Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Contratos longos deixarão o Inter do início de 2015 com a cara do time de 2014

25 de outubro de 2014 0

Ricardo Duarte

O novo presidente do Inter receberá um time pronto para 2015. Dos 34 jogadores do atual plantel, 29 têm contrato em vigor para iniciar a nova temporada. Alex é o único dos grandes nomes do time que precisará conversar com a nova direção. O seu vínculo se encerrará em 18 de julho. Poderá assinar um pré-contrato com outro clube a partir de janeiro.
Junto com Abel Braga, o zagueiro Índio terá o contrato finalizado em 31 de dezembro. Gilberto, Wellington Silva e Alan Patrick, cujos empréstimos estão sendo finalizados, deixarão o Beira-Rio. Entre chegadas e partidas, estão o volante e capitão do Goiás, Amaral, que já assinou pré-contrato com o Inter, e as prováveis vendas de Rafael Moura, Winck ou Bertotto. Além deles, Aránguiz voltará a receber investidas da Europa – mesmo que o Inter consiga vaga à Libertadores. A folha do clube gira em torno de R$ 10 milhões mensais.
Confira a situação contratual de cada jogador do atual plantel colorado:

De malas prontas:
Índio (39 anos) – até 21/12/2014
Gilberto (21 anos) – até 31/12/2014
Wellington Silva (26 anos) – até 31/12/2014
Alan Patrick (23 anos) – até 31/12/2014
Cassiano (25 anos) (emprestado ao Santa Cruz-PE) – 31/12/2014
Agenor (24 anos) – até 20/2/2015
Bolatti (29 anos) (emprestado ao Botafogo) – 6/2/2015

Precisam renovar:
Alan Ruschel (25 anos) – até 31/12/2014
Diogo (21 anos) – 30/4/2015
Wellington (23 anos) – até 20/5/2015
Alex (32 anos) – até 18/7/2015

Um ano inteiro pela frente:
Dida (41 anos) – até 31/12/2015
Juan (35 anos) – até 31/122015
Cláudio Winck (20 anos) – até 31/12/2015
Ygor (30 anos) – até 31/12/2015
Wellington Paulista (31 anos) – até 31/12/2015
Jorge Henrique (32 anos) – até 31/12/2015
Augusto (22 anos) (emprestado ao Sport) – até 5/12/2015

Contratos longos:
Aránguiz (25 anos) – até 22/1/2016
Luque (21 anos) – até 29/5/2016
Rafael Moura (31 anos) – até 12/8/2016
Alisson (22 anos) – até 9/11/2016
Alan Costa (24 anos) – 31/12/2016
Paulão (28 anos) – até 7/1/2017
Zé Mário (22 anos) (emprestado ao Caxias) – até 3/1/2017
Muriel (27 anos) – até 31/5/2017
Maurides (20 anos) – até 1/6/2017
Fabrício (27 anos) – 31/7/2017
Jair (20 anos) – até 23/9/2017
Ernando (26 anos) – até 31/12/2017
João Afonso (19 anos) – até 31/12/2017
Bertotto (21 anos) – 31/12/2017
Willians (28 anos) – até 31/12/2017
D’Alessandro (33 anos) – até 31/12/2017
Eduardo Sasha (22 anos) – até 31/12/2017
Nilmar (30 anos) – até 31/12/2017
Jackson (24 anos) (emprestado ao Goiás) – até 31/12/2017
Aylon (22 anos) – até 1/5/2018
Thales (21 anos) – até 31/10/2018
Valdívia (20 anos) – até 31/12/2018

Contratos longos e a busca por reforços. Confira o vínculo de cada jogador do Grêmio e a projeção para 2015

25 de outubro de 2014 0
Omar Freitas

Omar Freitas

Excetuados o lateral Zé Roberto e o atacante Dudu, cujos vínculos se encerram em 31 de dezembro, Felipão já tem time pronto para iniciar 2015. Tudo em função da política de longos contratos implantada pela diretoria. O problema é que alguns dos atuais titulares não são uma unanimidade entre os torcedores, o que forçará a contratação de substitutos.

Será preciso rever a situação de jogadores como Fellipe Bastos, Riveros e Matías Rodríguez, contratados até metade do ano que vem. A partir de janeiro, os três já estarão livres para assinar pré-contratos com qualquer clube interessado.

Ainda que a direção não confirme, Werley e Edinho poderão ser os primeiros a abrir a lista de dispensas para 2015. Confira a situação de cada um, alguns atuando por empréstimo em outros clubes atualmente.

