Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Efeito indutor

17 de outubro de 2009 3


Toda faceira, Ideli Salvatti (PT) levou a Michel Temer (PMDB) as recentes pesquisas ao governo do Estado. Pré-candidata e figurando na segunda posição em quase todos os cenários, a petista pediu o apoio do PMDB no Estado. Temer teria dito que não sabia que o nome da senadora já era consenso dentro do PT e prometeu se inteirar do assunto. O pedido de Ideli, contudo, beira a ingenuidade. Embora presidente licenciado do PMDB, Temer não tem influência no diretório catarinense. Uma ação dele no Estado, no máximo, poderia fortalecer a tese da candidatura própria à Agronômica.
Seria também um reflexo do acordo nacional PT-PMDB em torno de Dilma Rousseff. Uma candidatura solo do PMDB agrada o Palácio do Planalto, já que enfraqueceria o palanque de José Serra no Estado. E Ideli ficaria no lucro com a desidratação da tríplice aliança.

Postado por Klécio Santos

Comentários (3)

  • Anonimo diz: 19 de outubro de 2009

    Safados por safados os dois se merecem. Pobre Brasil este baita safado esta na 3 posicao na linha sucessoria da Presidencia. Ele ate lembra um vampiro, so que bem mais moderno pois ao inves de sangue se alimenta de dinheiro da corrupcao!!!!E essa Ideli deveria estar tendo umas aulinhas minimas de albabetizacao!!!

  • DÉLVIO OVIEDO diz: 20 de outubro de 2009

    VOTO NUM PORCO,NUM CACHORRO OU QUALQUER BICHO Q APARECER, MAS JAMAIS VOTO NESSA MULHER CHAMADA IDELI SALVATTI.QUADRILHEIRA…DEVIA ERA ESTAR PRESA…

  • Adriano Schemoel diz: 18 de outubro de 2009

    Essa ´r a maior defensora da quadrilha do planalto, aliás é te um ladrão e la ta ela a defender, não importa de qual quadrilha, digo, partido.

Envie seu Comentário