Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts de junho 2008

Instituto Ideal obtém apoio europeu

30 de junho de 2008 0

O grupo Martifer, de Portugal, será o primeiro da Europa a formalizar parceria com o Instituto para o Desenvolvimento de Energias Alternativas da América Latina (Ideal), com sede em Florianópolis. A empresa encaminhou os termos de adesão para se tornar mantenedora do Ideal, informa o presidente do Instituto, Mauro Passos.

A Martifer também informou que iniciou a construção da primeira central termo-solar híbrida do mundo que, quando não tem sol queima biomassa. O investimento 290 milhões de euros será instalado na Califórnia e vai gerar 750 GWH/ano. Para Passos, essa combinação é favorável no Brasil em função da oferta abundante de biomassa.   

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Fast food japonês

30 de junho de 2008 0

Restaurante no Itaguaçu/Divulgação

O Shopping Itaguaçu incrementou a sua praça de alimentação com uma loja de fast food de comida japonesa, aberta no último final de semana. A empresária Patrícia Silveira abriu a Japex confiante de que os consumidores estão interessados em alimentação mais saudável, com ingredientes frescos.

Postado por Estela Benetti, Benetti

Lanche sem ICMS

30 de junho de 2008 0

A promoção Mc Dia Feliz, do McDonald`s, que visa apoio à saúde infantil, deve ter as vendas do dia 30 de agosto novamente isentas de ICMS. Esse pleito será levado pela Secretaria de Estado da Fazenda à reunião do Confaz, esta semana, em Palmas, Tocantins.

Outro pedido de SC será substituição tributária para todos os produtos farmacêuticos.

 

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Trabalho reconhecido

30 de junho de 2008 0

Os hoteleiros do Estado entregaram ao presidente da Santur, Valdir Walendowsky, sexta à noite, o título de Personalidade Destaque do Turismo. A homenagem, no encerramento do Encontro Catarinense de Turismo, em Joinville, foi um reconhecimento ao trabalho técnico desenvolvido por Walendowsky à frente da empresa promotora do turismo catarinense, tanto no mercado interno quanto no mercado externo. Também pesou o excelente diálogo que mantém com todos os segmentos do turismo catarinense.

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Uma questão de preço

30 de junho de 2008 0

O Brasil registrou, no primeiro trimestre deste ano, redução de 10,1% no abate de bovinos frente ao mesmo período do ano passado, segundo levantamento do IBGE. Já a produção de frangos e suínos cresceu no mesmo período.

Conforme o instituto, a queda nos bovinos ocorreu devido a menor oferta de boi gordo porque os produtores não investiram em matrizes nos anos anteriores. Este é mais um exemplo de que, quando o produtor não tem a remuneração necessária, ele reduz a oferta e isso se reflete nos preços mais adiante.

A produção de frangos e suínos, no mesmo período, foi alta porque as empresas produtoras já estavam preparadas para exportar e o ciclo de produção dos dois segmentos é bem menor. O abate de frangos cresceu 12,2% e o de suínos, 2,7%. Mas, nos três segmentos, a expansão da produção foi expressiva nos últimos anos.

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Brasil quer triplicar exportações à China

30 de junho de 2008 0

Ernesto Heinzelmann/Diego Redel

Do Informe Econômico de hoje:

Como o mercado chinês não pára de crescer e tem sido um importante comprador de commodities brasileiras, o Conselho Empresarial Brasil-China (CEBC), presidido pelo empresário catarinense Ernesto Heinzelmann, presidente da Embraco, juntamente com ministérios do governo, elaborou projeto inédito que visa incrementar os negócios com o país asiático.

A Agenda China – Ações Positivas para as Relações Econômico-Comerciais Sino-Brasileiras será divulgada quinta-feira, na CNI, com o objetivo de servir de base para o Brasil triplicar as exportações à China até 2010.

