Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Mas afinal, quem é o verdadeiro Lageanês?

03 de novembro de 2012 3

Os estudantes Rubens Silva, de 16 anos, e Matheus Camargo, 18, são os administradores da página que já recebeu mais de 293 mil visualizações em pouco mais de um mês e faz o maior sucesso. Foto: Vani Boza

Todo mundo curtindo a página e rindo das brincadeiras, mas uma coisa intriga muita gente.

Quem seria, na vida real, o tal Lageanês? Um garoto brincalhão? Um aposentado que sabe tudo da história local e resolveu passar o tempo? Um hacker? Um professor de informática? Quem?

O Diário Catarinense foi atrás, lançou um apelo na própria página do Lageanês e descobriu que o cara, na verdade, são dois.

Rubens Silva, de 16 anos, e Matheus Camargo, 18, são dois piás pançudos (jovens, no linguajar lageano) que administram a página que está dando o que falar.

Tudo começou em julho, quando Rubens estava em casa, no Bairro Beatriz, em férias, entediado e há 30 horas sem dormir.

Ele viu que muita gente tinha página no Facebook, e como já havia administrado um blog humorístico, resolveu criar a sua e definiu que iria brincar com os lageanos.

O primeiro post foi em 17 de julho e mostrava dois memes falando que iriam virar sapo de tanta chuva em Lages. Só dois amigos curtiram, e Rubens desanimou.

Continua…

Bookmark and Share

Comentários (3)

  • Luiz diz: 4 de novembro de 2012

    Impressionante a abordagem do “jornalista” Pablo Gomes nesta matéria. Ele pretendia escrever sobre uma página na internet que brinca com o “lageanismo”. A matéria é tão fraquinha que o autor não colocou o endereço na internet da página criada pelos garotos. Esse cara é jornalista?

    Comentário do blog:

    Caro Luiz, muito obrigado pelo seu comentário. Favor ler novamente, pois o endereço da página está sim na matéria, precisamente no segundo post (note que são seis posts com a palavra “continua” ao fim de cada um, justamente para o leitor saber que a história não termina por ali). De qualquer forma, o Lageanês pode ser encontrado em http://www.facebook.com/lageanes. Abraço e sucesso!

  • Névio S. Filho diz: 5 de novembro de 2012

    Meu caro Luiz, com certeza você não lê as reportagens sobre o turismo na Serra, sobre a Festa do Pinhão, sobre nosso cotidiano de Lages, sobre as nossas serras e montanhas da região, dos esportes nativos de Lages, de nossa culinária e da garimpagem de temas e curiosidades que de outra maneira nunca seriam lidos ou comentados em Lages e principalmente pelo entusiasmo de viver e adorar Lages acima de todas as coisas. Outros jornalistas trabalham um tempo em Lages e vão embora, com certeza Pablo deve ter já recebido convites, mas acho que escolheu Lages prara mostrar seu trabalho. Poderia ficar aqui enumerando textos e reportagens, mas este espaço é pequeno para isso.Por isso, meu caro Luis, não é só mencionar o trabalho destes jovens, mas mostrar que por trás deles, há todo um caminho de valorização da cultura lageana, que sem eles e alguns baluartes da cidade, se acabaria devagarinho sobre os olhos da globalização, globalização esta que pisa sobre tudo e fragiliza as culturas.Finalizando, meu caro Luis, quando você pergunta que jornalista é esse? Eu respondo com orgulho e inveja…É o jornalista lageano Pablo Gomes!

  • Aldryn Ramos diz: 30 de novembro de 2012

    Parabéns pela matéria, é ótimo ver jovens interessando-se pela cultura Lageana, acabam divulgando mesmo com tom de humor o que essa terra tem bom para oferecer… E não ligue pra esses comentários invejosos, continue fazendo seu trabalho do seu geito e bem feito….abração!!!

Envie seu Comentário