Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Feevale recebe editor-chefe de ZH

31 de maio de 2016 0

divulgação

Por Andrei Souza, acadêmico do 4º semestre de Jornalismo na Universidade Feevale

Fotos: Giancarlo Couto, estudante de Jornalismo da Feevale

O editor-chefe da Zero Hora Nilson Vargas palestrou na noite desta segunda-feira (30), no Auditório do prédio Multicolor, para acadêmicos do curso de Jornalismo do Campus II da Universidade Feevale. O evento faz parte da 8ª edição do ciclo de palestras que engloba o aniversário da ZH.

O evento se iniciou às 19h30min com a apresentação de Vargas. Logo em seguida, o palestrante exibiu um vídeo que detalhava e explicava o a rotina do jornal Zero Hora. Ele comentou sobre a mudança que ocorreu em maio de 2014, devido à necessidade de a empresa se conectar com as novas formas de seu público consumir informação. Ressaltando, que o novo formato foi pensado e desenvolvido para atender uma comunidade de mais de dois milhões de leitores e doze milhões de usuários digitais, alterando o logotipo e realizando uma reorganização das informações, em prol de uma relação mais próxima com o leitor.

DSC_0001

Nilson destacou o trabalho da jornalista Jéssica Weber, ex-aluna da Feevale, que ingressou na Zero Hora por meio do projeto Primeira Pauta. Ele também exibiu vídeos e reportagens produzidas pela jornalista Juliana Bublitz, como exemplo de uma jornalista completa adaptada à demanda de ser multimídia, pronta para fazer desde grandes reportagens que exigem fôlego de apuração, texto de qualidade, coberturas online em tempo real, usando linguagens diferentes como texto e vídeo.

Nilson aconselhou os acadêmicos de jornalismo a se adaptarem as novas mídias, mas ao mesmo tempo se dedicarem ao texto escrito e a leitura. Ele ressaltou que o jornalista deve estar em constante evolução, buscando se adaptar as tendências tecnológicas, visando aprimorar as suas habilidades.

No final da palestra, Nilson respondeu perguntas realizadas pelos acadêmicos, onde os principais temas discutidos foram o futuro do jornalismo e a as características essências que um jornalista precisa ter para integrar o mercado de trabalho. Neste ano, os estudantes utilizaram a hashtag #ZHnaFaculdade para publicar nas redes sociais os comentários e conteúdos das conversas em tempo real.

Veja o vídeo produzido pelos alunos:

Envie seu Comentário