Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

E as portas começam a se fechar no Interior...

07 de abril de 2009 11

É com pesar que assisto ao movimento mais comum após o encerramento do Gauchão: clubes do Interior fechando as portas, para reabrir só lá em novembro e dezembro. Assim, as entidades se divorciam de seus torcedores, jogadores e profissionais perdem o emprego, e o vínculo das comunidades locais se volta todo para os grandes clubes - Grêmio e Inter, ou times de fora do Estado. Uma pena.

No site da Rádio Veranense, a frase que encerra a notícia sobre a derrota do VEC ontem para o Caxias é esta: o VEC encerra suas atividades profissionais retornando para o Gauchão de 2010.

No jornal Gazeta do Sul, de Santa Cruz do Sul, o técnico Agenor Piccinin concede uma entrevista “de despedida”, partindo para Toledo-PR, onde mora.

E no jornal Gazeta, de Bento Gonçalves, cogita-se o encerramento das atividades do Esportivo no segundo semestre, a partir da ida de Paulo Porto para o Brasil de Pelotas.

Conversei ontem por telefone com Tonho Gil, que não sabe se o Ypiranga vai manter o futebol em atividade após a decisão do título do Interior. Por enquanto, a equipe treina à espera do adversário, ainda indefinido.

Aí eu pergunto: e a Série D, pessoal? Ninguém quer? E a Copa Arthur Dallegrave, vai se esvaziar como aconteceu com a Lupi Martins?

Sei que para mim é facil falar e defender a manutenção das atividades para os clubes, apesar dos campeonatos deficitários, das baixas rendas, da falta de patrocínio, e de todas as dificuldades conhecidas. Mas depois das empolgantes atuações deste Gauchão, esperava ver Ypiranga, Santa Cruz e Veranópolis a pleno vapor.

Frente a este cenário, já sei quem deve acompanhar o Pelotas na Série D – provavelmente Ulbra e São José vão se habilitar às duas vagas.

Postado por Eduardo Cecconi

Comentários (11)

  • PAULO CORREA diz: 7 de abril de 2009

    MAS O PELOTAS SE ESMEROU TANTO, EM BUSCA DESTA VAGA PRÁ SÉRIE D E AGORA NINGUÉM QUER?QUE JUDIARIA,POBRE LOBO.

  • PAULO CORREA diz: 7 de abril de 2009

    FRANCO,MAS BAH TCHE,TU TÁ NO ÚLTIMO DE STRESS, SERÁ QUE É POR QUE TEU TIME SE ENRAIZOU NA SEGUNDONA E NÃO SAI NEM COM ÁGUA QUENTE?,TE ACALMA ,TIO,NO ANO QUE VEM TEREMOS BRAPEL,RELAXA,E PRÁ SER FRANCO TAMBÉM ACHO QUE O TEU TIME NÃO SOBE MAIS.

  • Colvara diz: 7 de abril de 2009

    Série D é um prêmio e uma possibilidade de evolução dos clubes. É preciso que a Federação Gaúcha de Futebol dê um suporte Administrativo e\ou Financeiro para que os clubes disputem suas vagas conquistadas e que o interior gáucho não pare. Há grande possibilidade aumentarmos nossa participação como estado nas séries A, B e C.

  • Allan diz: 8 de abril de 2009

    Normal, VEC sempre foi um time de 3 meses.

  • Matheus diz: 7 de abril de 2009

    as vagas na série d não são decididas a partir da classificação? portanto se o ypiranga e o vec não quiserem disputar a segundona, abriria vaga para o santa cruz e ulbra; se estes ainda não quiserem, abre pra caxias e zequinha e por aí vai, depois avenida e inter sm e assim por diante. porém é difícil disputar esse campeonato, acredito que o exemplo do inter sm que disputou a série c e hoje vive uma grande crise econômica possa ser tomado, é difícil fazer futebol no interior do rs;sai muito caro

  • Gerson Schwonke – 100% Xavante diz: 7 de abril de 2009

    Opino que o Xavante deveria participar somente da Série C, visando a B, pois aí teria calendário forte o ano inteiro.

  • lucas diz: 7 de abril de 2009

    Não há o que fazer quanto a isso. Desde que o futebol brasileiro optou por esse cammpeonato ridículo de pontos corridos, sem emoção, que começou o pesadelo dos pequenos times, sem calendário de competições. Só se pensa nos grandes clubes e só sobrarão poucos, fazendo com que diversos clubes pequenos espalhados pelo país fechem suas portas. A conclusão lógica é que cada vez teremos menos jogadores se formando e qualidade decadente. Essa queda de qualidade já se faz notar.

  • Franco diz: 7 de abril de 2009

    PAULO CORREA: esse ja ta se acostumando com a série D, como há um bom tempo vinha se inteirando de assuntos como segundona, pois o time varzeano dele vai ter mais um rebaixamento esse ano! Não se preocupem xavantes, ja entendemos que o lugar de vcs é a SEGUNDONA GAUCHA!

  • jose luiz gomes diz: 7 de abril de 2009

    ceconi…as federações e por extensão a CBF, precisam dar um suporte financeiro..para suportar as despesas com as séries C e D..do contrário, já afirmei isto em outros blogs, veremos desaparecerem os times do interior do estado….fazer time de seis em seis meses, só serve para acumular dividas e depois licenciamento para nunca mais voltar….

  • fernando corrêa diz: 7 de abril de 2009

    Criticar é fácil Cecconi, Talvez se a mídia desse um espaço mais justo para os clubes, isso pudesse mudar, haveriam mais patrocinios, envolvimento da torcida e etc. Mas infelizmente para a imprensa gaucha só ha um clube no interior, e é o Brasil de Pelotas, 90% do espaço é dele e o resto dividido entre os demais, ai fica difícil fazer futebol.

    Resposta do Cecconi: olá Fernando, tudo bem? Não é uma crítica. É uma constatação, e com pesar. Mas, apesar de respeitar tua opinião, certamente a mídia não está no topo da lista dos fatores prejudiciais ao futebol do Interior. Pelo teu raciocínio, o Brasil de Pelotas teria um estádio de primeiro mundo, com sobra de patrocínios, dinheiro emperrando a porta do cofre, disputando Série A e com déficit zero…

  • João Carlos Santos diz: 7 de abril de 2009

    É só a FGF oferecer a vaga pro Sampa que participaremos na Série D rsrsrsrsrsrs

Envie seu Comentário