Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Casal que maltratava animais será multado

22 de outubro de 2013 0

Cópia de 2

Cópia de 12

Cópia de 3Polícia Militar Ambiental resgatou 10 cães e 12 gatos que sofriam em condições degradantes em um pequeno barraco sem iluminação e cheio de fezes em uma residência no Bairro Guarujá, em Lages. Fotos: RBS TV Centro-Oeste, Reprodução

O casal flagrado pela Polícia Militar Ambiental na tarde de segunda-feira em Lages, na Serra Catarinense, por maus-tratos contra animais, pode ser multado em até R$ 11 mil, uma vez que foram apreendidos 22 exemplares e a multa para cada um é de R$ 500.

Os policiais tomaram conhecimento do caso após receberem denúncias de que vários animais estariam sofrendo maus-tratos em uma residência no bairro Guarujá.

Na segunda-feira, os militares foram até o local e resgataram 10 cães e 12 gatos, todos em condições degradantes em um pequeno barraco de madeira sem janela e apenas com alguns furos na parede para ventilação. O local estava cheio de fezes e não havia qualquer preocupação quanto à higiene.

Todos os bichos foram levados inicialmente para a sede da Polícia Ambiental e, na manhã desta terça-feira, foi feito um acordo pelo qual a Associação Lageana de Proteção aos Animais (Alpa) ficará como depositária fiel dos cães e gatos até que seja formalizado o procedimento de doação a pessoas interessadas e comprovadamente idôneas.

O comandante da Polícia Ambiental de Lages, capitão Frederick Rambusch, explica que, na esfera criminal, foi instaurado um Termo Circunstanciado (TC) por crime ambiental contra o dono da casa onde os animais foram apreendidos.

A pena prevista no artigo 32 da Lei 9.605/98 é de três meses a um ano de detenção e pode ser convertida em serviços comunitários. Em até 30 dias o caso será encaminhado ao Ministério Público, que tomará as medidas jurídicas.

Na esfera administrativa, a multa deve chegar a R$ 11 mil, considerando a quantia de R$ 500 por animal apreendido. O casal tem 20 dias para apresentar defesa.

Quem quiser contribuir com a Alpa no cuidado dos animais pode entrar em contato pelo telefone (49) 9972-2363 ou pelo site www.alpalages.com.br.

Pablo Gomes, Lages

Bookmark and Share

Envie seu Comentário