Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Posts com a tag "redação"

Imagens em movimento

08 de agosto de 2015 0

marta-gleich

A Redação de Zero Hora tornou-se uma usina de produção de vídeos: foram mais de 450 em julho, ou 15 por dia, publicados nas plataformas digitais de ZH. O número triplicou em sete meses. Em uma revolução que se repete nos principais jornais do mundo, o que era exclusividade de emissoras de TV virou rotina entre jornalistas mais voltados para textos e fotos. Por quê? Simples: porque cada vez mais consome-se informação em formato de vídeos, seja no desktop ou nos smartphones.

O processo começa na reunião de pauta, como explica o editor de Produção de ZH, Rodrigo Lopes:

– Vídeos ocupam boa parte do tempo das discussões. Não raro, começamos a construção dos conteúdos que teremos ao longo do dia pelo debate sobre vídeos. Ou seja, a capacidade imagética da pauta conta muito.

Novas funções foram criadas na Redação, e hoje a equipe diretamente envolvida com roteiros, produção e edição de vídeos conta com 10 pessoas em ZH, que se somam ao time de 17 fotógrafos.

– Em décadas passadas, o fotógrafo trazia a imagem sintética do evento. Hoje, ele precisa contar a história também através de imagens em movimento. Antes, cuidava da composição, da luz, do quadro. Hoje, além desses cuidados para uma boa foto, por exemplo, ele precisa ficar atento ao áudio, detalhe fundamental em um bom vídeo jornalístico – relata Jefferson Botega, editor de Imagem.

– Interessante ressaltar que, nesse contexto multimidiático que o jornalismo vive, a nossa Editoria de Fotografia deu lugar a uma Editoria de Imagem, contemplando fotografia, vídeo e inovações de linguagens e narrativas – complementa Bruno Alencastro, editor assistente de Imagem.

Como se tornou prioridade, vídeo não é uma preocupação exclusiva dos fotógrafos. Pode-se dizer, sem exagero, que todo mundo na Redação está envolvido nisso. Editores precisam prever vídeos em seus conteúdos.

Colunistas transmitem suas informações também por vídeos. Webdesigners criam e editam videográficos.

– Para mim, tudo mudou, em termos de vídeo, no dia em que o editor Rodrigo Müzell me pediu um sobre superávit primário, assunto bastante árido. Inacreditavelmente, ele ficou entre os mais vistos. Agora, várias vezes vídeo é a primeira coisa que eu faço. E me orgulho muito quando vão bem, não por mim, mas pelo interesse no assunto – diz a colunista de Economia, Marta Sfredo.

Além dos colunistas, cada vez mais os repórteres gravam vídeos com smartphones, os editam e os entregam prontos, ancorando suas reportagens.

– Fazer vídeos com o iPhone e editar sozinha, da rua mesmo, tem sido uma forma de complementar o texto, construir a história sob outro viés, mais informal, incluindo um pouco dos bastidores – diz a repórter Lara Ely, que tem tido sucesso também nas redes sociais com suas produções. Uma delas, publicada em julho, teve alcance de 1 milhão de pessoas.

Assuntos do dia a dia, como as recentes cheias, são complementados por vídeos da Redação, e também por imagens enviadas pelo público.

– Cobrimos as inundações em todo o Estado com imagens aéreas dos locais atingidos, e também muita colaboração de leitores, levando quem assiste aos vídeos para dentro da notícia – explica o produtor Felipe Costa.

– Além dos conteúdos diários, factuais, estamos investindo em produções diferenciadas, programas especiais e séries. Com a priorização dos vídeos em ZH, um cronograma está em desenvolvimento para garantir entregas que gerem impacto para o leitor, agora também espectador – explica a coordenadora de projetos de ZH, Sabrina Passos. Ela relembra exemplos como a produção Matopiba Tchê, que virou série no programa Campo & Lavoura, da RBSTV, o documentário Inferno na Terra Prometida (sobre os imigrantes haitianos) e a websérie Entra na Sala, protagonizada pela colunista Fernanda Pandolfi.

– Alguns vídeos especiais, como o da reportagem Inferno na Terra Prometida, têm chamado atenção pelo tempo de engajamento das pessoas ao assisti-los: mais de oito minutos, em alguns casos, quebrando o paradigma de que as pessoas só assistem a vídeos curtos na web – assinala Bruno Alencastro. – Ou chamam atenção pelo número de visualizações, como o vídeo da primeira partida com torcida mista no Beira-Rio, que já foi assistido 1,4 milhão de vezes.

Formandos de Rio Grande e Glorinha visitam a Redação

06 de agosto de 2015 0

Douglas Roehrs

Alunos do terceiro ano do Ensino Médio de duas escolas do Interior visitaram a Redação de ZH nesta quinta (6/8).

Pela manhã, os estudantes do Colégio Estadual Deoclécio Ferrugem (foto acima), do município de Glorinha, conheceram o funcionamento do jornal acompanhados da professora Cláudia Yoshida.

À tarde, os alunos do Cesam (foto abaixo), Escola Média Santa Medianeira, de Rio Grande, conheceram a Redação em busca de inspiração para trabalhar na comunicação e produção da Multifeira, um evento que ocorre em 7 de novembro e reúne projetos desenvolvidos do maternal ao último ano da Escola. A turma pretende criar um jornal e um blog para divulgar a feira para a comunidade.

