Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Um posto avançado no território do agronegócio

17 de agosto de 2013 0

cartadamarta
Se as projeções se confirmarem, mais de meio milhão de gaúchos passarão nos próximos dias pelo Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio, e os negócios da feira ultrapassarão R$ 2,5 bilhões. Deverá ser a maior Expointer de todos os tempos — em público e em vendas. Para acompanhar este grande momento do agronegócio gaúcho, embalado por uma safra espetacular, Zero Hora escalou um supertime de profissionais: o parque passa a ser, a partir desta semana, um posto avançado do jornal.

A cobertura intensiva já começou na sexta-feira passada, com o caderno Campo e Lavoura especial sobre o Freio de Ouro. A partir desta segunda-feira, com a chegada dos animais ao parque, a cobertura passa a ser diária. Na próxima sexta-feira — um dia antes da abertura dos portões ao público —, um caderno de 32 páginas, grampeado e com acabamento especial, com a temática “A Feira das Conquistas”, traz um balanço do setor em 2013 e um guia completo para se visitar a exposição. Ali você encontrará preço dos ingressos, mapas, destaques da programação, como chegar a Esteio.

Zero Hora não terá somente a cobertura especial no jornal e no site. Na Casa RBS, dentro do parque, serão debatidos relevantes temas para o setor. No dia 24, “O valor do agronegócio”, em parceria com a Federasul, abre a programação da casa.

No dia 29, o tema “Febre aftosa: está na hora de retirar a vacina?” estará em discussão no evento do Conselho Regional de Medicina Veterinária, que tem o apoio de ZH. No dia 30, o Campo em Debate retorna à Casa RBS para falar sobre “Como irrigar as lavouras gaúchas”, em uma parceria com o Senar-RS.

A visitação se inicia só no próximo sábado. Mas, na Redação de Zero Hora, a Expointer já começou há algumas semanas. Para preparar a cobertura especial, a editora de Campo e Lavoura e colunista do agronegócio, Gisele Loeblein, montou um time de mais de 20 profissionais.

— Nosso papel será o de levar a informação da forma mais completa possível. Tanto para quem faz o agronegócio quanto para o público urbano, que encontra na feira a oportunidade de se aproximar do meio rural.

Todo ano, Zero Hora escolhe um tema especial para a cobertura da Expointer. Desta vez, inspirada pela supersafra que estimula não só o campo, mas também a economia da cidade, o mote será “O efeito urbano da produção rural”. Um olhar que contemplará, portanto, 100% dos nossos leitores.

Envie seu Comentário