Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Manifestantes fecham a BR-116 contra pedágio

29 de junho de 2013 0

Moradores de Correia Pinto querem ficar isentos do pagamento da tarifa de R$ 3,60 (R$ 7,20 ida e volta) no trecho que liga a Lages. Fotos: Pablo Gomes

Manifestantes fecharam a BR-116, uma das principais rodovias do Brasil, na tarde deste sábado, em Correia Pinto, na Serra Catarinense. Aproximadamente 200 dos 15 mil moradores da cidade protestaram contra a cobrança do pedágio no trecho que liga a Lages, distante 25 quilômetros.

Eles querem que os correiapintenses fiquem isentos do pagamento da tarifa, atualmente em R$ 3,60 (R$ 7,20 ida e volta), já que muitos deles precisam passar todos os dias pela praça de cobrança, localizada no Km 233.

Outras bandeiras levantadas foram melhorias na BR-116 no perímetro urbano de Correia Pinto, transporte gratuito para quem estuda em Lages, geração de empregos, qualidade no atendimento médico e efetivação de um juiz e um promotor de Justiça na cidade.

O ato foi organizado pela internet e acompanhou a onda de protestos que se espalhou pelo país. Escoltados pela Polícia Militar, os manifestantes marcharam por algumas ruas do Centro e foram até a BR-116.

A rodovia foi fechada por 25 minutos, e o ato não chegou a causar congestionamento, pois os motoristas utilizaram as vias marginais para desviar o bloqueio.

Da rodovia, o protesto seguiu para o prédio da prefeitura e da Câmara de Vereadores, onde os manifestantes cantaram o Hino Nacional, e encerrou em frente ao Fórum. Não houve atos de vandalismo ou confronto com os policiais.

Pablo Gomes, Lages

Bookmark and Share

Envie seu Comentário