O estudo, elaborado pelo CEBC e os ministérios do Desenvolvimento, Relações Exteriores e Agricultura, identificou 619 produtos com oportunidades no mercado chinês, que representaram 67% do total das importações da China no ano passado, que totalizaram 5.637 produtos.

Para Heinzelmann, a parceria entre governo brasileiro e o setor privado é fundamental para adotar ações conjuntas pró-ativas no mercado chinês. O aumento de 890% das exportações brasileiras à China nos últimos sete anos resultou, principalmente, da demanda chinesa por matérias-primas.

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Finanças pessoais

29 de junho de 2008 1

Interessados em informações sobre como melhor administrar as finanças pessoais podem participar do Workshop de Educação Financeira que a Premium Invest promove na praça de eventos do Beiramar Shopping, quarta e quinta-feira desta semana, das 14h às 22h.

O Workshop será gratuito e oferecerá palestras com especialistas sobre como planejar as finanças, poupar e investir. A iniciativa tem apoio da ExpoMoney e terá, ainda, como expositores, o Instituto de Educação Financeira, Premium Invest, a livraria Siciliano e espaço da Akakia para mulheres, com o clube de investimentos Ella Invest.

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Nova grife catarinense

29 de junho de 2008 0

Zezzo: foco no consumidor moderno/Divulgação

O estilista Zezzo, que já criou coleções para a Dudalina, Angel, Nakiska, Naguchi e outras, acaba de lançar uma nova marca, a Zezzo +, focada em jeans e voltada a um público cosmopolita e moderno.

Com 20 anos de carreira, Zezzo diz que quando cria pensa na independência e liberdade de escolha. A comercialização é em lojas multimarcas.

 

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Integração das serras de SC e RS

29 de junho de 2008 0

A tão sonhada integração, via rodoviária, das serras gaúcha e catarinense, que seria a rodovia denominada Caminhos da Neve, pode começar a sair do papel. É que o ministro do Turismo, Luiz Barreto, se comprometeu a agilizar até esta quarta-feira a liberação de parte dos recursos para a construção da obra viária.

O dinheiro é de emenda prioritária da bancada catarinense ao Orçamento da União e, na semana passada, o prefeito de Bom Jardim da Serra, Hilton Luiz Machado, e a senadora Ideli Salvatti, cobraram do ministro a liberação dos recursos, quando ele prometeu atender o pedido.

Cerca de 2 milhões de turistas visitam, por ano, as cidades gaúchas de Gramado e Canela. O objetivo, com a rodovia, é fazer com que uma parte também visite a serra e o Litoral de SC.

  

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Polêmica da Jirau continua

29 de junho de 2008 0

O debate em torno da mudança do local da usina Jirau, no Rio Madeira, continua. Uma das polêmicas envolve a possível necessidade de uma nova licença prévia apesar de o consórcio vencedor, que é liderado pela francesa Suez, controladora da Tractebel, e também tem a participação da Eletrosul, garantir que os impactos ambientais serão menores do que o local inicial e que a nova localização não afetará a usina de Santo Antônio, que estará a mais de 100 quilômetros de distância. O jornal O Estado de São Paulo traz, hoje, mais uma matéria sobre o assunto.

Enquanto ambientalistas e a empresa líder do consórcio perdedor, a Odebrecht, seguem fazendo questionamentos, o governo torce para que não ocorram atrasos porque teme apagão a partir de 2012 caso a economia siga crescendo no atual ritmo.

Se as obras do madeira atrasarem, a alternativa pode ser a série de pequenas centrais hidrelétricas (PCHs) que estão surgindo em todo o Brasil, especialmente em SC, além de outras opções de geração térmica.

