Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts de agosto 2012

"Não sou bandido e nem líder de gangue"

31 de agosto de 2012 6

Adolescente de 16 anos admite o erro de agredir outro menor que não esboçou qualquer reação, mas nega ser integrante do grupo. Foto: Pablo Gomes

Escondido dentro de casa e visivelmente nervoso, o jovem de 16 anos apontado como suposto líder de uma gangue que vem aterrorizando adolescentes em Lages, na Serra Catarinense, recebeu a reportagem do DC na tarde de quinta-feira para se defender das acusações.

Ele aparece em um vídeo agredindo um garoto que não esboça qualquer reação em plena luz do dia em um dos parques mais movimentados da cidade.

As imagens, gravadas por amigos do agressor, foram para a internet. O caso repercutiu rapidamente, e agora ele se diz arrependido e com medo.

Na companhia da mãe, que pede absoluto sigilo sobre sua identidade, endereço, profissão e local de trabalho, o adolescente jura que não é bandido e não pertence a nenhuma gangue, mas admite que é amigo de integrantes do grupo, cuja “sede” seria no Bairro Gethal, um dos mais problemáticos de Lages com relação à criminalidade.

De fato, ele não tem aparência de marginal, tem a voz fina de criança e o corpo franzino de um garoto com até menos de 16 anos. Mas o que ele fez, e está ciente disso, foi de covardia e brutalidade condenáveis.

_ Admito que errei. Nada justifica o que eu fiz. Ele estava sentado e não reagiu. Mas não sou bandido e muito menos líder de gangue. Me julgam sem saber metade do que fizeram para mim.

Continua…

Bookmark and Share

Arrependido e com medo, agora ele só quer paz

31 de agosto de 2012 2

Arrependido da agressão contra o garoto do vídeo e contra o filho do casal que o denunciou à polícia e à imprensa, até porque ambos os casos adquiriram proporções que ele jamais imaginaria, mesmo utilizando a internet para fazer comentários irônicos sobre as brigas e suas vítimas, o adolescente diz agora temer pela sua segurança, pois estaria sendo ameaçado inclusive de morte.

_ Estão me ameaçando e dizendo que vão quebrar meus dedos, os meus dentes e depois vão me dar um tiro na cabeça. É claro que estou com medo. Quem não ficaria sendo ameaçado de morte?

Admitindo o erro, arrependido e com medo, agora o adolescente quer paz. Ele jura perante a mãe que não quer saber mais de encrenca e vai se dedicar aos estudos, pois já reprovou três vezes e está apenas na oitava série, quando já poderia estar se preparando para entrar na universidade.

A mãe também admite o erro do filho e atribui isso às más companhias. Ela diz que, quando está no trabalho ou em casa, não sabe o que o garoto apronta na rua.

E depois de um sermão e uma bronca bem dada, espera que o filho se comporte e pede que deixem a família em paz.

_ Fiquei assustada com a repercussão. Meu filho errou, sim, e que isso sirva de lição para ele mudar. Mas ele não é marginal e não pertence a nenhuma gangue. Ele estuda e é de bom coração. Só peço que agora nos deixem em paz.

Pablo Gomes, Lages

Bookmark and Share

Hoje tem Camerata no Sesc!

31 de agosto de 2012 0

“ACORDES AO VENTO”

Concerto que tem como objetivo mostrar a riqueza de músicas sulistas e a versatilidade do Tango argentino. A Camerata Vento Sul iniciou suas atividades no começo do ano de 2011, com o intuito de divulgar a música instrumental, e as múltiplas possibilidades musicais que oferece o violão, instrumento escolhido pelo grupo como seu meio de comunicação com o público.

A Camerata Vento Sul é formada por músicos instrumentistas de diferentes formações e estilos, é considerada pioneira em música instrumental na Serra Catarinense, pelas suas releituras de músicas que transitam entre o popular e o erudito. Atualmente o principal trabalho do grupo é o concerto Acordes ao Vento, que é composto por músicas de cunho sulista e tangos.

