Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Morte de estudante que não foi atendida pelo Samu comove leitores

14 de outubro de 2011 0

Causou revolta e indignação aos leitores a morte da jovem Gabriela Fransciscatto, que não recebeu atendimento do Samu (leia a matéria clicando aqui). O assunto foi comentado em e-mails enviados à Redação, no site de ZH e em mensagens via Twitter. Confira algumas opiniões:

“Fiquei abismada ao ler a entrevista com a coordenadora do Samu. Respostas totalmente descabidas e demonstrando o descaso dela, o que se reflete nas ações das políticas de saúde que temos visto diariamente! Que falta de atenção! Que pessoa insensível! Dizer que a pessoa pode estar estressada porque brigou com o namorado? Será que um ser humano desses deve estar coordenando um serviço de saúde? E batemos na mesma tecla: Quantas vidas são perdidas todos os dias por atos assim?”

Rafaela Scherer

Palmeira das Missões


“É muito triste ver, a cada dia, a falencia da saúde pública, e ainda ter que ouvir explicações de pessoas (ir)responsáveis por determinados setores que, na minha opinião, são cruciais para salvar uma vida. O objetivo do referido serviço deve ser chegar o mais rápido possível ao local, para que os procedimentos preliminares sejam eficientes. Saúde não é para ser tratada com protocolos intermináveis, pois, em um minuto, uma vida pode ser salva.”

Silvia Iensen

Santa Maria


“Parabéns aos familiares de Gabriela pelo gesto nobre da doação de órgãos. Que nos sirva de lição, caso precisemos.”

Graça Garcia

Porto Alegre


“Lamento pela família… É inadimissível esse tipo de acontecimento. Tenho a nítida impressão que o Brasil, ultimamente, vem aniquilando seres humanos propositalmente. Porque, cá pra nós… Com os assassinatos, violência no trânsito, bandidagens, pintando e bordando, e as autoridades ‘cruzando os braços’. Agora mais isso… Realmente, começo a pensar ‘coisas’.”

Nilton Silva

Orlando (EUA)


“Parabéns ao município, Estado e União. Sim, o Samu recebe verba de todos eles. A nova política de matar o paciente para economizar verba é ótima. Eu, que não pertenço à área da saúde, consigo imaginar uma dúzia de motivos para revogar esta norma idiota de só atender ligações originadas no município, até porque, recursos tecnológicos para isto existem. Parabéns! Espero que consigam dormir em paz.”

Angelo Valerio

Porto Alegre


“Que descaso com a saúde pública. Cada vez mais deparamos com situações iguais a estas e ninguém toma providências. É muito triste assistir casos iguais a esses todos os dias. “

Cintia Patricia Cardozo

Porto Alegre

Envie seu Comentário