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Felipe Marcondes acelera os negócios do Costão

28 de junho de 2008 1

Empresário planeja novos campos de golfe/Carlos Pereira/Divulgação

Do Informe Econômico deste domingo:

Um jovem preparado nas melhores escolas de Administração do Brasil e do exterior, que conhece a linguagem atual do mundo dos negócios e acumula experiências em três empresas globais de ponta de setores diferentes. Assim é Felipe Marcondes de Mattos, 32 anos, o filho mais novo dos empresários Fernando e Iolanda Marcondes de Mattos, que no último dia 18 assumiu a presidência das empresas da família, a CostãoVille,de Florianópolis, sucedendo o pai, que decidiu deixar as funções executivas para atuar apenas no conselho de administração do grupo.

Seu desafio principal é avançar no ramo imobiliário de luxo, onde a empresa tem vários projetos em andamento. Em pouco mais de uma semana no cargo, ele diz que já conseguiu encaminhar parcerias interessantes com incorporadoras e imobiliárias, que ainda não podem ser reveladas.

MARCAS FORTES

Sob o guarda-chuva da CostãoVille Empreendimentos Imobiliários estão três grandes marcas do grupo: Costão Resorts, Costão Golf e Costão Residence. O grupo também controla o Costão do Santinho Turismo e Lazer, um dos mais famosos resorts de praia do Brasil, presidido por Iolanda Marcondes de Mattos, e a Implac, indústria de embalagens em Biguaçu que tem 34 anos e é presidida por Roberto Marcondes de Mattos, irmão do fundador do grupo.

As irmãs de Felipe também trabalham nas empresas. Fernanda é a diretora administrativa do Costão Golf e Flávia é responsável pela comercialização dos lotes residenciais do empreendimento de golfe. São 181 unidades, com 900 metros quadrados cada.

IMÓVEIS DE LUXO

Apesar de o mercado imobiliário brasileiro viver boom voltado para unidades de preços mais acessíveis, Felipe Marcondes está confiante de que os consumidores da classe A vão continuar investindo em imóveis.

_ O Brasil conta com 190 mil famílias com poder aquisitivo superior a US$ 1 milhão que vão continuar adquirindo imóveis de alto padrão _ diz.

Entre as estratégias para os negócios imobiliários crescerem mais rápido, o empresário avalia parcerias com incorporadoras e grandes investidores. E como os projetos já têm licenças ambientais, não deverão surgir maiores obstáculos nessa área.

Além do condomínio do Costão Golf, o grupo conta com o Costão das Gaivotas, na Praia do Santinho, que é um residencial com todos os serviços de hotelaria; Altos do Golf, que terá uma ligação por túnel para o campo de golfe; e o Costão dos Atobás, com 200 apartamentos.

Conforme Felipe Marcondes, juntos, esses quatro empreendimentos somam valor geral de vendas (VGV) de R$ 385 milhões. Este ano, o VGV será 50% superior ao do ano passado, e, no ano que vem, vai crescer 66%.

NOVOS PROJETOS

A CostãoVille tem novos projetos, como campos de golfe e empreendimentos imobiliários em outras cidades. Por enquanto, não há plano para ampliar o Costão Golf, que tem nove buracos.

_ Temos alguns projetos de campos de golfe de 18 buracos para a Grande Florianópolis. Estamos vendo com muito otimismo o turismo de lazer, e isso inclui turistas que viajam para jogar golfe _ diz.

Dentro do braço imobiliário, a empresa negocia terreno para construir o Costão Gramado, na serra gaúcha, e também busca área para o Costão da Serra, na região de São Joaquim, SC.

COSTÃO RESORT

Graças a intensas campanhas de marketing, a marca Costão ganhou projeção nacional com o resort Costão do Santinho Turismo e Lazer. Felipe Marcondes avalia que a empresa, administrada pela sua mãe, vai muito bem.

Isto porque a taxa de média de ocupação está em 60% para o ano, o que é bem acima da média nacional para esse tipo de empreendimento de litoral. O ponto alto é o verão, mas os demais meses têm boa ocupação em função de eventos.

