Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts na categoria "Eleições 2012"

Prefeito de Lages precisa economizar e demitir

04 de janeiro de 2013 2

Elizeu Mattos (PMDB): "Isso aqui é uma desordem, uma verdadeira bagunça. Há um descontrole total sobre a coisa pública". Foto: Vani Boza

Mal foi empossado, e o novo prefeito de Lages, na Serra Catarinense, já tem um grande problema para resolver.

Elizeu Mattos (PMDB) ainda busca explicações, mas sabe que precisará, de qualquer maneira e o quanto antes, economizar nada menos que R$ 2 milhões por mês para cobrir o atual déficit da administração municipal.

Além disso, terá que demitir mais de mil funcionários contratados que deveriam ter sido exonerados até o 31 de dezembro.

Na tarde desta sexta-feira, em seu quarto dia como prefeito de uma das cidades mais importantes do Estado, Elizeu recebeu o Diário Catarinense em seu gabinete e desabafou:

_ É uma desordem, uma verdadeira bagunça. Há um descontrole total sobre a coisa pública.

Elizeu reclamou das condições financeiras e estruturais com que recebeu a prefeitura, alegando problemas como falta de combustível para a frota de veículos e até de um telefone para uso dele.

Também diz buscar explicações para o déficit mensal de R$ 2 milhões do município que, segundo o prefeito, arrecada R$ 25 milhões e gasta R$ 27 milhões por mês.

Elizeu determinou aos seus 19 secretários que façam um minucioso levantamento da realidade de cada pasta. No próximo dia 15, reunirá o colegiado para saber em detalhes a real situação do município e, no dia 16, promete apresentar o diagnóstico completo aos 160 mil moradores.

_ Estamos analisando cada caso dos fornecedores, porque toda hora aparece alguém cobrando dívida. Dentro da disponibilidade vamos pagar as contas.

Continua…

Bookmark and Share

Força-tarefa para não perder R$ 57 milhões

04 de janeiro de 2013 1

Outro grande desafio do novo prefeito é iniciar antes de março a construção da Avenida Ponte Grande, num total de seis quilômetros e que vai envolver 13 dos 69 bairros da cidade, com obras de esgoto sanitário, contenção de enchentes e para desafogar o trânsito.

A prefeitura já conta com R$ 57 milhões do governo federal à disposição na Caixa Econômica, mas precisa fazer a primeira medição das obras até março e executar o primeiro pagamento até abril.

Caso contrário, perderá todo o dinheiro, uma vez que, segundo o prefeito, nem mesmo a presidente Dilma Rousseff poderá prorrogar os serviços novamente.

_ Isso tudo por causa de erros cometidos. O controle administrativo da prefeitura é um desastre, mas não culpo o ex-prefeito (Renato Nunes de Oliveira, do PP), porque talvez alguns membros da equipe dele não tenham feito a transição correta. O que for bom será mantido, mas o que estiver errado será levado ao Ministério Público e ao Tribunal de Contas.

Pablo Gomes, Lages

Bookmark and Share

Discurso de posse do prefeito Elizeu Mattos

03 de janeiro de 2013 0

Prefeito encerrou seu pronunciamento dizendo: "começa aqui um novo tempo para o governo e o povo de Lages". Foto: Divulgação

Boa tarde!

Em meu nome e em nome do vice-prefeito Toni Duarte, cumprimento o ilustre senhor vice-governador do Estado de Santa Catarina, Eduardo Pinho Moreira, e em seu nome as demais autoridades e todo o ilustríssimo povo de Lages.

Diante deste ato de posse, pelo o qual me torno prefeito da cidade que tanto amo, que tanto amamos, quero começar por agradecer. De modo íntimo, agradecer a minha família – minha esposa, meus filhos, meus pais. Nada do que fiz seria possível sem vocês.

De modo amplo, quero agradecer a todos que me confiaram a missão de governar nossa cidade. Aliás, embora seja comum aos políticos eleitos agradecerem o voto de confiança, eu quero registrar que, mais que o voto de confiança, eu agradeço o voto de esperança.

Sim! A esperança venceu. Venceu a esperança de uma cidade que seja fundamentalmente de seu povo.

Todas as nossas propostas vieram do sentimento das pessoas que pisam as ruas como se fosse uma extensão do chão de suas casas. E essas propostas não foram instrumentos de campanha.

Elas foram um compromisso assumido, porque isso é fazer política com P maiúsculo: honrar palavra por palavra. Voto por voto. Esperança por esperança. A eleição passou e eu reafirmo: lutaremos para que todas as nossas propostas sejam cumpridas.

Dito isso, dirijo-me aos 19 vereadores que terão a imensa responsabilidade de conduzir a 17ª Legislatura da história de Lages. Os assentos que vocês ocuparão são os assentos do povo.

Aquela é a Casa do Povo, e este é o voto que faço aos senhores: que do número 288 da rua Otacílio Vieira da Costa emane a vontade do povo.

Porque esta vontade é o laço que nos une. Porque esta vontade é o que temos de mais precioso, e é maior do que qualquer vontade individual.

Que todos os dias, ao acordar, lembremo-nos, Poder Executivo e Poder Legislativo: estamos a serviço do povo. Enquanto assim for, teremos sucesso.

Ao governador Raimundo Colombo, estendo a mão e digo: a prefeitura por ele já ocupada, com brilhantismo, estará sempre ao seu dispor.

Sabemos do seu amor pela nossa terra e pela nossa gente. Juntos, vamos construir uma realidade digna da grandeza do povo serrano. E a este povo de Lages, bravíssima gente serrana, abro as portas da prefeitura. O povo não apenas estará no governo. O povo será o governo.

Asseguro a vocês a transparência de todos os atos. Vamos escrever juntos a nossa história. Vamos fazer juntos uma Lages mais feliz. Há muito por ser feito.

Para isso, teremos as pessoas certas nos lugares certos. Pessoas que vão trabalhar com paixão, sem trégua, com amor e valentia, porque estamos todos inspirados no imenso valor e na história do povo lageano.

Não haverá tolerância com desvios de conduta. Temos a obrigação de dar o exemplo, e daremos. A moralidade é uma bandeira para todos os dias, em todos os atos.

Minha vida pública sempre foi uma missão em prol do bem comum. Como assessor do senador Dirceu Carneiro, chefe de gabinete do vice-governador José Augusto Hülse, secretário de Estado do Desenvolvimento Regional em Lages; e como deputado – líder de três governos consecutivos na Assembleia, sempre trabalhei com ardor e, sem nenhum dia de exceção, descansei em paz minha cabeça no travesseiro na hora de dormir.

Talvez por ter me inspirado nos grandes homens públicos com quem trabalhei, e em nome de todos cito Luiz Henrique da Silveira, e por hoje ter a companhia de pessoas de conduta irretocável, e em nome de todos cito Fernando Coruja, sempre tive e sempre terei a consciência tranquila e as mãos limpas. Estou honrado pela oportunidade que o povo de Lages me concedeu.

Como dizia o saudoso Licurgo Costa, “o povo serrano é o maior patrimônio do Continente das Lagens”.

O que posso desejar, aqui, diante de vocês? Que não falte paz e oportunidade a ninguém nesta cidade. Que nossas crianças sejam nutridas de esperanças e perspectivas. Que a nossa força seja sempre do tamanho da nossa fé.

E que recaia sobre todos nós a bênção da Santa Padroeira Nossa Senhora dos Prazeres. Começa aqui um novo tempo para o governo e o povo de Lages.

Muito obrigado!

Bookmark and Share

Poder público de Lages está em novas mãos

01 de janeiro de 2013 0

Prefeito Elizeu Mattos (PMDB) e vice Toni Duarte (PPS) foram empossados pelo vereador mais idoso, Luiz Marin (PP). Foto: Pablo Gomes

Com todas as 1.012 poltronas do Cine Marrocos, maior cinema de rua do Brasil, ocupadas por familiares, amigos, correligionários e eleitores, o novo prefeito de Lages, Elizeu Mattos (PMDB), foi empossado na tarde deste primeiro dia de 2013 com o vice, Toni Duarte (PPS).

Na mesma ocasião, tomaram posse os 19 vereadores que exercerão a 17ª legislatura da história do município de 160 mil habitantes.

Conforme a tradição em Lages, a solenidade foi presidida pelo vereador mais idoso, neste caso, Luiz Marin (PP), de 64 anos.

O evento também contou com a presença do vice-governador de Santa Catarina e presidente estadual do PMDB, Eduardo Pinho Moreira, da deputada federal Carmem Zanotto (PPS) e de lideranças políticas, empresariais e de entidades de classe.

