Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Posts com a tag "jornal"

Colunistas estão em nova campanha de ZH

07 de junho de 2016 0

Os colunistas Marcos Piangers, Rosane de Oliveira e Tulio Milman estão à frente da nova campanha de assinaturas do jornal lançada hoje. Combinando humor a situações cotidianas vividas junto à família, no ambiente de trabalho e na faculdade, as peças reforçam que a qualidade do conteúdo produzido pela Redação faz a diferença em meio à profusão de informações em ambientes digitais e compartilhadas por meio das redes sociais. A campanha começa a ser veiculada nesta terça-feira na TV e também estará no rádio, na internet e no próprio jornal.

Outro ponto ressaltado na campanha para conquistar novos assinantes leva em consideração o fator local. Apesar da existência de grandes veículos de comunicação no país que também primam por qualidade e credibilidade de conteúdo, o diferencial de ZH está na proximidade com os leitores do Rio Grande do Sul. Os diálogos apresentados nas peças, por exemplo, são baseados em assuntos relacionados ao dia a dia ou à economia do Estado, mostrando a relevância de ter conhecimento aprofundado sobre os temas que importam aos gaúchos.

 

piangersMARCOS PIANGERS

Minha peça publicitária foca na importância de jovens estarem bem informados. O conteúdo
de atualidades é fundamental para quem quer passar no vestibular, no Enem, em alguma vaga de emprego e para quem quer apenas ter substância para participar de qualquer conversa.

divulgação

 

ROSANE DE OLIVEIRA

Tenho muita convicção de que estar bem informado é um diferencial em qualquer profissão e em todas as idades. Em tempos de crise, mais ainda. O assinante de ZH tem informação 24 horas por dia, sete dias por semana.

Bruno Alencastro

 

TULIO MILMAN
Acredito na mensagem. Tanto que acho que convenci o ator a assinar Zero Hora. Se é que ele
já não era assinante.

Gremista ou colorado?

01 de novembro de 2014 3

marta gleichVocê conhece algum Estado em que a população seja tão apaixonada por seus times como o Rio Grande do Sul? Eu, não. Seria exagerado dizer que quem não se identifica com um dos times  da dupla Gre-Nal não é gaúcho, mas é quase isso. Você sabe do que estou falando. A criatura nasce e já a embrulham na bandeira, ops, no tip-top de um dos times!

Neste cenário de altíssimo interesse pelo assunto, nada mais natural que Zero Hora se especialize, cada vez mais, na cobertura de Grêmio e Inter. É por isso que, desde a última terça-feira, a cobertura digital dos dois times está de cara nova em ZH. Foram lançados os novos sites, mobile sites e aplicativos Colorado ZH e Gremista ZH, para que o público tenha a melhor experiência de informações da Dupla.

– Queremos entregar uma navegação mais rica e integrada em todos os dispositivos e reforçar o valor da dupla Gre-Nal dentro de ZH. Nos novos sites e aplicativos, entregamos mais conteúdo de serviço, tentando entender o que o torcedor quer saber um dia antes do jogo, na data da partida e também no dia seguinte. Ampliamos a cobertura para assuntos mais leves e com foco no humor, além da opinião dos colunistas e das informações habituais de treinos, jogos e bastidores dos clubes – explica Débora Pradella, editora digital de Esportes.

– Esse lançamento marca uma nova etapa nos produtos digitais na ZH. Ao reformular toda a plataforma digital sobre a Dupla, desenvolvemos internamente tecnologias e interfaces que permitem a entrega de uma experiência mais rica e com usabilidade consistente em todos os dispositivos que o torcedor possa utilizar, como computadores, tablets ou smartphones, seja via navegadores web ou aplicativos exclusivos para Android e iOS – diz Antonio Coelho, diretor de Produtos Digitais do Grupo RBS.   dupla Os produtos estão em beta, ou seja, foram lançados numa versão ainda sem todas as funcionalidades, para que os consumidores utilizem, avaliem e opinem sobre os sites e os aplicativos. Com base nesse retorno, ZH fará melhorias contínuas. Dê uma navegada e envie suas impressões por meio da pesquisa na capa do site do seu time!

Você pode avaliar, por exemplo, se foi boa a decisão de colocar a central de jogos em destaque, assim que o usuário entra no site, com informações das partidas do seu time em tempo real. Ou se funciona melhor o player de vídeos, especialmente no celular. E, ainda, se gostou da possibilidade de receber pushs em seu smartphone para secar o time rival.

Como qualquer produto em beta, vêm aí novidades, em breve. Na central de jogos da capa, haverá um número maior de partidas disponíveis e mais informações sobre o jogo. Na lista de notícias, que permite o acesso rápido a todos os assuntos, o leitor ganhará a possibilidade de marcar os conteúdos, para ler mais tarde quando retornar ao site. A ideia é que o Gremista ZH e o Colorado ZH tenham melhorias contínuas.

Até agora, 83% das pessoas que responderam à pesquisa na capa dos sites disseram que conseguiram encontrar o que procuravam com mais facilidade. Segundo os torcedores, “Design” foi o atributo que mais se destacou, seguido da opção “Bah, tudo! Ficou show de bola”. Na sequência: notícias em formato de timeline, organização das informações e central de jogos.

