Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora
Thumbnail

Financiamento de campanhas eleitorais é destaque na ZH dominical

O escândalo de corrupção na Petrobras reacendeu a discussão sobre...

Thumbnail

Fernanda Pandolfi recebe leitores no Café do Porto

A coluna Rede Social ZH vai movimentar a cidade neste...

Thumbnail

Be happy: o que as pesquisas dizem sobre a felicidade

O caderno Vida deste sábado foi buscar a alquimia do...

Thumbnail

Uma investigação de duas redações

Por trás da reportagem especial deste domingo, Minha Casa Minha...

Carta da Editora: O encanzinado

28 de março de 2015 0

marta-gleich

 

No currículo de um bom repórter, obstinação conta muitos pontos. A persistência para seguir um assunto até o seu desfecho ou até que todas as perguntas estejam respondidas sempre fez parte do sucesso de um jornalista. José Luís Costa poderia colocar no seu currículo obstinação, persistência, organização, resiliência, metodologia de investigação. Ou, como resume sua editora, Dione Kuhn: “O Zé é um encanzinado”. Repórter especial de ZH, José Luís acompanha, desde 2011, o misterioso golpe na Arquidiocese da Igreja Católica em Porto Alegre, que ganharia R$ 12 milhões do governo português para reformar paróquias, mas caiu em uma armadilha com prejuízo de R$ 2,5 milhões. A figura central desta fraude é Adelino Pinto, ex-vice-cônsul de Portugal na capital gaúcha, um personagem controvertido e com passado nebuloso na terra natal, para onde fugiu logo após a revelação do escândalo. Demitido do emprego, processado pela Justiça, com ordem de prisão preventiva e nome na lista vermelha da Interpol, Adelino não pode ser alcançado pela polícia – normas diplomáticas portuguesas impedem extradição de seus cidadãos, assim como ocorre com brasileiros no Brasil. Mas ele não está livre de ser cobrado e de ter de dar explicações, ainda que vivendo a vida a 8,8 mil quilômetros do Rio Grande do Sul. Decidido a seguir contando esta intrigante história, José Luís monitora há quatro anos o caso junto aos órgãos responsáveis, criou uma rede de contatos em Portugal e propôs aos editores viajar a Lisboa. O resultado da obstinação do repórter você confere nas páginas 13 a 17.

EDUCAÇÃO – Na última quinta-feira, lançamos o novo caderno de educação da Zero Hora, o Educa, em substituição ao Vestibular. A iniciativa faz parte da crença do Grupo RBS na relevância do tema para todos os públicos e do compromisso de ZH de acompanhar, discutir e instigar a transformação na educação. Agora, além de falar sobre os processos seletivos para conseguir uma vaga na faculdade, com Enem ou concurso vestibular, o caderno investe em matérias sobre outros assuntos que também importam muito para o crescimento profissional e acadêmico dos estudantes – sejam eles de Ensino Médio, faculdade ou pós-graduação. Língua estrangeira, intercâmbio, carreira e até as relações entre pais e filhos estarão no novo projeto de educação de ZH, que prevê ainda um braço digital mais robusto. Na seção zerohora.com/educa você já encontra as reportagens do caderno e também as últimas notícias sobre Enem, vestibular, tendências em ensino, programas e cursos de graduação, pós-graduação, intercâmbio, idiomas e atualidades que podem fazer diferença na sua formação.

A OPINIÃO DE ZH SOBRE O FINANCIAMENTO DE CAMPANHA – No segundo editorial sobre temas polêmicos (o primeiro tratou da legalização da maconha, em 8 de março), ZH aborda hoje o financiamento eleitoral. A série previa, como segundo e terceiro assuntos, a maioridade penal e a privatização de presídios, mas os fatos, com as investigações da Operação Lava-Jato, se impuseram. Como o tema está na ordem do dia, resolvemos antecipar a posição de ZH sobre as formas possíveis de pagamento das campanhas. Principal fator da corrupção na administração pública no país, o financiamento eleitoral é debatido também em uma ampla reportagem, para que o leitor entenda as opções possíveis, suas vantagens e desvantagens, e tire suas próprias conclusões.

 

Be happy: o que as pesquisas dizem sobre a felicidade

27 de março de 2015 0

O caderno Vida deste sábado foi buscar a alquimia do bem viver. A reportagem de capa vai mostrar o que pode ajudar a reduzir o hormônio do estresse.

