Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Repórter de ZH entre os mais premiados do país

30 de setembro de 2010 1

Sessenta anos, 27 de Zero Hora, oito livros, 38 distinções. É essa trajetória que levou Carlos Wagner a mais um lugar de destaque na carreira. Nesta quinta-feira, o veterano de ZH estará em São Paulo para receber a homenagem que a newsletter Jornalistas&Cia dispensará aos 15 repórteres mais premiados do Brasil.

Além de multipremiado, Wagner é um pioneiro. Levam sua assinatura algumas das mais inovadoras reportagens já produzidas no país. Em 1993, ele perfilou, um a um, os magnatas da jogatina clandestina no Estado. Em 1995, mapeou o Brasil de Bombachas, refazendo a trilha dos gaúchos que migraram e fizeram prosperar a imensa fronteira com os vizinhos países de fala castelhana.

Com suas reportagens, Wagner provocou a prisão de cafetões que exploravam índias adolescentes nas reservas gaúchas, na série de reportagens Índias Prostituídas, e adquiriu carteira de motorista em nome de morto para mostrar a corrupção vinculada ao Detran. Percorreu o país de Norte a Sul e de Leste a Oeste, entrevistando garimpeiros, pistoleiros, sem-terra ou engravatados.

Quem é ele? Confira no vídeo abaixo.

Comentários (1)

  • Antonio diz: 30 de setembro de 2010

    Parabéns, eu nao conheci a reportagem sobre a exploracao das índias, para mim só por esta já merece a mais alta distincao, isto é o que admiro na imprensa, alguém tem que mostrar e denunciar estas barbaridades, uma maneira de evoluirmos, nobre trabalho.

Envie seu Comentário