HERDEIRO PREPARADO

O fundador do Costão, Fernando Marcondes, investiu na formação do filho para ter um sucessor preparado e atingiu o objetivo. Felipe reconhece no pai um grande visionário, mas já impõe seu estilo, com experiência teórica e prática. É graduado em Administração de Empresas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) e fez MBA na Universidade de Harvard.

Para adquirir experiência em outras empresas, trabalhou nas consultorias internacionais Accenture, especializada em gestão de processos e tecnologia, e Bain, uma das três melhores do mundo em estratégia. E até pouco mais de um mês atrás atuou na área de planejamento da Dell Computers, em Porto Alegre, a partir de uma seleção feita na matriz, nos EUA.

Solteiro e ligado em música _ toca saxofone _, Felipe também dedica mais horas para a prática do golfe, esporte que gosta muito, mas não domina bem porque, fora de Florianópolis, preferia o triatlo, um esporte que exige muito por incluir natação, ciclismo e corrida.

Questionado se já está maduro para assumir o cargo, o empresário, que gosta de ler biografias,diz que sim. Cita o caso do seu último patrão, Michael Dell, que fundou sua empresa com 18 anos e é um exemplo de executivo.

 

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Lazer e arte na Ilha

28 de junho de 2008 0

Este é o último final de semana do Festival de Outono da Lagoa, que oferece opções de arte, lazer, atividade física, iniciativas ecológicas e gastronomia. Um dos pontos altos deste sábado será o show de Hermeto Pascoal, na Praça Bento Silvério, às 19h.

A iniciativa do Festival é da Rádio Itapema FM, com patrocínio da Tractebel Energia, co-patrocínio da Citroën e Net Digital e apoio das empresas Propague, Macarronada Italiana, restaurante Starck da Confraria das Artes e Decanter.

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Um pouco de música

28 de junho de 2008 0

Um dos maiores sucessos da cantora canadense Alanis Morissette, Hands in My Pocket. Alanis foi a estrela da abertura do Rock In Rio Madri, que iniciou ontem e será realizado neste e no próximo fim de semana.

 

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Novos desafios

27 de junho de 2008 0

A Paradigma, empresa de Florianópolis especializada em negócios eletrônicos, acaba de recomprar ações de um dos seus primeiros sócios, o grupo Koerich Telecom, que atua no setor de telecomunicações. O sócio-fundador e atual presidente do conselho da Paradigma, Gérson Schmidtt, não revelou o valor do negócio.

 

A empresa se prepara para novo ciclo de expansão, com meta de crescer 300% nos próximos quatro anos. No ano passado, cresceu 20% e faturou R$ 5,3 milhões. Com Ebitda em torno de 15%, o empresário afirma que o valor de mercado da companhia é estimado em cinco a oito vezes sua capacidade de geração de caixa.

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Mobilização pelo gás

27 de junho de 2008 0

Alcantaro Corrêa (D), com Edison Lobão/Divulgação

Lideranças de SC não pensam em dar trégua na mobilização política para garantir o terminal de gás natural liquefeito ao Norte do Estado. O presidente da Fiesc, Alcantaro Corrêa, em reunião, ontem, com o ministro das Minas e Energia, Edison Lobão, argumentou que além de melhores condições técnicas (de diâmetro de tubulação para o transporte de gás aos três estados do Sul), SC precisa de segurança energética para suas indústrias.

O governo de SC e os parlamentares de SC em Brasília também estão pressionando pelo terminal. Segundo o ministro, a ação política será importante para a definição final. O RS também está realizando forte “lobby” para sediar o investimento.

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Pouco saudável na mira

27 de junho de 2008 0

Depois de restringir as propagandas de cigarro e proibir álcool a motoristas, o governo federal estuda novo alvo para restrições: a propaganda de alimentos “pouco saudáveis.”

Isto porque uma pesquisa apurou que mais de 70% dos anúncios de alimentos incentivam a compra de produtos gordurosos, com excesso de sal ou açúcar. E as maiores vítimas são as crianças expostas a esse tipo de comercial.

