Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Inter bate Avenida por magro 1 a 0 e ainda parece distante de apresentar um jogo sólido em 2015

25 de março de 2015 7

Fernando Gomes

O Inter venceu o Avenida no Beira-Rio. Por 1 a 0 e com boa dose de dificuldade. Ganhou a sétima no Gauchão, mas, assim como nos outros 15 jogos da temporada, segue sem apresentar um futebol sólido ou um jogo convincente. O técnico Diego Aguirre admite que a equipe ainda não deu liga. Assegura, porém, desconhecer os motivos pelos quais o seu time não encorpou em 2015.

- Estou esperando que o Inter jogue mais, não tenho uma razão, mentiria para vocês. Não gostei do espetáculo – disse Aguirre, questionado sobre a falta de um bom desempenho do Inter. – No futebol, o que pode acontecer é um time demorar um pouco para aparecer. Mas a minha confiança é total que o Inter vai aparecer na hora certa. O tempo dirá – emendou o técnico uruguaio.

Diego Aguirre repetiu que o esquema 3-5-2 não é definitivo. Mas acredita ter sido o que melhor se adapta às características dos jogadores colorados. Lembrou que em duas semanas terão início os jogos decisivos no Estadual, além da retomada da Libertadores.

- Temos que tentar encontrar uma regularidade. Todos queremos que o Inter jogue mais, que dê certo. Em 15 dias, começaremos a ter jogos decisivos. Prefiro arrumar o time ganhando. Tirei muitas conclusões desde o início do trabalho – argumentou o treinador.

De volta ao 3-5-2, o Inter dominou o primeiro tempo. Apesar de ter a iniciativa do jogo, não tinha a contundência necessária para marcar. Alex, com boa movimentação, acertou a trave, aos quatro minutos, em cobrança de falta. Na noite em que completou 33 anos, Alex ainda deixou Taiberson cara a cara com Villar, mas o goleiro fez uma arrojada defesa.

Se o Avenida mal conseguia passar da intermediária, a lentidão do Inter não permitia surpreender a defesa de Santa Cruz do Sul em contra-ataques. Paulinho, com um chute cruzado de fácil defesa de Alisson, aos 29 minutos, marcou o primeiro arremate do Avenida a gol. Na sequência, um pouco de emoção no jogo: Nilton concluiu, e Villa defendeu. Logo em seguida, na cobrança de escanteio, Nilton cabeceou e Michel tirou quase de dentro do gol.

Aos 34 minutos, Taiberson, lesionado, deu lugar a D’Alessandro, que não atuava desde 4 de março, quando se contundiu na vitória sobre o Emelec, no Beira-Rio, pela Libertadores. Com dois armadores, Alex e D’Alessandro, o Inter ficou mais insinuante. E, aos 41 minutos, fez 1 a 0, após cobrança de escanteio, desvio de cabeça de Nico Freitas e novo cabeceio, agora de Juan, empurrando para o gol. O primeiro tempo chegou ao fim com o Inter cumprindo a sua obrigação de vencer.
No segundo tempo, o que se viu foi um Avenida atrevido, chegando com alguma facilidade à área. Alisson fez pelo menos duas defesas difíceis para garantir a vitória.
O Inter terminou o jogo acuado em casa.

Diego Aguirre aposta que o tempo mostrará um Inter pronto para as finais do Gauchão e das fases decisivas da Libertadores. Mas, até agora, o que se vê é uma equipe distante deste otimismo demonstrado pelo treinador uruguaio.

Comentários (7)

  • Aline diz: 26 de março de 2015

    Qual o titulo a a vitória de 1 x 0 do gremio?

    Quero mais que o Inter continue jogando mal sempre, segundo o Lendro, e ganhando sempre. Ja jogamos bem e perdemos campeonatos, vamos então jogar mal e ganhar .

  • Getulio Alves da Costa diz: 26 de março de 2015

    Gente vi o Inter johar contra o avenida , alias tenho visto todos os jogos do Inter , não gostei de nenhum cada vez mais complicado , esse treinador é uma vergonha o time não anda da sono e ao mesmo tempo nojo de ver o internacional jogar , e digo mais tem que melhorar e muito , se não a libertadores já era , o time até com os reservas sai jogando com nove jogadores , quando estão em campo Jorge henrique e Rafael Moura , para o Aguirre parace que esta tudo bem. é lamentavel .

  • Davi diz: 27 de março de 2015

    Minha crítica é para todos os comentaristas que enxergam o Inter jogando no 3-5-2. Eu afirmo isso NÃO EXISTE. O Inter com Fabricio e Léo joga no 5-3-2 ou no sistema 5-4-1.
    Se um dia o Inter for jogar no 5-3-2 teria que colocar o Anderson (ou Alex) na ala esquerda, e o Rodrigo Dourado (ou JHenrique, ou Wellington depois que se recuperar) na ala direita.
    Estudem a origem do esquema 3-5-2, e verão que o Inter nunca jogou nesse esquema. Davi

  • Tadeu Luiz diz: 27 de março de 2015

    Eu concordo com a Aline. Qual é a manchete da vitória do Grêmio em cima no Novo Hamburgo??? I Inter ganha de 1×0 é vitória magra. Ok, concordo. Entretanto, O grêmio ganha de 1×0 e ninguém fala dos “azuis” aí da ZH fala nada. Certamente é assim porque 1×0 do Grêmio é goleada.

  • Ademir diz: 30 de março de 2015

    Juro que gostaria de saber o que o Presidente do Inter pensa ao assistir os jogos do Colorado! A mim acomete um profundo sentimento de tristeza por ver nada! Um amontoado de jogadores medíocres, sem comando, sem esquema tático! Dói ver zagueiros furando em bola, laterais preguiçosos e inofensivos, volantes quebradores de bola e principalmente dói ver jogadores decadentes como D’Alessandro, Alex, Nilmar e esse Anderson que foram buscar a peso de ouro! Dói entregar essa camiseta gloriosa a peladeiros como Valdívia e Sascha, os melhores do time!

  • Diego diz: 30 de março de 2015

    Bom eu vejo outra forma Tadeu, essa coluna devia ser pintada logo de vermelho e parar de enganação. O inter joga eles fazem crônica completa, comentando todos os lances do jogo, depois postam ainda as notas dos jogadores, e depois mais notícias – sobre o inter -, essa coluna tem dois, digamos “blogueiros”, e só conseguem opinar sobre o inter! E tu considera isso favorecimento ao Grêmio??
    Quanto a manchete “vitória magra”, é tudo uma questão de expectativa, não é culpa dos gremistas se o diretoria do inter mente todos os anos desde 2005 (e os colorados acreditam kkk) que o inter é um super time, que é favoritíssimo em tudo o que disputa e blábláblá, mas chega na hora apresenta um futebol medíocre, que nos últimos anos tem tido o mérito de não ser mais medíocre do o do rival, mantendo assim a ilusão do “Campeão de Tudo”.
    Mas chega, to saindo, não sou de comentar em blog colorado.

  • Sid diz: 2 de abril de 2015

    - gol do inter de penalti e gol anulado de adversário,vai p guinessssss…

Envie seu Comentário