Confira a situação contratual dos jogadores do Grêmio:

SITUAÇÃO INCERTA

Alán Ruiz, 21 anos _ 31/12/2014

DUDU, 22 ANOS _ 31/12/2014

Edinho, 31 anos _ 31/12/2015

Gabriel, 25 anos _ 31/12/2014

Werley, 26 anos _ 3/12/2016

Zé Roberto, 40 anos _ 31/12/2014

PRECISA RENOVAR

Leo, 19 anos _ 31/3/2015

FELLIPE BASTOS, 24 ANOS _ 9/6/2015

Riveros, 32 anos _ 19/6/2015

Matías Rodríguez, 28 anos _ 30/6/2015

Saimon, 23 anos _ 28/02/2015

UM ANO INTEIRO PELA FRENTE

Bressan, 21 anos _ 31/12/2015

Erik, 19 anos _ 31/12/2015

Follmann, 22 anos _ 31/12/2015

Geromel, 29 anos _ 31/12/2015

Marcelo Moreno, 27 anos (emprestado ao Cruzeiro) _ 31/12/2015

PARÁ, 28 ANOS _ 31/12/2015

CONTRATOS LONGOS

BARCOS, 30 ANOS _ 8/2/2016

Kleber, 31 anos (emprestado ao Vasco) _ 30/11/2016

Marcelo Grohe, 27 anos _ 31/12/2016

Ramiro, 21 anos _ 31/12/2016

Breno, 19 anos _ 31/3/2017

Maxi Rodríguez, 24 anos (emprestado ao Vasco) _ 10/5/2017

Tiago, 21 anos _ 31/5/2017

Matheus Biteco, 19 anos _ 31/10/2017

Fernandinho, 28 anos _ 31/12/2017

Luan, 21 anos _ 31/12/2017

Rhodolfo, 28 anos _ 31/12/2017

Lucas Coelho, 20 anos _ 31/01/2018

Everton, 18 anos _ 31/5/2018

Walace, 19 anos _ 30/6/2018

Giuliano, 24 anos _ 31/7/2018

Apoio a Siegmann? Aliança com Piffero? As reviravoltas na eleição do Inter caso Medeiros não concorra à presidência

24 de outubro de 2014 6

Tadeu Vilani

Vice-presidente eleito do Inter e vice de futebol do clube, Marcelo Medeiros, tem sido aconselhado por amigos a desistir da candidatura à presidência do Inter. Medeiros vem realizando uma série de exames nos últimos dias, a fim de investigar um recente problema de saúde. Caso Marcelo Medeiros não oficialize a sua candidatura até o dia 31, a eleição colorada sofrerá uma mudança dramática.
Neste quadro, os movimentos de Situação ficaram divididos entre apoiar Vitorio Piffero e combatê-lo. Como um chapão, uma coalizão da antiga gestão do clube é quase impossível, muitos votos de conselheiros situacionistas migrariam para Roberto Siegmann – que deverá se apresentar como candidato à sucessão de Giovanni Luigi até a terça-feira e com chances reais de seguir para o segundo turno, atrás do voto dos associados.
E o Convergência Colorada? O movimento, dono de 78 cadeiras no Conselho Deliberativo, segue inclinado a apoiar Piffero. Porém, caso o quadro se altere desta maneira, é possível que o grupo opte por lançar candidatura própria à presidência.
Em tempo: até o momento, Marcelo Medeiros segue candidato à presidência do Inter.

Conseguirá o Inter vencer o o seu algoz?

24 de outubro de 2014 2

Ricardo Duarte

Em queda no Brasileirão, após quatro derrotas nos últimos cinco jogos e a consequente saída do G-4, o Inter tentará a recuperação na noite desse sábado, no Beira-Rio. O problema é que o adversário é terrível para os colorados: o Bahia. Em 27 de agosto, pela Copa Sul-Americana, o Bahia veio ao Beira-Rio e aplicou 2 a 0 com autoridade no time de Abel Braga. A eliminação da Sul-Americana foi oficializada no 1 a 1 da Fonte Nova, no protocolar jogo de volta.
Terá o Inter do Brasileirão capacidade para vencer o seu algoz da Sul-Americana? O Bahia atual ocupa a antepenúltima colocação no campeonato nacional.
Em tempo: Na Sul-americana, o Bahia acabou eliminado pelo orgulho peruano César Vallejo.

