Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Posts de junho 2014

Para ir às compras, um "carro" diferenciado

30 de junho de 2014 0

Uma cena rara, que lembra tempos antigos, foi registrada no centro de Candelária, Vale do Rio Pardo, pelo representante comercial Neca Tramontini, morador de Westfália, no vale do Taquari.
carro de bois
“Vi um senhor indo ao supermercado com seu carro de bois, estacionando no centro da cidade em frente ao mercado. Achei a cena muito bonita e curiosa”, relata.

Fez um registro curioso? Envie sua imagem!

Fotos do leitor: belezas do RS

27 de junho de 2014 1

leitor1

Claudio Albuquerque Schroder, de Pelotas, enviou foto da Lagoa dos Patos

foto2menor

Jorge Vargas fotografou um pica-pau na Rua da Praia, em São Leopoldo

foto2

Paulo Ricardo dos Santos registrou a Catedral Nossa Senhora Aparecida, em Passo Fundo

>>>> Gostou? Enviei suas fotos!

Passeio em família em Porto Alegre

27 de junho de 2014 1

No Centro Histórico de Porto Alegre, Leni Bettin fez este belo registro do carinho de quem se dedica a cuidar dos animais:

Gatos em carrinho

“Andando pela Rua dos Andradas me deparei com essa cena encantadora: um morador de rua levando amarrado ao seu carrinho o seu cão e dentro quatro gatos adultos, sem guia. Perguntei se ele não temia que eles fugissem e ele respondeu, com convicção, que eles não sairiam, pois quando eram filhotes ele os alimentava com mamadeira. Segundo o homem, há diversas pessoas de bom coração que o ajudam.”

Fez um registro curioso? Envie sua imagem!

Leitor registra alta vasão de cascata em Erechim

27 de junho de 2014 0

cascata com vasão de água

Antonio Grzybowski fez o registro da maior vasão de águas ocorrida nos últimos dez anos na cascata Sepé Tiarajú, em Erechim.

A cascata, que localiza-se no Parque de Águas Termais Nazzari, chega a receber, segundo sua administração, 20 mil visitantes entre novembro e março.

>>> Fez um registro curioso? Envie sua imagem para o Blog do Leitor!

#chuvanoRS

27 de junho de 2014 2

Por consequências das chuvas fortes, a Defesa Civil estadual aponta que mais de 1.500 pessoas tiveram de deixar suas casas desde o início desta  semana. As regiões Norte e Noroeste são as mais prejudicadas. 

Envie relatos e fotos pelo Twitter ou pelo Instagram usando #chuvanoRS.

Você também pode contribuir pelo formulário.

 

Quase 1,6 mil pessoas estão fora de casa devido à chuva no RS Prefeitura de Cruzaltense/Divulgação[]

Foto: Prefeitura de Cruzaltense / Divulgação

Leitor-repórter: a copa de cada dia

25 de junho de 2014 0

A leitora Fabiane Mariante Fagundes enviou um texto relacionando a Copa do Mundo com o cotidiano. Confira:

Nos Jogos da copa do mundo, vejo o reflexo da vida no dia a dia. Somos todos de diversas nacionalidades, vivendo juntos. Uma mistura de raças que constituem uma mesma família, uma organização, um grupo de amigos e mesmo um grupo rival. Todos com o mesmo objetivo: Vencer!

E é nessa incansável busca que vemos em dois tempos de 45 minutos acontecer tudo. São exemplos de homens que com muito trabalho e foco se superaram e exibem uma performance invejável.

E isso traz resultados, mostrando ao mundo que o esforço vale a pena. Os holofotes do mundo inteiro evidenciam esses profissionais que chamamos de craques.

E na vida, existem muitos craques, em distintos lugares e posições. E assim como nos jogos, também tombam, desequilibram-se e lesionam-se. Mas, por mais que sintam, nada dói mais do que a trapassa.

Quantas rasteiras, chutes, empurrões, pisadas e até mordidas!

E tudo isso, com câmeras em todos os ângulos registrando tudo.

Imaginem em nosso dia a dia! 

Quem na base do esforço já se destacou, venceu, e quando menos esperava levou uma bela rasteira?

No jogo, uma lesão pode tirar o jogador de uma competição, de uma temporada e algumas vezes até acabar com uma carreira.

É diferente em nosso dia a dia? 

Sinceramente? Não! 

E mesmo assim, vimos vencer, muitas vezes quem não merece, quem joga sujo, quem trapaceia.

Seria maravilhoso ver um jogo onde o objetivo fosse almejado apenas com as armas da competência! 

Que em cada encontrão ou queda do adversário houvesse um pedido de desculpas. Poucos foram vistos, alguns debochados.

Qual ensinamento à geração que está em plena formação de caráter?

Lembrem-se, todos assistindo, todos torcendo, todos compactuando com suas nacionalidades.

Tivemos a maior polêmica quanto aos investimentos destinados as estruturas para a realização da copa no Brasil. Um grande jogo de interesses e trapaça com os brasileiros que necessitavam investimentos para viver dignamente.

A copa ainda está rolando, não há um vencedor. 

Independente do resultado, quem vence é quem tem dignidade, quem tem caráter, quem tem compaixão e acima de tudo a consciência tranqüila de que fez seu melhor, sem prejudicar ninguém!

Leitor-repórter: ERS-347, em Lagoão, em péssimas condições

25 de junho de 2014 0

Os 27 quilômetros da ERS-347 que ligam Lagoão a Segredo, no Vale do Rio Pardo, preocupam os empresários Dione Dilcéia Silveira dos Reis, Leandro Spengler e os moradores de Lagoão. A estrada é a principal ligação entre os dois municípios e não é asfaltada.

De acordo com Dione, fica muito difícil escoar a produção de grãos nos dias de chuva, freando o crescimento da cidade, que tem na agricultura uma das suas principais fontes de renda.
Proprietário de uma cerealista, Leandro conta que em dias chuvosos a estrada fica intransitável para cargas pesadas e difícil para o tráfego de carros de passeio.

máquinas na rodovia

– O custo de manutenção do caminhão é bastante alto em uma estrada de chão, então muitos chegam a ficar parados por quatro dias em Segredo esperando que a estrada fique em boas condições de tráfego – relata.
Indignados com o descaso do governo estadual, moradores protestaram na semana passada, interrompendo a rodovia por cerca de oito horas.

Contraponto

A assessoria de comunicação da Central de Licitações do Estado informa que a licitação de pavimentação da rodovia está em fase inicial e não há prazo para conclusão. Três empresas apresentaram documentação, mas somente uma está habilitada para apresentar proposta. Não há previsão para o início das obras de pavimentação da ERS-347.
De acordo com a assessoria de comunicação da prefeitura de Lagoão, um desvio pode ser feito pela Estrada da Serrinha Velha, mas também é de chão batido. O trajeto aumenta em 10 quilômetros o percurso.

faixa de protesto na rodovia

Foto do Leitor: manhã gelada no RS

20 de junho de 2014 2

Luciane Bianchini registrou o campinho de futebol
coberto de geada em São José do Herval.

leitor3

 

Lelia Lied de Zapata fotografou o amanhecer gelado
em uma fazendo de Santana do Livramento.

leitor4

 

Alex Boeira enviou foto da paisagem congelada no interior de Bom Jesus.

leitorgeada

Leitor-repórter: prédio do INSS deveria estar pronto desde 2012

16 de junho de 2014 3

inss

 

O leitor Ari Heck, de Carlos Barbosa, está indignado com as obras do novo posto do INSS no município.

– O prédio está aparentemente pronto, porém o abandono de mais de dois anos preocupa, pois é o dinheiro do povo empregado em uma obra que poderia trazer rapidez no atendimento, além de conforto para a população – relatou.
De acordo com Ari, quem precisa de atendimento no INSS tem que se deslocar até
Garibaldi.

A prefeitura informa que adquiriu em 2009 três terrenos, totalizando 1.080m², que foram repassados ao INSS para a construção do prédio que abrigará a agência local. A previsão era de que a obra fosse concluída no final de 2012.

CONTRAPONTO | O que diz o INSS

Segundo a assessoria de comunicação do INSS, a empresa vencedora da licitação deve concluir a obra ainda este ano.
Após a entrega da unidade, serão feitas adequações, como instalação de mobiliário, energia elétrica, telefonia e sistema de dados.
O INSS reitera que, apesar da aparência externa do prédio, a obra não está completa e que está se esforçando para que ela seja entregue o mais rápido possível.

#MemoriadeCopa: meus 14 anos e a Copa de 1994

15 de junho de 2014 0

foto 34anos (2)

 

Para Guilherme Niendicker, empresário e morador de Esteio, a Copa inesquecível foi a dos Estados Unidos, em 1994.

“Há duas décadas, eu e meus caros e saudosos colegas de 8ª série estávamos ansiosos para o início da Copa. Ficamos imaginando se um dia teríamos a Copa no Brasil, que nós teríamos a oportunidade de ver craques do mundo inteiro por aqui, como Klinsmann, Etcheverry, Batistuta, Hagi, Stoichkov e muitos outros que eram nossas referências na época para os nossos times de futebol de botão.

Hoje, o sentimento de realização de ver uma Copa aqui se torna real. Queria, por estes próximos 30 dias, poder trabalhar só na parte da manhã. Que beleza seria ter toda a tarde livre para curtir todos os jogos. Claro que não tem como, mas quem tem hoje por volta de 14 anos vai ter esta oportunidade única, uma lembrança para o resto da vida, como a que eu tenho da Copa de 94, para mim a melhor de todas as copas”.

Conte a sua história de Copa! Compartilhe no Instagram com #memoriadecopa ou envie pelo link.