Lúcia Pires

Comitiva de Encantado divulga programação do aniversário de 100 anos da cidade

20 de março de 2015 1
Douglas Roehrs

Douglas Roehrs

O prefeito Paulo Costi e a secretária da juventude, desporto e turismo Anapaula Gotardi visitaram a Redação de ZH na manhã desta sexta-feira (20/3). A comitiva veio divulgar a programação alusiva ao aniversário de 100 anos do município de Encantado.

— Nós estamos buscando, neste ano, resgatar a história da cidade – ressaltou o prefeito.

As atividades comemorativas ocorrem durante o ano todo. No entanto, o ponto alto da festa será na segunda-feira (30/3), dia anterior a data de emancipação, quando Michel Teló e Renato Borghetti se apresentam. Conforme Anapaula, espera-se que o show reúna pessoas de toda a região. Além dos ingressos comercializados pela produtora, oito mil entradas para a pista serão distribuídas em troca de um quilo de alimento não perecível.

Saiba mais detalhes e confira a programação completa no site encantado-rs.com.br.

Soberanas de Sertão Santana visitam ZH

11 de março de 2015 0
Douglas Roehrs

Douglas Roehrs

A rainha Tauana Bonness e as princesas Magda Lietz e Stefani Storck, soberanas do município de Sertão Santana, visitaram a Redação de Zero Hora na tarde desta quarta-feira (11/3). A comitiva veio divulgar a Festa de Emancipação Política, que ocorre de 13 a 29 de março.

As atividades festivas referentes ao aniversário de 23 anos da cidade têm início com o tradicional jantar-baile das Etnias, que contará com 40 pratos típicos das culinárias alemã, italiana e polonesa.

— Entre os destaques estão a carne moída no espeto e boi no rolete — enfatiza a rainha, que ama os pratos tradicionais do município. — Não pode faltar nos aniversários.

Clique aqui e confira a programação completa.

Carta da editora: a Redação agradece ao leitor

22 de março de 2014 0

cartadamarta
Na madrugada de quinta-feira, o facebook de ZH completou 1 milhão de curtidores. Ficamos tão felizes com esta marca, que a registramos numa foto com toda a Redação. O número é um retorno muito significativo para cada um dos que estão na foto acima e que, todo dia, se esforçam para fazer um jornal bacana para você. Em nome de toda a Redação, muito obrigada pelas curtidas, nós também curtimos muito cada um de vocês!

redacao_1mi

Sabemos que não agradamos sempre. Nem queremos unanimidade. Mas o fato é que, como diz a Bárbara Nickel, nossa editora do Leitor, não imaginávamos que o Facebook de Zero Hora, lançado em 2009, se tornasse um espaço de debates tão rico:

– Pelo Facebook, conversamos com os nossos leitores diariamente e conseguimos conhecê-los melhor. Os questionamentos e as críticas nos ajudam a melhorar constantemente o trabalho que fazemos na Redação. Também recebemos sugestões e comentários que acabam virando reportagens, e dos quais só ficamos sabendo graças a esse contato permanente com nosso público – diz ela.

O Facebook de ZH é isso: um lugar para nos aproximarmos do leitor, para debates e para informação. Mas chega de só nós falarmos! Deixo aqui que alguns leitores registrem suas impressões.

Gelson Blanco – Parabéns à equipe. Através da ZH no Face, já tive meu comentário publicado na edição impressa. É muito bom fazer parte desta equipe e deste jornal!

Lorena Kunz – Eu até fui entrevistada e minha foto foi publicada na ZH dominical como curtidora assídua. Valeu Zero Hora, e vamos em frente…

Edson Lino – Parabéns a toda a equipe. Eu sou de Campos dos Goytacazes (RJ) e gosto das publicações. Continuem assim.

Caso do sofá: a notícia das ruas para a redação e o mundo

05 de novembro de 2009 17

Editor de opinião de Zero Hora, Nilson Souza foi surpreendido com uma ligação às 23h30min desta quarta-feira.

— Alô! Acabei de olhar pela minha janela e ver um sofá em cima do orelhão— disse o leitor Aldo Rocha do outro lado da linha.

O experiente jornalista Nilson, que assistia ao jogo entre Grêmio e São Paulo na redação, pressentiu que a história poderia ser interessante. Anotou o telefone e endereço do local e tratou de ligar na hora para o fotógrafo Ronaldo Bernardi, que tem a coluna Pelas Ruas, em zerohora.com. Bernardi anda por Porto Alegre registrando os fatos do dia em imagens.

Nesta manhã, na primeira hora, Bernardi agilizou a pauta inusitada. Rumou ao bairro Glória ao encontro do leitor Aldo.

sofá— Lá encontrei a cena inusitada do sofá em cima do orelhão e tive a impressão que foi colocado lá propositalmente. Tem gente que acha que é um protesto e outros vandalismo — disse Bernardi.

O próprio leitor chegou a pensar que a cena poderia fazer parte da Bienal do Mercosul, que acontece em Porto Alegre.

— A primeira imagem que tive foi a de uma obra de arte. Pensei: quanta criatividade! — exclamou.

pelas ruas
Logo depois de a foto ser publicada no site de Zero Hora, o fotógrafo recebeu ligações de redações de São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília. A notícia está entre as mais lidas do dia, com mais de 5 mil acessos até as 17h.