Saúde financeira do Inter de 2015 começará a ser definida contra o Flamengo no Maracanã

21 de outubro de 2014 16

Vanderlei Almeida/AFP

Mesmo a terceira colocação do Inter no Campeonato Brasileiro passou a se ameaçada. A equipe está acossada por Atlético-MG, Corinthians, Grêmio e Santos. E ainda terá confrontos diretos com três destes concorrentes – já foi derrotado pelo Corinthians também no returno. Nos bastidores, o clube sabe que não mais alcançará o título, mas conta com o vice-campeonato ou a terceira colocação. Também por motivos econômicos, a vitória sobre o Flamengo, no Rio, se tornou uma necessidade – mesmo sem D’Alessandro (que, com desgaste muscular, ficou em Porto Alegre), o que deixa a equipe bem diferente daquela que goleou o Flamengo por 4 a 0, no primeiro turno.

Recentemente, a TV Globo instituiu uma boa premiação para os primeiros colocados do Brasileirão. O campeão abocanhará um “bicho” de R$ 11 milhões. O segundo lugar receberá R$ 9,8 milhões. E o terceiro colocado, R$ 8,9 milhões. A classificação à Libertadores acrescentaria ao quadro social do Inter pelo menos mais 4 mil associados já em janeiro, além de praticamente zerar a inadimplência dos torcedores, que gira entre 9% e 12% atualmente. Hoje, o clube conta com 103,9 mil sócios, que geram uma arrecadação de quase R$ 5 milhões mensais.

E este aporte financeiro é fundamental para auxiliar a direção a cobrir a projeção de déficit para 2014, que é de R$ 55 milhões. Com altos investimentos na temporada e para evitar alguma antecipação de receita de 2015 – e enquanto os R$ 16 milhões do pay per view desta temporada não ingressam no caixa, o que ocorrerá até março -, é provável que o Inter recorra ainda a vendas de jogadores como Rafael Moura, Claudio Winck e Bertotto – os três já receberam propostas. Assim, poderia segurar Aránguiz opor mais seis meses. Sobretudo se Abel Braga conseguir conduzir a equipe à Libertadores.

Por tudo isto, o jogo do Maracanã começará a definir o futuro do Inter de 2015.

Para ter Aránguiz no Gre-Nal, Inter negociará com a Federação de Futebol do Chile

21 de outubro de 2014 3

Ricardo Duarte

O Inter negociará com a Federação de Futebol do Chile a liberação de Charles Aránguiz. Com amistosos marcados para os dias 10 e 18 de novembro, contra Venezuela e Uruguai, a seleção chilena levará o camisa 20 do Inter. E, justamente, no Gre-Nal da Arena. O clássico, o último da temporada e que poderá selar o destino de colorados e gremistas no G-4 do Brasileirão, está marcado para 9 de novembro. Ou seja: se Aránguiz não for desconvocado, estará fora do clássico.
A direção colorada conta com um pedido de Aránguiz junto ao técnico Jorge Sampaoli. Ao menos para obter a liberação para o Gre-Nal. Na pior das hipóteses, se o chileno não for liberado, ficará fora de três jogos: contra Grêmio (9/11), Goiás (16/11) e São Paulo (19/11).

Golaço de D'Alessandro pelas crianças

20 de outubro de 2014 8

Divulgação

D’Alessandro apresentou há pouco o seu novo projeto: Lance de Craque, um gol pelas crianças. O camisa 10 do Inter organizará um jogo de final de ano, em 27 de dezembro, no Beira-Rio, e que contará com a presença de nomes conhecidos do futebol sul-americano e mundial, como os técnicos Dunga e Jorge Sampaoli, além de 40 jogadores e ex-jogadores como Nilmar, Pablo Aimar, Enzo Francescoli, Rafael Sobis, Javier Zanetti, Verón, Milito, Léo Moura, Alex, Fernando Prass, entre outros.

Toda a arrecadação com a partida será destinada a cinco entidades assistenciais, a AACD (como na foto, do ano no passado, quando o meia argentino visitou as crianças na Associação de Assistência à Criança Deficiente), Pão dos Pobres, Casa Aberta, Educandário São João Batista e Centro Social Padre Pedro Leonardi. Celso Roth e o atacante gremista Hernán Barcos estiveram presentes à apresentação do projeto.

Os ingressos custarão R$ 40 e R$ 20.

- Estou há seis anos aqui, sou mais um cidadão que caminha pelas ruas de Porto Alegre. A gente vai vendo coisas que acontecem. Vi muitas coisas assim, pensar em retribuir o carinho que a cidade está me dando. Não tem camisa. Este evento não é vermelho nem azul, é um evento para Porto Alegre e para as crianças. Para a sociedade. Lembrar que elas precisam de nossa ajuda durante todo o ano – discursou D’Alessandro.

