Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Agroindústrias apostam em expansão para mercado islâmico

09 de novembro de 2010 0

foto Sirli Freitas

A empresa Bondio, de Guatambu, além de ter o Serviço de Inspeção Federal, obrigatório para exportação, tem 100% de sua produção adaptada ao sistema halal. A empresa abate 115 mil frangos por dia e exporta 60% da produção. Por enquanto o selo só é colocado nos produto exportado mas a intenção é de, em 2011, colocar o selo em todas as embalagens. . –Apostamos neste diferencial- disse a gerente de exportação, Hortência Pasa.

Além de buscar novos mercados, como as Filipinas, a Bondio quer valorizar o certificado halal também no mercado interno.

O diretor da Acav, Cléber Ávila, disse que recentemente o Brasil conseguiu abrir as vendas para a Índia, onde o islamismo é a segunda religião, e está tentando abrir a Indonésia, que é de maioria muçulmana. Há a expectativa ainda de abertura para países não muçulmanos, como os Estados Unidos e México além de ampliação do mercado chinês, onde já há exportações via Hong Kong. Falta só o câmbio colaborar e o dólar parar de cair, segundo Ávila.

Bookmark and Share

Envie seu Comentário