Missão Ser agentes na divulgação da música instrumental, assegurando lugar de destaque para o Violão, respondendo ao compromisso de seus integrantes de formar apreciadores da boa música. O principal trabalho da Camerata Vento Sul são os concertos temáticos, onde transparece o compromisso do grupo pela execução de música de boa qualidade, com arranjos de temas musicais conhecidos, feitos geralmente pelos seus Integrantes.

Camerata Vento Sul (Lages/SC)
Horas: 20h
Local: Teatro SESC/Lages
Classificação etária: Livre
Entrada Franca

Bookmark and Share

Gangue aterroriza adolescentes em Lages

30 de agosto de 2012 0

Uma gangue que vem espalhando o terror entre adolescentes de Lages, na Serra Catarinense, está na mira da polícia.

O grupo, formado por jovens com menos de 18 anos, caracteriza-se por espancar quem bem entende por motivos fúteis e, enquanto pratica as agressões, alguém grava para divulgar na internet.

Estudantes da rede pública são as principais vítimas, e muitos deles estão trocando de escola ou deixando de ir para a aula com medo de que algo pior lhes aconteça.

A atuação da gangue, que tem até um nome, a exemplo de facções criminosas do Rio de Janeiro e São Paulo, veio à tona nesta quarta-feira, quando os pais de uma das vítimas espalharam pelas redes sociais um vídeo divulgado pelo próprio grupo após a agressão a dois jovens.

Na gravação, o suposto líder da gangue, de 16 anos, acerta um soco e um chute no rosto de um garoto que está sentado e não esboça nenhuma reação.

A data é incerta, mas o episódio ocorreu em plena luz do dia no Parque Jonas Ramos, o Tanque, um dos mais movimentados de Lages, no Centro.

Pelo twitter, o jovem também faz comentários irônicos sobre as brigas e zomba das suas vítimas.

Continua…

Bookmark and Share

Pais de vítima divulgam vídeo na internet

30 de agosto de 2012 0

André e Genicéia fazem um alerta aos pais para que protejam os seus filhos da gangue. Foto: Vani Boza

Os pais de uma delas, que não está no episódio do vídeo, decidiram divulgar as imagens como um alerta a outros pais para que protejam os seus filhos da gangue, cuja “sede” seria no Bairro Gethal, um dos mais problemáticos de Lages com relação à criminalidade.

A intenção do militar do Exército André dos Santos, de 40 anos, e da operadora de marketing Genicéia Camargo dos Santos, 37, é evitar que outros jovens sofram o mesmo que o seu filho de 14 anos.

Na quarta-feira passada, 22, o garoto e um amigo estavam muito felizes porque, naquele dia, pegaram pela primeira vez suas carteiras de trabalho, obtidas mediante um programa de menores aprendizes.

Só que enquanto espalhavam currículos em supermercados à procura de emprego, foram surpreendidos pela gangue, que os espancou sem dó quase até a morte.

O adolescente sofreu sérios ferimentos no rosto e em todo o corpo e teve suspeita de traumatismo craniano. Agora, está com muito medo de sair de casa e ser atacado novamente.

André e Genicéia já denunciaram os pais do suposto líder da gangue à polícia e irão acioná-los na Justiça.

_ Dá muita raiva ver o seu filho sofrendo desse jeito por causa de um marginal _, desabafa a mãe.

Continua…

Bookmark and Share

Polícia e escola confirmam existência da gangue

30 de agosto de 2012 0

Polícia Militar garante que faz rondas e marca presença nas proximidades das escolas de Lages. Foto: Guto Kuerten, abril de 2007

Geralmente, a gangue se concentra no fim da tarde, nas proximidades da Escola Nossa Senhora do Rosário, no Bairro Coral, onde o suposto líder estudava até poucos dias atrás e de onde o filho de André e Genicéia precisou sair por segurança.