Bastante aplaudidos, Elizeu e Toni entraram no Cine Marrocos às 17h30min na companhia de suas esposas e do vice-governador.

Ambos revezaram-se na entrega dos diplomas aos vereadores e, às 18h02min, foram declarados empossados pelo presidente da mesa.

Continua…

Bookmark and Share

Toni critica Renatinho até fora da Câmara

01 de janeiro de 2013 0

Em quatro mandatos de vereador, atual vice-prefeito ficou conhecido por seus discursos cheios de provocações e ironias. Foto: Pablo Gomes, março de 2010

Suando bastante devido ao forte calor, Elizeu se emocionou durante o discurso de Eduardo Moreira, que lembrou a trajetória política do novo prefeito, líder, enquanto deputado estadual, de três governos diferentes na Assembleia Legislativa – Luiz Henrique da Silveira, Leonel Pavan e Raimundo Colombo.

_ Elizeu Mattos é um grande homem público, uma das principais lideranças políticas de Santa Catarina, e vai mudar Lages para muito melhor.

Conhecido por suas declarações sempre carregadas de críticas, provocações e ironias em quatro mandatos de vereador, Toni Duarte, em seu pronunciamento de posse, deu um jeito de atacar novamente o ex-prefeito Renato Nunes de Oliveira (PP), ainda que sem citar o nome dele.

_ Pedi ao Pinheiro (Luiz Carlos Pinheiro Filho, vice de Renatinho) que levasse a faixa de vice no melhor costureiro para ajustar o tamanho ao meu corpo, mas ele disse que não faria isso para que eu tivesse bastante espaço como vice, coisa que ele não teve.

Continua…

Bookmark and Share

Elizeu promete governo popular e transparente

01 de janeiro de 2013 0

Elizeu Mattos foi exaltado pelo vice-governador Eduardo Moreira, por quem enviou mensagem a Raimundo Colombo. Foto: Pablo Gomes

Elizeu Mattos, cujo primeiro discurso como prefeito de Lages durou exatos dez minutos, das 18h13min às 18h23min, convocou a parceria dos vereadores, prometeu lutar para cumprir todos os compromissos de campanha e garantiu que o povo terá vez e voz no seu governo.

_ O povo não apenas estará no governo, mas será o governo. Vamos assinar conjuntamente todos os atos e fazer juntos a nossa história, com pessoas certas nos lugares certos, por uma Lages mais feliz.

Elizeu também demonstrou, pelo menos publicamente, não estar aborrecido com o governador Raimundo Colombo, de cujo governo foi líder na Assembleia.

Colombo apoiou abertamente e pediu voto para Antonio Ceron (PSD) na eleição contra Elizeu, que não escondeu seu descontentamento com a situação durante a campanha. E mandou uma mensagem por meio do vice-governador Eduardo Moreira.

_ Diga ao governador Colombo que estendo a minha mão, que a prefeitura ocupada por ele com brilhantismo está ao seu dispor e que vamos nos unir por Lages.

Por fim, ao citar o ex-governador e atual senador Luiz Henrique da Silveira (PMDB) e o ex-deputado federal Fernando Coruja (PPS) como exemplos na política, Elizeu prometeu um governo ético, honesto e transparente.

_ Temos a obrigação de dar bom exemplo, e não vamos tolerar desvios de conduta. A partir deste momento, a moralidade está presente em tudo. Começa aqui um novo tempo para o governo e o povo de Lages.

Terminada a solenidade de posse, por volta das 18h30min, Elizeu Mattos foi até a prefeitura, onde ocorreu a transmissão de cargo com o ex-prefeito Renatinho.

Já os vereadores foram até a Câmara, onde elegeram Anilton Freitas (PTB), último presidente da 16ª legislatura, como o primeiro presidente da 17ª.

Continua…

Bookmark and Share

"As coisas terão começo, meio e fim"

01 de janeiro de 2013 0

* Diário Catarinense: Qual será a primeira medida do seu governo?

Elizeu Mattos: Às 9h desta quarta-feira teremos a primeira reunião do colegiado. A prefeitura funcionará internamente de 10 a 15 dias para termos conhecimento da máquina e treinamos a equipe para entender o nosso modelo de gestão, e depois vamos abri-la em definitivo para atender a população com eficiência.

* DC: Qual a primeira promessa de campanha a ser cumprida?

