Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Mudanças na estrutura da Oktober foram colocadas à prova durante o feriadão

14 de outubro de 2012 9

As mudanças colocadas em prática pela organização da 29ª Oktoberfest para suportar com segurança o público que frequenta a festa foram testadas no feriadão que começou sexta-feira e terminou ontem. Sexta e sábado, passaram pelo Parque Vila Germânica 140 mil pessoas. Somente na noite de sexta-feira, foram 63 mil. No sábado, o público foi de 77 mil, totalizando 140 mil nos dois principais dias do feriadão. As alterações nos acessos e o aumento de espaço interno causaram impacto direto ao público que, mesmo com a lotação, encontrou a solução para problemas da falta de área livre e nas entradas e saídas.

Entrada da festa no sábado à noite / Foto: Lucas Amorelli

As filas para entrar na festa, mesmo que longas, andaram rapidamente e contribuíram para evitar tumulto. Na área interna, com a retirada do parque e a mudança do Biergarten, o espaço livre foi usado pelos foliões como local de descanso e desafogaram áreas que tradicionalmente lotavam, como os corredores do empório da vila. Para a organização, o público que frequentou o evento nestes primeiros dias foi formado na maioria por turistas. Os organizadores acreditam que os blumenauenses deixaram para aproveitar a festa nos próximos dias, o que evitou a superlotação.

— Estamos satisfeitos com o resultado. Ao fim do evento faremos uma avaliação com a PM e o Corpo de Bombeiros para definir o que precisa ser feito para o próximo ano. O que é certo é que ainda temos coisas a fazer — admitiu o presidente do Parque Vila Germânica, Norberto Mette.

O presidente confessou que a festa, na atual estrutura, comporta até 700 mil visitantes por edição. Mais que isso, a Oktoberfest precisaria de área maior:

— Temos que estudar as possibilidades. Uma delas seria adquirir um terreno ao lado do parque para que pudéssemos usar como espaço de bilheteria.

Outra ideia relatada por Mette é ampliar a discussão sobre um possível fechamento da Rua Humberto de Campos a partir da meia-noite, sem que prejudique o trânsito na região da festa.

Leia esta reportagem completa na edição impressa do Santa desta segunda-feira

Comentários (9)

  • bfrederico diz: 14 de outubro de 2012

    Se jah ha alguns anos o publico da Oktober nao passa de 700mil pessoas, nao existe razao para fazer gastos em ampliar a araea da festa. Pois parece que o publico de Blumenau tambem jah nao eh tao participativo.

  • Amderson diz: 15 de outubro de 2012

    O Povo de Blumenau tem sim uma grande e importante presença, O que temos que fazer é incentivar de forma estratégica é funcional a ida da Oktoberfest para o povo da cidade cada vez mais. é isso que os turistas gostam, ver nossa gente participando.
    Tenho certeza que o o uso de Roupas tipicas em massa hoje é grande charme da festa e com certeza o 90% do pessoas da região que a utiliza. O incentivo do traje é muito importante para a força da festa. E além disso tem lado econômico, Para um turista a festa é considerado barato, levando em conta que eles vieram para a cidade para se divertir, mas para nós que somos da cidade é extremamente caro vir com a família mais de um final de semana seguido…o uso do roupa diminui essa barreira.

  • Everton diz: 15 de outubro de 2012

    Concordo com vc Bfrederico.

    Todos os anos a expectativa da organização da festa não é cumprida.
    A festa é cara para o Blumenauense e isso a organização precisa mudar, pois se quer chegar em 700 mil pessoas, precisa contar com o Blumenauense e não só com os turistas.

  • Marlon Ruttmann diz: 15 de outubro de 2012

    O que eles querem é mais e mais, nunca estão satisfeitos. Essa festa está cada vez mais sendo feita pra turistas, e quem menos aproveita são os blumenauenses. Pra que aumentar? Lembram na época quando colocaram 1 milhão de pessoas nessa festa, o caos que virou essa cidade? Não dava pra andar no Centro sem sentir cheiro de urina pelas esquinas. Não esqueçam que com mais turistas, é mais gente porca vandalizando e sujando nossa cidade. Não sou contra os turistas da Oktober, sou contra os turistas porcos que não valorizam nem sua cidade de origem e quando vem pra cá, sujam e quebram tudo. Vamos fazer uma Oktober para o povo da região e não só pra turistas…

  • Brito diz: 15 de outubro de 2012

    em relação as bilheterias, deveriam colocar outros pontos de vendas de ingressos nos comércios de Blumenau assim como é feito quando á outros shows nos pavilões da Vila Gêrmanicao, ou deixar uma bilheteria aberta durante o dia para que o povo possa comprar antecipadamente o ingresso para evitar filas e transtornos durante a entrada da festa

  • vitautas ostaska diz: 15 de outubro de 2012

    Fazia bastante tempo que não voltava a Oktober. Estive com minha esposa as 23 horas de sexta feira. Filial do inferno. Filas nos banheiros. Alguns quando a segurança descuidava urinavam na parede proxima a saida. Como se permite uma superlotação. Tragedia anunciada, basta algo fora do normal para acontecer.
    Depois vão colocar a culpa em quem?

  • Rodrigo diz: 15 de outubro de 2012

    O povo gosta de reclamar mesmo, não acho a festa cara. Em qualquer lugar da cidade um chopp vc vai pagar a partir de R$ 4,00 um de 300 ml, e outra, praticando esse preço vende igual, seleciona melhor o turista e não vem o turista “porco ” como comentaram. Compra de ingresso tem opção de compra em site e outros locais. E ir na festa na sexta de feriado e querer tranquilidade ai é demais

  • Ana diz: 15 de outubro de 2012

    Sou blumenauense, e acredito que a organização da oktoberfest deste ano está muito boa, achei ótima a ideia da fila para compra de ingresso desse ano, pois nos outros anos sempre rolava aquele empurra empurra na fila que era mais uma aglomeração do que fila, com relação aos banheiros, é só saber onde ir, na sexta feira não peguei fila nem pra banheiro nem para caixas, nos fundos do pavilhão 2 tem um banheiro enorme que nunca tem fila, fica a dica. ;)

  • Alexander diz: 16 de outubro de 2012

    A falta de música nos pavilhões 1 e 2 no Domingo a tarde é mais um motivo para o blumenauense que vai com a família ficar chateado. Somente no Biergarten havia música. O que causava a lotação do mesmo.

    Tirando isso, acho que a festa está boa!

Envie seu Comentário