Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Troca-troca de chefes na SDR de Lages

08 de maio de 2014 0
João Alberto Duarte (D) é o novo indicado pelo governador Raimundo Colombo para assumir a SDR de Lages. Foto: Divulgação

João Alberto Duarte (D) é o novo indicado pelo governador Raimundo Colombo para assumir a SDR de Lages. Foto: Divulgação

Então teremos um novo chefe na Secretaria do Desenvolvimento Regional de Lages?

Certo… Eu estava pensando… Desde que cheguei aqui, há oito anos, já comandaram a SDR de Lages pelo menos nove políticos diferentes, numa média de apenas um por ano.

Lembro que já passaram pelo velho prédio da BR-282: Elizeu Mattos (atual prefeito de Lages), Francisco Küster, Osvaldo Uncini, Cristóvam Cardoso, João Cardoso, Jurandi Agustini, Gabriel Ribeiro, Juarez Mattos (diretor que sempre pega o abacaxi quando muda o secretário) e, agora, João Alberto Duarte, que assume o cargo nesta sexta-feira.

Mas voltando ao meu pensamento… Pra que tanta mudança? Na vizinha São Joaquim, por exemplo, apenas duas pessoas exerceram a função nestes oito anos: Humberto Brighentti (atual prefeito) e Solange Pagani, que ocupa o cargo desde a era LHS.

Não seria um tiro no pé mudar tantas vezes de secretário em Lages? Nada contra nenhum deles, mas não vejo o troca-troca como algo saudável.

Afinal, quando os servidores da SDR, os prefeitos das cidades atendidas e, principalmente, as comunidades, começam a se acostumar com o camarada, ele simplesmente sai e entra outro no lugar, implantando um novo método de trabalho, um novo jeito de tratar as pessoas, de enfrentar os problemas, de encarar o cotidiano, de entender o sistema e lidar com as coisas da vida.

E as afinidades, a parceria e a confiança, extremamente necessárias nesse mundo cheio de cobras venenosas que é a política? Não dá tempo de conquistar…

Tudo bem que o cargo de secretário regional não é eletivo ou efetivo, sendo indicado diretamente pelo governador. Mas a estabilidade é fundamental. Ninguém arruma uma casa tão grande em tão pouco tempo.

É importante garantir a continuidade dos acordos, das negociações, das promessas e, especialmente, do que está em andamento. Ninguém merece ficar à mercê do pensamento e da boa vontade deste ou daquele.

Enfim… um novo secretário vem aí. Que ele consiga o apoio que quer e precisa, que faça um bom trabalho, honre o compromisso assumido, cuide do patrimônio e do dinheiro público, respeite o povo e mereça estar ali. Até o próximo da fila chegar…

Pablo Gomes, Lages

Bookmark and Share

Envie seu Comentário