atrações que podem voltar ou aparecer por aqui, dá para apontar alguns nomes como Creedence – que já tocou em Santa Catarina algumas vezes -, Nando Reis, Zé Ramalho, Titãs, Paralamas do Sucesso, Nenhum de Nós, Papas da Língua, TNT… e por aí vai.

Apesar de estes shows nem sempre atraírem um público tão grande como os sertanejos, por exemplo, é importante que a região receba atrações de elevadíssimo nível cultural.

Não precisa o lageano sair de sua cidade e atravessar o país para ver um belo show de rock’n roll.

É só fazer por aqui mesmo, pois quem gosta vai, nem que precise pagar um pouco mais por isso.

Parabéns a quem aposta nestes eventos. A região fica conhecida como um centro de boa música, o público muitas vezes carente de qualidade fica feliz e nós teremos boas notícias para contar.

Pablo Gomes, Lages

Crack, nem pensar

Bookmark and Share

Garoto maroto travesso...

30 de agosto de 2010 2

Público chegou ao Centro Serra no domingo à noite para ver o Sorriso Maroto, mas deu de cara com a porta fechada e um recado sobre o cancelamento do show. Fotos: Divulgação

Após o cancelamento da peça teatral “O inferno sou eu”, com a participação da atriz Marisa Orth, Lages perdeu outro show nacional neste fim de semana.

Estava marcada para domingo à noite, no Centro Serra Convention Center, a apresentação do grupo de pagode Sorriso Maroto.

Ingressos em mãos, os fãs dirigiram-se ao local do evento, mas deram com a cara na porta. Literalmente.

Na porta do Centro Serra, um comunicado de cancelamento do show por “problemas técnicos” e um funcionário explicando ao público que até mesmo a direção da casa estava surpresa com o cancelamento, já que estava tudo certo para a apresentação.

O Centro Serra nada tinha a ver com o show, exceto o fato de ter alugado a sua estrutura, como faz com qualquer evento.

Pelo recado deixado na porta, a organização destaca que uma nova data será marcada para o show do Sorriso Maroto. Assim, quem quiser, pode segurar o ingresso, pois terá validade.

Quem optar pelo reembolso dos ingressos de pista, deverá procurar o ponto de venda onde fez a aquisição a partir do próximo dia 6 de setembro.

Já quem comprou ingressos para a área vip deve entrar em contato pelo telefone (49) 9966-3855 também a partir do dia 6.

Dúvidas, reclamações e informações pelo e-mail maikoncarneiro@hotmail.com.

Pablo Gomes, Lages

Crack, nem pensar

Bookmark and Share

Mais livros na maior biblioteca da região

26 de agosto de 2010 0

Aquisição de livros foi a maior dos últimos três anos na Uniplac. Foto: Taina Borges, Divulgação/Uniplac

A biblioteca da Universidade do Planalto Catarinense (Uniplac) é considerada a maior da Serra Catarinense, com um acervo de mais de 150 mil volumes entre livros, CDs, DVDs e monografias.

A partir desta semana, a comunidade acadêmica e externa poderá contar com mais 104 títulos, o que representa 500 volumes a mais nas prateleiras, contemplando as diversas áreas do conhecimento.

Até o fim do semestre, o número de novas aquisições deve se aproximar de 1 mil volumes.

Esta foi a maior aquisição desde o ano de 2007. Algumas das obras já estão disponíveis para consulta e empréstimo.

Na internet, alunos e funcionários têm acesso à lista dos novos livros. A verificação pode ser feita na página da Uniplac, no menu biblioteca – últimas aquisições.

A compra das obras é feita semestralmente pela Uniplac. Os professores fazem os pedidos, por meio de um formulário digital, com o nome do autor, título da obra e quantidade.

A partir do dia 14 de setembro os docentes da Uniplac poderão fazer os pedidos para o primeiro semestre de 2011.

* Com informações da Assessoria de Comunicação da Uniplac

Bookmark and Share

Cancelado o show de Marisa Orth em Lages

26 de agosto de 2010 1

Tudo bem, Marisa, fica para a próxima... Foto: Divulgação

Está cancelada a apresentação da peça teatral “O inferno sou eu”, com a atriz Marisa Orth, que ocorreria nesta sexta-feira, no Teatro Marajoara, em Lages.

A organização explica que as vendas de ingressos não atingiram o número suficiente para viabilizar o espetáculo, e uma nova data será marcada.

Fica para a próxima.

Aliás, faz tempo que a cultura está ficando para a próxima…

Pablo Gomes, Lages

Crack, nem pensar

Bookmark and Share

Cuidado com os buracos, o acostamento estreito, a sinalização precária, a placa coberta, os motoristas malucos...

26 de agosto de 2010 2

Placa coberta pelo mato na SC-438, em São Joaquim, é um símbolo dos problemas das rodovias estaduais da Serra Catarinense. Foto: Alan Pedro

Não é de hoje que moradores, motoristas e turistas reclamam das condições das rodovias estaduais da Serra Catarinense, especialmente a SC-438, que liga Lages a Tubarão, e a SC-458, que vai de Capão Alto a Anita Garibaldi.

