Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Fora dos autos

12 de março de 2009 5

Leia a coluna de Klécio Santos, publicada em Zero Hora

Gilmar Mendes não esconde sua satisfação com a nova polêmica envolvendo Protógenes Queiroz. Há muito tempo que o presidente do Supremo Tribunal Federal vem denunciando o que considera abusos da investigação comandada pelo polêmico delegado da Polícia Federal. Ele mesmo se dizia vítima de arapongagem no seu gabinete, tão logo tirou da cadeia o banqueiro Daniel Dantas. Diante da revelação das novas peripécias de Protógenes, o ministro defendeu a criação de uma corregedoria judicial, uma espécie de controle externo para a PF.
Recém-chegado de uma viagem ao Egito, Mendes esquece que a fiscalização da atividade policial já tem dono desde 1988. A função é do Ministério Público, conforme preconiza a Constituição. Gilmar, aliás, é egresso da instituição. O ministro também peca ao generalizar suas suspeitas. As ilegalidades cometidas na Satiagraha são exceções nos métodos de trabalho da PF, que, na gestão de Luiz Fernando Corrêa, trocou o espetáculo pela discrição. Não dá para comparar um delegado tresloucado com toda a máquina da polícia. A prova é que não há um setor da corporação em Brasília que queira aceitar Protógenes em seus quadros.
Encostado em uma coordenadoria de segurança institucional, Protógenes só encontra espaço em palanques do PSOL, tentando manter a imagem de implacável caçador de corruptos. A PF, porém, pretende desmascará-lo por completo com a divulgação do relatório final que investiga as irregularidades da Satiagraha.
– Há coisa muito pior para vir à tona – revela um delegado do alto escalão da PF.

Postado por Sucursal Brasília

Comentários (5)

  • Godofredo Antunes diz: 12 de março de 2009

    Ao invés de perseguir bandidos do colarinho branco, a PF perde tempo perseguindo delegados que cumprem a sua função. Deve ter muita gente com o rabo preso em Brasília!

  • Douglas diz: 12 de março de 2009

    Quem não come na mão do J. Nacional e da Veja, não se surpreende com o contentamento do G. Mendes. Aliás, contentes também devem estar D.Dantas e outros envolvidos na Sartiagraha. Viva a internet! Viva Luís Nassif, Luís Carlos Azenha, Rodrigo Vianna, Bob Fernandez e Mino Carta! Ler os blogs dessa gente é um privilégio e uma necessidade para quem não aceita ser manipulado.

  • QUE CAPACIDADE!!! diz: 15 de março de 2009

    E A MESMA MANIPULAÇÃO ESTÁ ACONTECENDO NO ESTADO,POIS A DESGOVERNADORA RESOLVEU SE ANTECIPAR E ESCOLHER A MÃO SEU PROCURADOR GERAL DA JUSTIÇA,AGORA É QUE AS DENÚNCIAS IRÃO MOFAR NAS GAVETAS ATÉ A HORA FATÍDICA DA PRESCRIÇÃO,ETA PARTIDO PODRE ESSE DELA….

  • Fábio Ferreira de Oliveira diz: 13 de março de 2009

    Douglas,só muda o viés da manipulação.O negócio é ser livre-pensador,beber em diversas fontes e filtrar o que te interessa para formar a tua opinião.Essa de acusar a Veja e o Jornal Nacional por ser chapa-branca é dum simplismo atroz.TODOS TEM LADO!ABSOLUTAMENTE TODOS!

  • Dalmor Eduardo diz: 27 de março de 2009

    Os quadros da PF, estão com muita gente que se sente impotente diante dos bandidos de colarinho branco, que tiram dinheiro de crianças, velhos e do trabalhorar. Viva o Protógenes, se o poder politico e judiciario não resolve…..

Envie seu Comentário