A agressão contra ele, inclusive, ocorreu quase em frente à escola. A diretora Elaine Costa admite a existência da gangue e a possível participação de alguns dos seus alunos, mas garante que o grupo não atua dentro da instituição.

_ A briga foi bem séria, mas fora da escola. Aqui dentro temos domínio sobre os alunos, mas além dos nossos portões, não podemos garantir nada. Sempre que vimos a gangue nas proximidades da escola, acionamos a Polícia Militar para estar presente e, assim, inibir a atuação do grupo.

A Polícia Militar também confirma a existência da gangue. O comandante do batalhão em Lages, tenente-coronel Adilson Moreira, diz que o setor de inteligência sabe do vídeo da agressão no Tanque e está identificando os membros do grupo para repassar as informações ao Ministério Público para que a promotoria tome as providências cabíveis e necessárias inclusive contra os pais dos jovens.

O comandante diz ainda que a PM está em constante contato com as escolas e à disposição para realizar rondas e marcar presença nos horários de entrada e saída das aulas.

A reportagem do Diário Catarinense localizou o endereço do suposto líder da gangue, mas ninguém estava em casa para comentar as denúncias. O número de telefone não foi descoberto.

Pablo Gomes, Lages

Bookmark and Share

Teatro e Poesia HOJE no Sesc!

29 de agosto de 2012 1

“EVOCAÇÕES”

Tendo como base a obra em prosa poética Evocações, de Cruz e Sousa, o espetáculo é uma criação conjunta da Périplo Cia Teatral e da atriz Luiza Lorenz, com direção de Andrea Ojeda.

Pontuado com trechos da biografia do poeta, três textos em prosa são encenados, utilizando diversos recursos cenográficos e de atuação que valorizam e dão ao texto um outro patamar de leitura, valorizando e redescobrindo a obra através da atuação e da encenação.

29/08 (quarta) – Viapoesia
“EVOCAÇÕES”
Grupo: Cia. Aérea de Teatro (Fpolis/SC)
Horas: 20h
Local: Teatro SESC/Lages
Classificação etária: 12 anos
Entrada Franca

Bookmark and Share

Eu indico: Lages, a capital da Serra Catarinense

28 de agosto de 2012 0

A Catedral é um dos pontos turísticos de Lages preferidos do músico Fabiano Schlemper (camisa branca e cabelo comprido), baterista da banda Immigrant, de Floripa, e casado com uma lageana. Fotos: Alan Pedro, Agência RBS, 2011

Quer ir a uma cidade que reúne história, tradição, boa comida, lugares bonitos e gente bacana ao mesmo tempo?

Então a dica é visitar Lages, a “capital” da Serra Catarinense e oitava cidade mais populosa do Estado, com 160 mil habitantes, e também uma das mais antigas, com 245 anos.

Lages é o maior celeiro político de Santa Catarina. Seis governadores, incluindo o atual, Raimundo Colombo, são lageanos.

Um deles, inclusive, é também o único catarinense a ter sido presidente da República até hoje. Nereu Ramos ocupou o cargo máximo do Brasil de 11 de novembro de 1955 a 31 de janeiro de 1956, e seu legado está espalhado nas ruas, escolas e museus da cidade.

Além da história, Lages é também rica em pontos turísticos. E quem indica a cidade é Fabiano Schlemper, produtor de eventos e baterista da Banda Immigrant, de Florianópolis, que há 21 anos faz tributos a gigantes do rock mundial, como Pink Floyd, Led Zeppelin e Deep Purple.

Casado com uma lageana, Fabiano, de 36 anos, gosta muito de Lages, considera o povo bastante hospitaleiro e é fã da Festa Nacional do Pinhão, onde a Immigrant faz muito sucesso.

Dois locais da cidade o agradam: a Catedral Diocesana, localizada bem no Centro e inaugurada há 90 anos depois de uma década de construção em pedra pelos padres franciscanos; e o Morro da Cruz, localizado no Bairro Morro Grande e onde foi inaugurada, há 12 anos, uma escadaria com 500 degraus em homenagem aos 500 anos de descobrimento do Brasil.