Buracos e mais buracos, acostamento precário, sinalização pior ainda. Estas rodovias só não são tão sanguinárias porque têm um tráfego relativamente pequeno se comparado ao de outras estradas do Estado.

Mas vale destacar que, no caso da SC-438, é uma rodovia turística, por onde passam milhares de veículos de todo o Brasil, principalmente no inverno.

Além disso, é uma importante via de escoamento, já que por ali rodam os caminhões carregados com as 300 mil toneladas da melhor maçã do mundo produzidas anualmente na região de São Joaquim.

Um símbolo do descaso com a SC-438 é esta placa que indica ultrapassagem proibida (foto acima).

A sinalização está em um barranco à beira da rodovia, na altura do Km 84, nas proximidades do Snow Valley (Vale da Neve), em São Joaquim.

Só que a placa está completamente coberta pelo mato. Pelo menos estava há alguns dias, quando passamos por lá e registramos a foto.

Pode ser que o problema já tenha sido resolvido, mas é fato que permaneceu por um bom tempo. Afinal, mato nenhum cresce tão rápido a ponto de cobrir uma placa de trânsito de um dia para o outro.

Tudo bem que muitos motoristas não respeitam a faixa dupla daquele trecho, que é uma reta – faixa dupla, aliás, bem apagada – e nem respeitariam a placa se estivesse visível.

Registre-se ainda que a SC-439, nos trechos de Urupema a Rio Rufino e entre Urubici e a Serra do Corvo Branco, está sendo pavimentada. Que bom.

Mas uma rodovia como a SC-438, por onde passam perto de dois mil veículos por dia, precisa com urgência de uma revitalização e uma manutenção constante.

Antes que a maçã, responsável por 70% da economia da região, pare de chegar aos mercados mais ricos do país; antes que o turista pare de visitar a região; antes que vidas sejam destruídas.

Pablo Gomes, São Joaquim

Crack, nem pensar

Bookmark and Share

Marisa Orth é Simone de Beauvoir em Lages

25 de agosto de 2010 0

Eternizada como a simpática Magda, do extinto programa Sai de Baixo, da TV Globo, Marisa Orth se apresenta nesta sexta-feira, no Teatro Marajoara, em Lages. Foto: Divulgação

Como seria o encontro de Simone de Beauvoir com Dorinha, uma jovem estudante de Letras do Recife, em 1960, apaixonada pelos ideais libertários da época?

Muito já foi dito e escrito sobre a escritora e filósofa francesa, e mesmo quase 30 anos após a sua morte, as discussões sobre sua vida e obra continuam extremamente atuais.

Quando casados, Jean Paul Sartre e Simone de Beauvoir ficaram três meses no Brasil em 1960, e seus últimos dias foram passados no Recife.

Como Simone ainda não estava curada de tifo, que contraíra na Amazônia, eles se hospedam na casa de Marta, por quem Sartre se apaixona. Marta, então, contrata Dorinha para cuidar de Simone.

Com muita sensibilidade e humor, a peça teatral “O inferno sou eu”, que conta com a participação da atriz Marisa Orth, eternizada como a simpática Magda do extinto programa Sai de Baixo, da TV Globo, será apresentada nesta sexta-feira em Lages.

O espetáculo retrata um encontro improvável, mas transformador, entre duas mulheres de realidades totalmente diferentes que irão se conhecer além das aparências.

Além de resgatar um período de grande efervescência cultural no Brasil como os anos 60, a peça resgata a memória desses importantes intelectuais franceses ao discutir temas importantes e atemporais como os relacionamentos amorosos e o papel da mulher na sociedade.

No show, Marisa, juntamente com a atriz Paula Weinfeld, interpreta a escritora francesa Simone de Beauvoir, que foi casada com o filósofo John Paul Sartre, dono da frase “o inferno são os outros”.

Daí o título do espetáculo, que fala da condição humana através de uma ótica feminina.

SERVIÇO

* Espetáculo “O inferno sou eu”, com Marisa Orth e Paula Weinfeld;

* Sexta-feira, 26 de agosto, a partir das 20h30min;

* Teatro Marajoara, Rua Nereu Ramos, Centro de Lages;

* Ingressos já à venda e limitados a 480 pessoas por R$ 40 e R$ 20 (estudantes e idosos);

* Mais informações pelo telefone (49) 3224-8325.

Bookmark and Share

Agente prisional que filmou agressões a detentos em presídio no Sul do Estado será transferido para a Serra

25 de agosto de 2010 1

Agressões foram filmadas e o chefe de segurança do presídio foi indiciado por tortura. Foto: Reprodução

O agente prisional que filmou a agressão do chefe de segurança do Presídio Regional de Tubarão, no Sul de Santa Catarina, a dois detentos em maio recebeu um comunicado de transferência para atuar na carceragem da delegacia regional de São Joaquim, na Serra catarinense.

Ele vê a transferência como uma retaliação, já que o processo administrativo no Departamento Estadual de Administração Penal (Deap) ainda está em andamento.

Clique aqui para ler a reportagem completa produzida pelo jornalista Marcelo Becker, do Diário Catarinense, e para ver o vídeo da agressão.

Bookmark and Share