E mais: entenda a mutação do gene de Angelina Jolie, estrela de cinema que retirou os seios em 2013 e os ovários em 2015. Saiba quando é realmente importante o teste genético para descobrir alterações nos genes BRCA1 e BRCA2 e prevenir o câncer.

 CARL COURT/AFP

 

Financiamento de campanhas eleitorais é destaque na ZH dominical

27 de março de 2015 0
Júlio Cordeiro

Júlio Cordeiro

O escândalo de corrupção na Petrobras reacendeu a discussão sobre mudanças no sistema de financiamento de campanhas no Brasil.

Procuradores e policiais federais envolvidos na investigação não têm dúvidas de que empreiteiras distribuíram propina na forma de contribuição eleitoral, em troca de favorecimento em licitações da estatal.

A engrenagem desenhada para financiar a democracia no país dá margem a irregularidades e a distorções. Ao permitir depósitos privados sem fixar um teto nominal, o sistema estimula a competição desmedida por recursos.

O problema é que se há consenso de que o atual modelo não serve mais, sobram dúvidas sobre qual seria a melhor opção.

 As pessoas querem coisas contraditórias: cortar o financiamento empresarial e, ao mesmo tempo, não colocar verba pública na história. É um diálogo de surdos. Sem contar que, no fundo, não dá para mudar isso sem mexer o sistema eleitoral  diagnostica o cientista político Wagner Mancuso, da USP.

O fato é que diferentes projetos e ideias estão em debate. Há quem defenda a adoção do financiamento exclusivamente público, quem admita a participação de pessoas físicas e quem assuma manter o formato atual, mas com a imposição de limites capazes de dissipar a interferência empresarial.

Leia a reportagem completa na ZH deste domingo (29/3).

Confira os demais destaques da edição no vídeo abaixo.

ZH desta sexta destaca a inauguração da Cinemateca Capitólio

26 de março de 2015 0
Tadeu Vilani

Tadeu Vilani

Após mais de uma década em reforma, a Cinemateca Capitólio será inaugurada nesta sexta-feira (27/3).

O antigo Cine Theatro Capitólio, localizado na esquina da Borges de Medeiros com a Demétrio Ribeiro, já abrigou um público de mais de 1,3 mil pessoas quando funcionava a pleno vapor.

Hoje, a quase centenária casa — já transformada inclusive em cinema pornô — reabre suas portas com 164 lugares.

Além da sala de exibição, há outros espaços, como o de pesquisa com acesso ao acervo que busca resguardar a memória audiovisual do Rio Grande do Sul.

Confira a reportagem completa no Segundo Caderno desta sexta (27/3).

Veja os demais destaques de ZH no vídeo abaixo.

Aniversário de Porto Alegre é comemorado em dose dupla na ZH desta quinta

25 de março de 2015 0
Amanda Copstein

Amanda Copstein

Nesta quinta (26/3), Porto Alegre comemora o aniversário de 243 anos de sua fundação. ZH, que durante a semana já trouxe matérias referentes à data, publica duas reportagens especiais.

A primeira, da editoria Sua Vida, conta a história da família que tem a cidade em seu sobrenome.

Já o Segundo Caderno traz obras de artistas feitas para homenagear a capital dos gaúchos.

Imperdível, não? Ainda mais se você ler a ZH descansando na orla do Guaíba ou tomando um mate na Redenção. ;)

Confira os demais destaques da edição no vídeo abaixo.

Nesta quinta, não perca a estreia do Educa

25 de março de 2015 0

capaeducaO aumento do interesse pelo idioma Mandarim é tema de capa da primeira edição do caderno Educa que estreia nesta quinta-feira. O novo suplemento traz ainda dicas para quem vai morar sozinho, além de um gráfico que explica como se calcula a nota do Enem​.

O Educa circulará às quintas, mas todo dia será dia de conferir as novidades do caderno em sua versão digital. A seção Educação no site de ZH vai atualizar estudantes que se preparam para enfrentar os desafios do ensino e do mercado de trabalho.

 

 

Comitiva de Capão da Canoa visita ZH para divulgar festividade

25 de março de 2015 0
Douglas Roehrs

Douglas Roehrs

A comitiva do município litorâneo de Capão da Canoa visitou a Redação de ZH na manhã desta quarta (25/3). O vice-prefeito Atilar Jr., a secretária de turismo, indústria e comércio Regina Witt Marques, a rainha Júlia Germano Colissi e as princesas Maria Vitória Melo da Silva e Jaqueline Toledo vieram divulgar a 4ª Capão Fest, que ocorre entre os dias 2 e 5 de abril.

— O grande mote do evento é esticar o verão — ressaltou o Atilar. O vice destacou a preocupação em trazer visitantes de fora da cidade em todas as épocas do ano, além do período de alta temporada.

A festividade contará com feiras de gastronomia e artesanato, indústria e comércio, produtos e serviços e a 9ª Feira do Livro. A visitação será das 10h às 22h. Também serão realizados shows gratuitos, com a participação de nomes de peso como Michel Teló e Aline Barros.

— Com essa programação, o comércio local é muito estimulado — salientou a secretária de turismo.

Em sua terceira edição, no ano passado, o evento atraiu cerca de 100 mil visitantes. Para este ano, espera-se um público de 150 mil pessoas.

Fernanda Pandolfi recebe leitores no Café do Porto

25 de março de 2015 0

A coluna Rede Social ZH vai movimentar a cidade neste final de semana. A jornalista Fernanda Pandolfi e equipe promovem uma feijoada no Café do Porto, da Rua Padre Chagas, no sábado e no domingo. Os ingressos estão esgotados desde a terça-feira.

Jean Pierre Kruze, divulgação

Para participar, os leitores adquiriram a camiseta/ingresso feita especialmente para o evento por Pandora e que poderá ser customizada no local pelas artistas da Afecto Second.Hand.Made. A criação escolheu estrofe da música Cotidiano, de Chico Buarque:

“Todo dia eu só penso em poder parar. Meio-dia eu só penso em dizer não. Depois penso na vida pra levar. E me calo com a boca de feijão”.

No sábado (28), os participantes usarão a camiseta preta e no domingo (29), a cinza.

feijoada_verdefeijoada_pretafeijoada_amarela

Jean Pierre Kruze, divulgaçãoFotos: Jean Pierre Kruze

No clima do evento, Fernanda com Laura Bier Moreira, Pati Leivas e Fernanda Guimarães. Abaixo, Eduardo Santos, Valentino Magno e Marcos Paulo Magalhães que já experimentaram (e aprovaram!) a camiseta da Feijoada Rede Social.

Jean Pierre Kruze, divulgação

Nos dois dias, o músico Eduardo Pitta, um dos fundadores da banda “Se Ativa”, vai animar o almoço comandado pela chef Tânia Santos. A feijoada começa a partir das 11h30min e acompanha aipim frito, calabresa, paio assado, arroz, couve, laranja, caldinho de feijão e farofa. Para beber, caipirinha de limão, limão siciliano e bergamota à vontade.

Marcelo Monegal

 

 

ZH desta quarta destaca nomeações de parentes de parlamentares aliados ao governo Sartori

24 de março de 2015 0
Luiz Avila / Divulgação

Luiz Avila / Divulgação

Pelo menos quatro irmãos de parlamentares que integram a base de apoio do governo José Ivo Sartori (PMDB) foram nomeados para cargos em órgãos e autarquias do governo estadual.

Além do parentesco com deputados aliados do Piratini, os dirigentes do segundo escalão têm em comum o perfil político: dos quatro, três já ocuparam cargos eletivos municipais.

Essas nomeações poderiam configurar nepotismo? A resposta para essa pergunta divide especialistas.

Confira a reportagem completa na ZH desta quarta (25/3).

Veja os demais destaques da edição no vídeo abaixo.

Em ZH, turma busca dicas para editar jornal na escola

24 de março de 2015 0

No último ano do Ensino Médio, os estudantes do Colégio Estadual Rodrigues Alves, de Cachoeirinha, têm o desafio de editar um jornal. Na verdade, serão quatro jornais, cada um com 16 páginas e um tema. As publicações, contam os alunos, devem apresentar diferentes tipos de textos e formatos jornalísticos, como reportagem, artigo e charge.

Na manhã desta quinta-feira, as turmas que vão tratar de Meio Ambiente e Cultura estiveram na Redação de ZH. A ideia foi buscar dicas sobre o funcionamento e a organização das equipes que fazem o jornal.

Vitor Bitencourt FróesFoto: Vitor Bitencourt Fróes

Na terça-feira, os futuros editores dos jornais que vão tratar de Universo Jovem e Vida Saudável começaram o trabalho na Redação de ZH.

arquivo pessoal

arquivo pessoal

A conversa de quase duas horas na Redação esclareceu dúvidas e tratou sobretudo de importância de tomar decisões editoriais, compartilhar ideias, responsabilidade e relevância do conteúdo para o leitor. Agora, é colocar mãos à obra.

Antes de voltar ao colégio, na terça, um registro especial.

arquivo pessoalarquivo pessoal