Elizeu: O planejamento da cidade, pois as coisas terão começo, meio e fim.

* DC: E qual será a principal marca do seu governo?

Elizeu: Planejamento e gestão, com transparência e a participação ativa da população.

Pablo Gomes, Lages

Bookmark and Share

Pela primeira vez, padre será prefeito na Serra

28 de dezembro de 2012 2

Padre Edilson (foto de cima) será o primeiro padre a assumir um cargo eletivo na Serra Catarine. Já Elizeu e Toni (foto abaixo) farão festa pública após a posse. Fotos: Divulgação

Em Campo Belo do Sul, na Serra Catarinense, o prefeito eleito Edilson José de Souza (PMDB) será empossado no dia 1º de janeiro de uma maneira jamais vista na região.

Depois de perder a eleição de 2008 por 55 votos, ele venceu a de 2012 com 602 votos e será o novo chefe do Executivo municipal.

Natural de Otacílio Costa e padre da Igreja Católica há 12 anos, Edilson receberá familiares, amigos e sacerdotes de todo o Brasil para uma missa na Paróquia Nossa Senhora do Patrocínio, às 9h.

É a primeira vez em 80 anos da Diocese de Lages que um padre ocupa um cargo eletivo.

Até o bispo de Lages, Dom Irineu Andreassa, foi convidado para a celebração, que será comandada pelo pároco local, Padre Antonio.

A posse ocorrerá às 10h, no Centro de Eventos. Na ocasião, Edilson vestirá clégima, roupa utilizada por padres, em vez do tradicional terno e gravata.

O prefeito continuará exercendo normalmente suas atividades de padre, e só deixará de ser pároco (comandante) da Paróquia São Francisco de Paula, em Cerro Negro.

Em tempo: Em Lages, o prefeito eleito Elizeu Mattos (PMDB) e o vice Toni Duarte (PPS) serão  empossados às 17h do dia 1º, no Cine Marrocos.

E a partir das 19h30min, praça da Catedral, ao lado da prefeitura, bem no Centro da cidade, será palco de um show pirotécnico e apresentações musicais de artistas lageanos, tudo aberto ao público.

Pablo Gomes, Campo Belo do Sul

Bookmark and Share

Lages já conhece 19 dos 20 novos secretários

30 de novembro de 2012 2

Prefeito Elizeu Mattos (PMDB) e o vice Toni Duarte (PPS) com Mário Motta, apresentador do Jornal do Almoço, da RBS TV, no calçadão de Lages, durante o projeto Redação Móvel, nesta sexta-feira. Foto: José Lino de Souza

Em Lages, na Serra Catarinense, o prefeito eleito Elizeu Mattos (PMDB) e o vice Toni Duarte (PPS) já anunciaram, desde 12 de novembro, 36 dias após as eleições, 19 dos 20 nomes que ocuparão as secretarias municipais a partir de 1º de janeiro de 2013.

A única pasta que ainda não tem um comandante definido é a do Planejamento, cujo anúncio deve ocorrer nos próximos dias.

Todos os nomes, segundo Elizeu e Toni, são escolhidos por caráter técnico, e não apenas político. Essa, aliás, foi uma das principais promessas de campanha dos então candidatos.

Confira a relação e um breve perfil dos 19 secretários anunciados até esta sexta-feira, 30 de novembro!

* Administração: Pedro Marcos Ortiz, técnico agropecuário, foi vice-prefeito e secretário de Administração e Planejamento do município de São José do Cerrito, na Serra Catarinense. Atualmente é chefe de gabinete de Elizeu Mattos na Assembleia Legislativa e foi um dos coordenadores da campanha à prefeitura.

* Agricultura: João Antenor Pereira, engenheiro agrônomo, com mestrado em Ciência do Solo e Desenvolvimento Rural, é produtor rural, professor universitário nos cursos de Agronomia e Veterinária na Udesc e trabalhou como extensionista da Epagri em vários municípios catarinenses.

* Águas e Saneamento (Semasa): Beijamin Schutz, formado em Administração, já foi diretor regional da Casan e da Santur, secretário de Estado adjunto do Desenvolvimento Social e da Família.

* Chefia de gabinete: José Wolnei Constante, pós-graduado em Administração, foi secretário de Planejamento da prefeitura de Otacílio Costa, na Serra Catarinense, e presidente da CDL do mesmo município. Foi um dos coordenadores da campanha de Elizeu à prefeitura de Lages.

* Comunicação: Carla Reche, jornalista e assessora de imprensa de Elizeu Mattos.

* Desenvolvimento Econômico: Luis Carlos Pinheiro Filho, atual vice-prefeito de Lages, formado em Administração e Direito e empresário do ramo de farmácias.

* Desenvolvimento Social: José Amarildo Farias, presidente do PT de Lages, é formado em Administração, Direito e Educação Física e foi gerente de Recursos Humanos da Universidade do Planalto Catarinense (Uniplac).

* Educação: Marimilia Casa Costa Velho, mestre em educação e pós-graduada em educação infantil e séries iniciais, é professora da rede municipal há 26 anos e já foi coordenadora e diretora de escolas, além de secretária municipal da Criança e Bem-Estar.

* Finanças: Mateus Lunardi, administrador e contador com experiência na iniciativa privada e poder público. Atualmente, é gerente financeiro do Banco da Família em Lages.

* Fundação Cultural: Mauricio Neves de Jesus, advogado, escritor e professor universitário, é autor de três livros, escreve artigos para jornais e revistas de todo o Brasil e foi o fundador do Museu da Imagem e do Som de Lages.

* Fundação de Esportes: Armando Melo, pós-graduado em Educação Física, foi jogador de futebol profissional do Inter de Lages, preparador físico e técnico de futebol e futsal, além de assessor parlamentar de Elizeu Mattos.

* Habitação: Ivan Rodrigues de Sousa Magaldi Júnior, engenheiro civil e bacharel em Direito, é professor universitário em Engenharia Civil, foi diretor da Associação dos Engenheiros, Arquitetos e Agrônomos, inspetor-chefe do Crea na Serra e coordenador do Plano Básico de Desenvolvimento Ecológico-Econômico da Amures.

* Lages Previ: Dilmar Antônio Monarim, advogado com atuação em Direito Previdenciário e pós-graduado em Administração. Foi secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e é empresário do setor imobiliário.

* Meio Ambiente: Mushue Dayan Hampel Vieira, foi eleito vereador de Lages pelo PMDB (17º mais votado dos 19 eleitos, com 1.253 votos), foi militar do Exército durante sete anos e há seis é assessor parlamentar de Elizeu Mattos.

* Obras: Joel Netto Momm, mestre em Engenharia Civil, empresário do ramo de construção civil e foi professor universitário.

* Procuradoria Geral: Fabrício Reichert, advogado com atuação no Direito Administrativo, Eleitoral e Civil, é assessor jurídico de Elizeu Mattos e foi um dos coordenadores da campanha à prefeitura.

* Saúde: Cristina Subtil, médica pediatra e coordenadora do curso de Medicina da Universidade do Planalto Catarinense (Uniplac).

* Segurança: Paulo Dellajustina, pós-graduado em Administração e Segurança Pública, foi comandante da Polícia Militar em Lages e do Policiamento do Interior, abrangendo 191 municípios catarinenses. Já havia ocupado a mesma secretaria e chegou a ser candidato à prefeitura de Lages pelo PDT. Atualmente, é coronel da reserva remunerada da PM.

* Turismo: Flávio Agustini, pós-graduado em Turismo e Hotelaria, é o atual diretor de marketing da Santur e seu nome foi indicado pelo Sindicato dos Hotéis, Bares e Restaurantes de Lages.

Pablo Gomes, Lages

Bookmark and Share

Prefeito nomeia equipe de transição em Lages

16 de outubro de 2012 0

Primeira reunião entre Elizeu e Renatinho ocorreu na segunda-feira, no gabinete do prefeito. Foto: Nilton Wolff, Divulgação

Em função da visita da última segunda-feira feita pelo prefeito eleito Elizeu Mattos (PMDB), o atual prefeito de Lages, Renato Nunes de Oliveira, Renatinho (PP), designou alguns secretários municipais para acompanhar a equipe de transição de governo.

Os secretários designados são: o procurador geral do município, Sandro Anacleto; o superintendente da Fundação Cultural, João Carlos Matias; o secretário de Finanças, Walter Manfrói; o secretário da Administração, Antônio Arruda; e o chefe de gabinete, Paulo Marques.

Os trabalhos serão coordenados por Sandro Anacleto e os secretários deverão fornecer todas as informações solicitadas pelos futuros gestores do município.

* Com informações da Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Lages.

Bookmark and Share