Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Urgência para energia em Joinville

08 de janeiro de 2008 0

Apesar dos apelos de autoridades catarinenses, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) não colocou na sua lista de urgência a obra da subestação de 230 kV para atender Joinville, que será feita pela Eletrosul.

O presidente da Celesc, Eduardo Moreira, disse que voltará a pressionar a agência e também o ministério das Minas e Energia, nos próximos dias. É que, com um crescimento de 14,8% do consumo de energia ano passado e mais uma série de investimentos industriais previstos, Joinville só terá energia para crescer até 2009, alerta Moreira. Depois, os investimentos terão que parar.

Segundo ele, na categoria de urgente, a obra não vai a leilão, processo que demora cerca de dois anos. Assim, ficará pronta para 2010, atendendo a expansão do consumo. Para complementar esse investimento, caberá à Celesc apenas uma pequena linha de transmissão.

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Comentários

comments

Envie seu Comentário