Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

A defesa do vereador preso

30 de maio de 2012 1

Valdeci Garcia (PMDB) foi preso por coação de testemunhas. Foto: Reprodução, RBS TV Centro-Oeste

A reportagem do Diário Catarinense insistiu para conversar com algum advogado ou assessor de Valdeci Garcia na Câmara de Curitibanos, mas a informação foi a de que ele não tem assessor e de que ninguém tinha os contatos do advogado ou qualquer outra pessoa próxima ao vereador.

Das 17h às 20h30min de terça-feira, a reportagem ligou para o celular de Valdeci por três vezes, deixou recado na caixa postal e enviou mensagem de texto, mas ninguém atendeu ou retornou as ligações.

Pablo Gomes, Curitibanos

Bookmark and Share

Comentários (1)

  • Schell diz: 30 de maio de 2012

    Se ele está preso, mesmo assim acharam que iria atender o celular? Ué, não há uma grita geral em SC para que as operadoras façam o bloqueio dos sinais nas penitenciárias? E, em Curitibanos, vereador iria preso e manteria ligado o seu?

    Comentário do blog:

    Uma pessoa pode estar presa, mas o seu celular pode não ter sido apreendido e pode, inclusive, estar com algum parente, amigo ou advogado.

    Daí a insistência em telefonar. Até porque, esgotadas todas as outras formas de contato, não nos restava outra alternativa se não ligar para o celular do próprio vereador, uma vez que o bom jornalismo exige que todos os lados sejam ouvidos.

    Abraços!

Envie seu Comentário