Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Cidade mais fria do país celebra ave em extinção

25 de abril de 2013 1

Papagaio Charão dá nome a festival que ocorre neste fim de semana, em Urupema. Foto: Dario Lins, Divulgação

A cidade mais fria do Brasil realiza neste fim de semana um evento para celebrar uma ave que simboliza uma nova modalidade de turismo em Santa Catarina, mas que está ameaçada de extinção.

Na pequena Urupema, distante 50 quilômetros de Lages, na Serra, o Papagaio Charão proporciona um espetáculo único no mundo e que cada vez mais atrai pesquisadores, turistas e apaixonados pelas belas imagens da natureza.

O 2º Festival do Papagaio Charão ocorre sábado e domingo com palestras, oficina e concurso de fotografias e saídas a campo para observação de aves, prática mundialmente conhecida como birdwatching.

São esperados aproximadamente 100 participantes de vários lugares do país, considerando que no ano passado foram 60 de mais de dez estados diferentes.

Nativo do Rio Grande do Sul, o Papagaio Charão migra para a Serra Catarinense entre março e agosto em busca de pinhão.

Todos os dias, a ave dorme em reflorestamentos de pinus e eucalipto entre os municípios de Bocaina do Sul e Painel e se desloca em surpreendentes bandos de até dez mil exemplares para a região de Urupema, onde encontra araucárias em abundância. Depois de se alimentar, volta para os dormitórios.

Continua…

Bookmark and Share

Comentários (1)

  • Jocelim L Costa diz: 26 de abril de 2013

    Tem sido um excelente trabalho realizado pela equipe de organização do evento! E realmente, acredito, que o Papagaio-charão se instala nos municípios da região de Bocaina, Painel e Urupema, entre os meses de março e agosto em busca de pinhão. No entanto, antes disso ele já está na serra catarinense, em fevereiro chega na região de Campo Belo do Sul e São José do Cerrito, onde possui alguns dormitórios, nessa região sua base de alimentação são os frutos de pinho-bravo e canela, aqui fica somente até março quando acredito que migra para a região de Urupema.

Envie seu Comentário