Se você ainda não conferiu os novos sites, acesse zh.com.br/gremio e zh.com.br/inter. No smartphone, os apps estão disponíveis para Android e iOS. Quem já tinha os aplicativos antigos só precisa atualizar para a nova versão. Quem ainda não tem pode baixar na Google Play ou na App Store.

Novidade: ZH distribui cadernos diários em inglês e espanhol durante a Copa

11 de junho de 2014 0

A partir desta quinta-feira, os turistas estrangeiros que visitam Porto Alegre para assistir a Copa do Mundo poderão ler cadernos editados por Zero Hora em inglês ou espanhol. A novidade será distribuída gratuitamente diariamente em hotéis e hostels, restaurantes, pontos turísticos e centros de informações, aeroporto, rodoviária e consulados. Os conteúdos também estarão traduzidos no site de ZH, com vídeos, fotos e interatividades.

A iniciativa faz parte da Liga dos Fanáticos, projeto multimídia do Grupo RBS.

Acesse a página em inglês

Confira as notícias em Espanhol

Com 8 páginas cada um, os cadernos impressos ajudarão os visitantes a se localizar na capital gaúcha e no Estado. O conteúdo incluirá as principais notícias relacionadas ao Mundial, serviço e roteiros por pontos turísticos, sugestões de restaurantes, bares e festas.

ingles1espanhol1

Clique para folhear a versão do caderno em espanhol

Clique para folhear a edição em inglês

Em cada um dos exemplares, a primeira edição traz dica especial de passeio, com uma galeria de imagens e QR Code indicando a localização da atração, uma crônica selecionada entre os cronistas de ZH e um roteiro pelo centro da capital gaúcha. Além disso, os leitores encontrarão dicas de festas e locais para acompanhar o jogo de estreia da Copa do Mundo.

Onde encontrar os cadernos

Em cerca de 30 dos principais hotéis da cidade

Nos hostels da Capital

Em cerca de 20 restaurantes da cidade, especialmente churrascarias e de comida típica No Bar dos Fanáticos (Boteco Natalício, na Praça Maurício Cardoso, 141)

No Aeroporto Internacional Salgado Filho Na Rodoviária de Porto Alegre

Nos principais pontos turísticos

Na Casa RBS do Acampamento Farroupilha

Nos Centros de Informações Turísticas (aeroporto, Mercado Público, Redenção, Usina do Gasômetro e Linha Turismo

Nos consulados de França, Argentina e Holanda

 

Uma turma de olho no jornal

10 de novembro de 2010 1

O Conselho Mirim de ZH já se prepara para a primeira “reunião de trabalho” marcada para o dia 22. Depois da reunião inicial, quando a turma se conheceu — em 25 de outubro —, um novo encontro para uma sessão de fotos ajudou a integrar os participantes.

Clicados por Mauro Vieira, as crianças que vão “dar palpites no jornal” por seis meses, se soltaram. E ficaram ainda mais amigas…


“Foi legal fazer as fotos. Quebramos o gelo” Beatriz Vieceli Goulart, 9 anos.


>Depois de posar para o fotógrafo de ZH, os pequenos conselheiros levaram para casa um mimo do Clubinho (revistas de atividades para ler e se divertir) e o reforço da próxima atividade: encontrar e comentar as notícias do jornal com o selo abaixo.


Animada, a turma já está avisada e aguarda a hora de reencontar os amigos do jornal.

>

“Já encontrei muita coisa legal no jornal” Ariel Ali Maciel, 9 anos

Ricardo Kotscho e os fatos da vida real

06 de maio de 2010 0

“A morte no caminho de quem faz o bem” é o título de post publicado ontem no Balaio do Kotscho, blog do repórter Ricardo Kotscho.

O texto do jornalista de 62 anos e 19 livros publicados fazia referência à notícia publicada em sites sobre a morte da professora Maria Paula Amaral Leal, atropelada na noite de segunda-feira após ajudar um cego a fazer a travessia numa faixa de segurança na zona norte de Porto Alegre.

Em sua análise (se quiser ler a íntegra do texto de Ricardo Kotscho, clique aqui), Kotscho, um reconhecido repórter e observador do jornalismo, chamava a atenção para o fato de tragédias como a da professora já não ocuparem espaço nas primeiras páginas dos jornais do país, um lugar onde, ironizava ele, “é perigoso até fazer o bem. Pode matar”.

E seguia em suas observações: “Nem faz tanto tempo, os principais veículos de comunicação do país mantinham sucursais e correspondentes por todo o país, que diariamente nos relatavam estes fatos da vida real. Escrevi muitas reportagens a partir destas pequenas notícias que chegavam à redação, vindas de bem longe dos gabinetes do poder. Isto acabou.”

Antes de acabar seu texto, porém, Kotscho, que viajaria para Curitiba no dia seguinte e encontrou no aeroporto um exemplar de Zero Hora, fez a ressalva:

Em tempo 3: ainda bem que dei a sorte de encontrar um exemplar do Zero Hora na banca do aeroporto para fazer justiça ao jornal gaúcho, que deu uma bela cobertura do caso da professora Maria Paula Amaral Leal. Destaque especial para a reportagem de Itamar Melo, que traçou o comovente perfil de uma mulher que dedicou sua vida à solidariedade. Meus cumprimentos ao repórter e ao jornal.

Na edição de quarta-feira, dia seguinte ao funeral da professora, ZH dedicou área especial da capa e a reportagem especial das páginas 4 e 5. Veja abaixo: