Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

5 motivos porque a economia está falhando com o ambiente e a humanidade

20 de março de 2017 0
meioambiente.culturamix.com

meioambiente.culturamix.com

Segundo o artigo publicado pelo World Economic Forumo planeta entrou no Antropoceno (e quem acompanha o blog sabe disto há muito tempo  :-P ). Somos hoje um “grande mundo num pequeno planeta” onde a economia exerce uma pressão fenomenal sobre o planeta. Não existe mais “capital natural” livre. Toda a biodiversidade restante, água, atmosfera, corais, oceanos, florestas, calotas polares exercem um papel fundamental na regulação da estabilidade do Planeta Terra, assim como a economia  :roll:

O problema é que nosso sistema econômico evoluiu, desde Adam Smith até Keynes quando nós ainda éramos um “pequeno mundo num grande planeta”. Quando não haviam fronteiras e a ideia de que a economia iria afetar o planeta era considerada rídicula. Nós podíamos emitir gases de efeito estufa a vontade, poluir o planeta sem se preocupar com receber nenhuma fatura da natureza de volta.  :twisted:

Mas este não é mais o caso. Nos anos 1980 as faturas enviadas pela natureza começaram a chegar, o buraco na camada de ozônio, o colapso de algumas espécies de peixes, lagos que começaram a secar, o derretimento acelerado das camadas polares, mudanças nos padrões do clima com grandes ondas de calor, secas, enchentes, e tempestades.  8-O

Aqui estão 5 motivos pelos quais a economia falhou com as pessoas e com o planeta:

 

A Tragédia dos Comuns

Apesar do reconhecimento de muitos economistas, a economia continua frustrantemente trancada na Tragédia dos Comuns. O crescimento econômico veio com um incontável custo ambiental e com ele o aumento do risco de catástrofes. E a economia permanece incapaz de internalizar o real custo do planeta.  :oops: Hoje, a ameaça número um da humanidade é a inabilidade dos economistas de calcularem o valor da natureza. Isto não é somente sobre monetização, certamente valorar o capital natural e os serviços dos ecossistemas são críticos. O preço global do carbono é necessário. Mas naturalmente esta não é uma tarefa simples e nem sempre possível, mesmo com toda a ciência trabalhando a favor. Esta é uma tarefa que perpassa a economia e entra no reino da ética e da justiça.  ;-)

A 4ª Revolução Industrial somente será bem sucedida em um planeta estável e resiliente. Precisamos estabelecer os limites planetários para o desenvolvimento econômico, e isto exige liderança política pois os mercados não conseguirão fazer sozinhos.

 

Do Pensamento Linear para o Não Linear – porque as taxas de desconto não servem mais

A ciência demonstra claramente que a pressão humana sobre o planeta segue um caminho de resiliência, quando  a resiliência ambiental é alta, as mudanças são lentas, lineares e regulares. A economia pode explorar o ambiente significativamente com pouco ou limitado impacto. Isto é possível quando tem abundante biodiversidade, atmosfera redundante e capacidade glacial para absorver os gases de efeito estufa e a poluição. Quando a resiliência é drenada por longos períodos de tempo de mudanças lineares, o ambiente pode mudar abruptamente. Quando os pontos de inflexão (tipping points) são ultrapassados, produzindo grandes mudanças no sistema, geralmente irreversíveis e potencialmente catastróficos.  8-O Então o custo para a sociedade vai do previsível para o imprevisível, do gerenciável para o potencialmente perigoso, então nós não poderemos usar as leis de mercado para avaliar os riscos e as taxas de descontos usualmente utilizadas na avaliação de bens para investimentos.

Significa dizer que quando a natureza perde sua linha linear e torna-se não-linear, as teorias tradicionais da economia caem por terra.  :-o

 

Modelos de Economia Linear não funcionam em um Planeta Finito

Nosso sistema economico foi construído em princípios lineares focados em otimização e eficiência do custo-benefício. Nós exploramos, criamos valor e depois colocamos fora. Não existe esta possiblidade na 4ª Revolução Industrial e em um planeta com 09 bilhões de pessoas  :oops: Nós precisamos fazer esta transição para princípios e práticas da Economia Circular  :mrgreen:

novaquimica.files.wordpress.com

novaquimica.files.wordpress.com

 

O Modelo Economico atual beneficia poucos a custa de muitos

Esta é uma crença antiga de que a solução dos problemas ambientais somente será conseguida se primeiro construirmos suficiente riqueza econômica e então poderemos arcar com os custos da preservação ambiental  :evil: Este pensamento deve ser abandonado se quisermos ser sérios sobre o desenvolvimento econômico e a estabilidade da humanidade no planeta.

A verdade crítica é que somente graças a “pobreza” que nós não temos perigosas mudanças climáticas por enquanto.  8-O As populações nos países em desenvolvimento são imensamente menos responsáveis pela emissão de gases de efeito estufa! Porém, o desenvolvimento econômico global não propiciou os países mais pobres. A desigualdade é agravada pelo fato de que a riqueza econômica é alcançada através de subsídios insustentáveis para o planeta, enquanto que o custo destes subsídios é largamente absorvido pelas comunidades geralmente mais pobres.

 

Análises de Custo-Benefício não servem mais para o Capital Natural

E muito menos para a estabilidade e resiliência do planeta  :oops: Nós somos incapazes, em nosso sistema econômico atual de incorporar em longo prazo os riscos e valora-los. Nós podemos, já ter ultrapassado o ponto irreversível do degelo da camada de gelo da Groenlândia. Isto pode submeter as gerações futuras a um aumento no nível do mar em torno de 07 metros  8-O

Os riscos globais são muito altos, e os benefícios para uma transição para um modelo de desenvolvimento sustentável ainda não são reconhecidos. Nós estamos falhando em criar os incentivos corretos para o mercado. O comportamento insustentável ainda é o que tem maiores retornos no curto prazo.  :-x

A sustentabilidade global é agora a única avenida para o futuro, e o Acordo de Paris e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável são as melhores formas de manter o planeta dentro dos Limites Planetários onde poderemos garantir um mínimo de estabilidade e segurança para as gerações futuras  :mrgreen:

 

Uber Sustentável

Quer aproveitar e ajudar a reduzir um pouquinho a poluição causada por muitos carros na rua? Use o código UBERSUSTENTAVEL quando fizer sua primeira corrida para ganhar um desconto de até R$ 20 reais. :-D  Siga as dicas abaixo:

1º Baixar o Uber e/ou abrir o aplicativo
2º Clicar no menu superior esquerdo (três traços no canto superior esquerdo)
3º Clicar em Pagamento
4º Clicar em “Adicionar Código Promocional”
5º Escrever UBERSUSTENTAVEL e clicar em Aplicar e pronto  :-P

Envie seu Comentário

%d blogueiros gostam disto: