Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

O que? Onde? Como?

29 de outubro de 2010 1

Placas em São José do Cerrito (acima) e em Correia Pinto (abaixo) confundem os motoristas. Fotos: Alvarélio Kurossu e Divulgação

Mas calma, amigos, placas erradas ou que levam ao nada não são exclusividade de Lages.
Vejamos essas duas situações, flagradas pelo repórter fotográfico Alvarélio Kurossu em São José do Cerrito (foto de cima) e por um leitor do Diário da Serra em Correia Pinto (foto de baixo).

Uma placa indica o caminho pelo meio do mato passando por uma cerca. A outra mostra uma lombada dentro do pátio de uma escola.

E por aí vai… Como diz um amigo: mais perdido que cebola em salada de frutas!

Pablo Gomes, Lages

Bookmark and Share

Comentários (1)

  • josé ernani freitas diz: 29 de outubro de 2010

    Acho, que os casos citados ocorrem da falta sincronismo entre os setores de obras e
    os de sinalização. O pessoal da sinalização está com o “time” avançado. Vêem as
    obras nas pranchetas, correm colocar as placas. É eficiência demais!
    Tão incrível quanto a colocação de tais placas, é sua permanência no local, por dias,
    deduzo, já que houve tempo suficiente para a reportagem fotografá-las.
    Perdoem-me, se houver explicações lógicas para os casos inusitados.

Envie seu Comentário