Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Temer faz advertência a diretório

24 de junho de 2010 7

FABIANO COSTA

Doze horas após garantir à cúpula do PMDB o fim da união com o DEM, a bancada federal do PMDB comunicou o presidente Michel Temer que vai levar para a convenção as alternativas de coligação com o DEM, além da candidatura própria. A decisão surpreendeu os caciques do PMDB.
– Se prosperar um resultado que não seja a candidatura própria, haverá interdição e anularemos a convenção – advertiu Temer, vice na chapa de Dilma Rousseff (PT), pedindo que o aviso fosse registrado em ata.
Os deputados Mauro Mariani, João Matos, Valdir Colatto e o senador Neuto de Couto garantiram a Temer que tentariam encontrar um nome de consenso para ser aclamado na convenção. Os parlamentares argumentaram que era preciso apresentar as duas alternativas para não criar uma crise ainda maior, já que Luiz Henrique estava disposto a defender até o fim a coligação com Colombo.
DEM E PSDB acham que são remotas as chances do PMDB conseguir reverter a imposição do diretório nacional. Já dentro do PMDB, ainda não há consenso. A assessoria de Luiz Henrique da Silveira afirmou que o ex-governador segue defendendo a tríplice aliança. Luiz Henrique teria pedido estudos jurídicos que possam impedir a intervenção nacional.

Comentários (7)

  • José Paixão diz: 24 de junho de 2010

    O PMDB tem história e bons quadros. Não há nenhuma razão para continuar atrelado a partidos e nomes arcáicos e de reputações discutíveis, como é o caso do PSDB e o famigerado DEM. Neste momento o Diretório Nacional dá prova de maturidade e compromisso com o país e com o futuro do próprio partido. Pois, concorrendo na chapa de Dilma, o PMDB deverá sair do papel de coadjuvante e assumir o seu verdadeiro papel (pelo seu tamanho e história) que é o de condução dos destinos desta grande nação (e de cada um dos Estados da Federação).

  • Luiz dos Anjos diz: 24 de junho de 2010

    Sr.José Paixão!Se o PMDB tem “bons” quadros,porque então ele não tem candidato próprio
    p/ concorrer a presidência? Como se justifica isso?Então porque está “atrelado” ao PT que é mais arcaico que os outros,que tambem tem reputação muito mais que duvidosa e ainda por cima chafurdeou o País na lama com mensalões,os sangue-sugas na saúde,os dólares nas cuecas????????????e outos mais !!!!!!!!!
    O diretório do PMDB Catarinense é o mais organizado e tem que mostrar sua Soberania ante a imposição do pretenso ditadorzinho Michel Temer que é “pau-mandado” do PT.
    DEUS NOS LIVRE do país cair nas mãos de uma mulher que não tem história política e não entende nada de administração,que o nome dela foi criado e imposto pelo Lula e desceu de “para-quedas”.
    A decisão do PMDB Catarinense deverá ser Soberana e terá que ser respeitada!

  • José Paixão diz: 25 de junho de 2010

    Senhor
    Respeito a opinião emitida pelo Senhor. Embora entenda que ela, vindo eivada de ódio e desinformação, não é propriamente sua, e sim do grupo politico que há 500 anos só entregava (de joelhos) este país, através de reis e doutores poliglotas, proprietários das terras, máquinas e imprensa. Miséria e vergonha era âmago de nossa história. Este grupo, curriolado no PSDA, DEM, ARENA, etc, não se conforma em ver um operarário fazendo a dignidade de um povo, através de uma postura sóbria e desenvolvimentista do país.
    De qualquer modo, vítima ou algóz, um forte abraço para o senhor, e obrigado pela atenção.
    Obs. O PMDB faz parte desta história e SC não pode manchá-la, agora.

  • santo silva diz: 25 de junho de 2010

    Luiz dos Anjos que vexame…quanto ganhaste…

  • FALA SÉRIO diz: 26 de junho de 2010

    QUEM SABE O TEMER EM VEZ DE AMEAÇAR SEUS “COMPANHEIROS” DE PARTIDOS ,NÃO GARANTE UMA “BOQUINHA”NO GOVERNO PT PRA ELES ,ASSIM ELES NÃO PRECISARIAM “LUTAR”PRA TENTAREM SE ELEGEREM NUM PARTIDO VENDIDO COMO ESSE

  • beto diz: 26 de junho de 2010

    qta desculpas ..o mensalao do dem em brasilia ..culpa do lula…vcs tao todos iludidos com esse sr luis xv ….. coitado dos catarinenses…

  • José Anselmo diz: 30 de junho de 2010

    É claro que assunto dessa natureza seja recheado de opiniões apaixonadas, e algumas até com certa dosagem de maldade. Contudo em minha opinião devemos construir um caminhar que nos leve ao ‘PACTO FEDERATIVO’, ora senhores, toda arrecadação nacional tem uma divisão aproximada de 70% para União, 20% para os Estados e 10% para os Municípios. É lógico que os maiores interessados nessa distribuição de impostos sejam os cacique partidários que não querem e não vão largar o osso facilmente. Porém haverá de chegar o dia em essa distribuição de impostos se inverta, ou seja 70% para os Múnicípios e o restante para os Estados e União, pois é no município em que vivemos, em que tudo acontece, e podemos fiscalizar a gestão pública de perto. Que maravilha não mais termos que assistir pessoas se achando Donos do País, Donos dos Partidos Políticos, e até mesmo Donos da Verdade. Querendo interferir na vida das pessoas que nem imaginam que existam.

Envie seu Comentário