No alto do morro existe uma grande cruz e uma capela onde frequentemente ocorrem celebrações religiosas.

A principal delas é na Sexta-Feira Santa, quando é realizada uma encenação teatral da Paixão e Morte de Cristo que atrai mais de 30 mil pessoas.

Outra atividade bastante comum no Morro da Cruz é a prática de voo livre, além de ser um ótimo estúdio a céu aberto para fotografias.

_ Quem vai a Lages tem que conhecer a Catedral, que tem uma arquitetura maravilhosa, e o Morro da Cruz, de onde se tem um visual lindo da cidade _, sugere Fabiano.

Pablo Gomes, Lages

Bookmark and Share

Terreno cedido à Sinotruk é disputado na Justiça

28 de agosto de 2012 6

Área destinada à fábrica de caminhões, no Distrito de Índios, em Lages, foi colocada à venda pelos proprietários, que questionam a desapropriação. Foto: Pablo Gomes, abril de 2012

Está nos classificados de um jornal local: “Vende-se terrenos para indústrias antes destinados à Sinotruk por desapropriação ilegal”.

O anúncio, feito pelos proprietários, chama a atenção pelo fato de os imóveis oferecidos serem justamente os que devem sediar a primeira fábrica de caminhões da companhia chinesa no Brasil.

A prefeitura de Lages, cidade onde será construída a montadora, garante que tudo está correto e que não há a menor possibilidade de perder o empreendimento, mesmo que as desapropriações estejam suspensas pelo Tribunal de Justiça de Santa Catarina, pois em último caso poderia, inclusive, ceder outra área.

Já a empresa, que fez até festa para oficializar o investimento de R$ 300 milhões e a geração de mil empregos, prefere não se manifestar sobre o assunto.

O anúncio no jornal foi publicado pelo advogado Antonio Eliseu Arruda, um dos proprietários dos terrenos e que questiona na Justiça o processo de desapropriação conduzido pela prefeitura.

Continua…

Bookmark and Share

Justiça autoriza e logo suspende desapropriação

28 de agosto de 2012 0

Em julho, a direção da Sinotruk realizou dois grandes eventos, em São Paulo e em Lages, para anunciar a fábrica. Foto: Vani Boza, julho de 2012

O decreto 11.272, de 1º de março de 2010, declarou os imóveis como sendo de utilidade pública para a implantação de um pólo industrial no Distrito de Índios, às margens da rodovia BR-282.

No dia 16 de julho deste ano, o juiz Sílvio Dagoberto Orsatto, da Vara da Fazenda de Lages, deferiu a imissão de posse dos terrenos em nome do município.

A esta altura, a Sinotruk já havia divulgado para a imprensa de todo o Brasil até mesmo o cronograma de sua operação em Lages, fato que se repetiu no dia 27 do mesmo mês, com o lançamento da pedra fundamental da fábrica.

Ocorre que, com toda essa movimentação, os proprietários entraram no Tribunal de Justiça de Santa Catarina, em Florianópolis, com um pedido de anulação do decreto da prefeitura e da liminar do juiz Orsatto alegando irregularidades no procedimento.

O advogado Antonio Arruda apontou supostas falhas do Executivo municipal à época do decreto, em março de 2010, como falta de previsão orçamentária, de um projeto de implantação e de uma lei de criação do parque industrial.

_ Discutimos as irregularidades, mas não ainda os valores, apesar de a prefeitura ter depositado quanto entendeu quando entrou na Justiça com a ação. A desapropriação sempre é prejudicial aos proprietários, pois é uma intervenção forçada que atende aos critérios do poder público.

Mediante os questionamentos formais dos proprietários, o relator Domingos Paludo, do Tribunal de Justiça, determinou no dia 20 de julho a suspensão da desapropriação, tanto pelo decreto da prefeitura quanto pela liminar judicial, enquanto o caso não tem um julgamento com nova decisão.

Continua…

Bookmark and Share