Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Vitória com gol de Milar

04 de julho de 2010 3

Bruno Milar marcou seu primeiro gol xavante. Crédito: Carlos Insaurriaga

Muitas vezes mancheteado, o título do post é emblemático. Um ano e meio após a morte do ídolo Cláudio, o Brasil de Pelotas voltou a vencer um jogo graças a um Milar. Nos acréscimos, Bruno, irmão do eterno xavante, garantiu o triunfo sobre o Racing, do Uruguai.

A vitória por 2 a 1, neste domingo, causou comoção na Baixada. Um filme repassou na cabeça dos xavantes, filme esperançoso por um acesso, saudoso por um ídolo que tanto lutou por ele. O sentimento deja vu fez a torcida urrar o sobrenome Milar.

Bruno Milar entrou no segundo tempo. Vira do banco Amarildo abrir o placar após três rebotes do goleiro uruguaio. Também viu Quiñonez acertar uma cobrança de falta no ângulo, empatando o amistoso.

O jovem predestinado recebeu a bola do jogo aos 47. Após cruzamento de Cléber Gaúcho e bate-rebate da bola dentro da área, Bruno Milar marcou de cabeça seu primeiro gol pelo Brasil.

– É muita emoção, eu nem consigo falar direito. Estão passando muitas coisas pela minha cabeça. O que o meu irmão fez aqui é muito grande, a torcida tem que gritar o nome dele sempre, e esse gol vai para ele, lá em cima – desabafou Bruno.

Bruno teve que conter as lágrimas após o gol. Crédito: Carlos Insaurriaga

Comentários (3)

  • Arthur Costa diz: 4 de julho de 2010

    O guri ta começando a escrever a história dele
    foi muito emocionante

  • Cleber Ferreira diz: 4 de julho de 2010

    A tarde de hoje nos reservou um momento muito especial no Bento Freitas. A alegria de comemorar um gol aos gritos de MILAR!MILAR!MILAR! foi emocionante!
    Se será um novo craque, um novo ídolo, só o tempo vai dizer, sem qualquer cobrança ou pressão da torcida quanto a isso, pelo contrario, terá sempre muito apoio da Xavantada!
    É como se fosse o irmão mais novo de cada um de nós!

  • Lobão100% diz: 16 de julho de 2010

    Sucesso ao jovem Milar, que consiga amenizar a saudade que os co-irmãos têm do seu irmão.

Envie seu Comentário