A ideia de D’Alessandro é fazer desta partida um evento anual de caridade em Porto Alegre.

Presidente eleito diz não ter preconceito e irá reavaliar retorno de Marcelo Moreno ao Grêmio

20 de outubro de 2014 7

A montagem do grupo do Grêmio para 2015 passa por Marcelo Moreno. Vice-goleador do Brasileirão, com 12 gols, atrás apenas de Henrique, do Palmeiras, o centroavante terá sua situação reavaliada por direção e comissão técnica no final de dezembro.

Light Press

Light Press

As dificuldades de relacionamento vividas pelo jogador em 2013, quando se indispôs com Kleber, hoje no Vasco, não serão empecilho para um possível retorno.
- Não sou preconceituoso ao ponto de descartar alguém por problemas enfrentados em outro momento. Não se pode desconsiderar um jogador de tanto destaque numa competição como o Brasileirão – avalia o presidente eleito Romildo Bolzan Júnior.
Marcelo Moreno tem ainda mais um ano de contrato por cumprir com o Grêmio. Em maio, quando o Cruzeiro enfrentou o Inter em Caxias do Sul, o atacante esclareceu que seu contrato é inteiramente pago pelo clube mineiro.
O mais provável é que o Cruzeiro tente prorrogar seu empréstimo para poder aproveitá-lo na Libertadores. Ou apresente ao Grêmio uma oferta para adquirir os 70% que detém dos direitos do jogadaor – o restante é do Shakhtar Donetsk-UCR.
Boa parte da torcida, contudo, ficaria feliz com a volta de Moreno. Sobretudo diante das dificuldades ofensivas que a equipe tem apresentado no Brasileirão.

 

Inter deverá vender Rafael Moura ao final do Campeonato Brasileiro

20 de outubro de 2014 6

Mateus Bruxel

Rafael Moura deverá ser vendido ao final do Brasileirão. Uma oferta do futebol mexicano levará o camisa 11 do Beira-Rio. A proposta, feita ao clube semanas atrás, se tornará realidade assim que o campeonato chegar ao fim. É bem provável que a negociação ocorra por um valor inferior aos quase 3 milhões de euros (R$ 9,3 milhões) pagos pelo Inter ao Fluminense, em 2012, mas ao que tudo indica, o futuro de Moura será mesmo na América do Norte.

Moura tem 79 jogos pelo Inter e 22 gols marcados – os mais importantes, os dois da virada sobre o Grêmio, no jogo de ida das finais do Gauchão, na Arena. Com a chegada de Nilmar, perdeu espaço no elenco. Wellington Paulista deverá permanecer.

Além disto, ficou marcado pela falta de gols, pelo gol perdido no Independência contra o Atlético-MG e, mais recentemente, por ter assumido o risco de ir para o gol na partida contra a Chapecoense, assim que Dida foi expulso – e em tempo de sofrer o quinto gol, de pênalti. Contra o Corinthians, no Beira-Rio, não foi opção para tentar reverter o jogo.

Grohe e Geromel, os melhores do Grêmio no empate contra o Goiás

18 de outubro de 2014 5
Agência Lancepress!

Agência Lancepress!

Marcelo Grohe – defesas decisivas no segundo tempo, quando o Goiás foi mais perigoso.
8

Pará – o espaço que teve para apoiar no primeiro tempo sumiu no segundo, quando só marcou.
6

Geromel – a habitual boa colocação. Sofreu com a velocidade do ataque do Goiás.
7

Bressan – uma falha comprometedora quase resultou em gol. Quando exigido, um pouco inseguro.
6

Zé Roberto – o calorão e o tamanho do campo não o atrapalharam.
7

Walace – orientado a não sair da frente da área, cumpriu bem o papel.
6

Felipe Bastos – irregular. Desta vez, nem os chutes tentou.
5

Ramiro – quase um meia pelo lado direito. Errou passes em excesso e foi substituído.
4

Luan pecou _ não lhe faltou aplicação tática. Seu problema, por vezes, foi sumir do jogo.
6

Fernandinho – veloz, foi muito acionado. Driblou com facilidade, mas construiu pouco.
6

Lucas Coelho – começou com boa movimentação e tentando os arremates. Aos poucos, sumiu.
6

Matheus Biteco – jogou pouco tempo, mas ajudou a conter a correria do Goiás.
5

Tiago – entrou nos minutos finais.
Sem nota

Riveros – também não teve tempo para jogar.
Sem nota