O lado bom é que deve acelerar o desenvolvimento de produtos mais saudáveis.

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Pressão do IGP-M na inflação

27 de junho de 2008 0

O Índice Geral de Preços do Mercado (IGP-M), um dos indicadores de inflação calculados pela FGV, subiu, em junho, 1,98%, em comparação com a elevação de 1,61% apurada em maio. Foi a maior alta desde fevereiro de 2003. No ano, o IGP-M, que é composto pelos índices de preços do atacado, do consumidor e da construção civil, já registra variação acumulada de 6,82%, e, em 12 meses, de 13,44%.

Embora não seja o índice oficial de inflação do país, o IGP-M vem sempre recheado de críticas quando aumenta muito porque é o que reajusta importantes preços da economia que, depois, têm um efeito cascata nos demais preços. É o índice usado para reajustar aluguéis, telefonia, energia, contratos privados e até a dívida pública dos estados com a União e o BNDES.

Se o IGP-M está subindo mais agora, teremos aluguéis, luz, telefone e outros custos mais altos no futuro, pesando na baixa renda do brasileiro, que já vem fazendo grandes esforços para comprar alimentos e manter as demais dívidas em dia.

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Bill Gates só no conselho da Microsoft

27 de junho de 2008 0

O empresário Bill Gates, jovem fundador da Microsoft, gigante de software que foi uma das empresas mais influentes nas últimas três décadas, deixa hoje a atividade executiva da companhia para dedicar-se somente ao conselho de administração e à fundação que criou há dez anos.

Admirado por décadas, hoje seu grupo tenta administrar mudança no mercado onde os serviços gratuitos de tecnologia tiram espaço dos pacotes fechados que fizeram a fortuna da Microsoft. Uma das empresas que mais preocupam Gates, atualmente, é o Google. 

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Dinheiro do petróleo aqui

27 de junho de 2008 0

Com o preço do petróleo nas alturas, os países árabes começam a diversificar investimentos pelo mundo e incluíram na lista o mercado catarinense. O embaixador dos Emirados Árabes Unidos,Yousuf Ali Al-Usaimi, o representante da Liga Liga Árabe no Brasil, Bachar Yaghi, e o cônsul honorário do Marrocos, Bassam George Necola Hanna, têm reunião hoje à tarde com o governador Luiz Henrique da Silveira. Na agenda, interesse de investidores em fazer negócios no Estado.

O interesse maior por SC veio com investimento de grupo da região que anunciou recentemente a construção do resort Serrra do Tabuleiro, em Santo Amaro da Imperatriz.

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Sadia: fábrica ecológica para mercados exigentes

27 de junho de 2008 0

Do Informe Econômico

O novo complexo agroindustrial da Sadia em Mafra, no Planalto Norte de SC, anunciado ontem, prevê investimento de R$ 650 milhões em planta de suínos cujo rigor nas normas de sustentabilidade supera as exigências da União Européia. O objetivo é claro: avançar nos mercados que pagam os melhores preços para a carne suína no mundo, a Europa e o Japão.

A sustentabilidade do projeto, conforme o diretor de relações institucionais da Sadia, Felipe Luz, inclui medidas avançadas de responsabilidade social e preservação ambiental dentro dos conceitos de biossegurança, sem emissão de poluição.

A aposta da companhia é na diferenciação da sanidade de SC, único Estado do Brasil livre de aftosa sem vacinação. A propósito, em função desse reconhecimento da Organização Internacional de Epizootias (OIE), o Chile aprovou, ontem, a importação de carne suína de dois frigoríficos de SC, Sadia Concórdia e Aurora Chapecó. Foi o primeiro contrato em função da certificação da OIE, obtida em maio de 2007.

Felipe Luz adianta que o Japão fez um relatório favorável à sanidade de SC, e o presidente da Abipecs, Pedro Camargo Neto, viaja ao país nesta segunda para conversar sobre o tema. Na Europa e no México, também há possibilidades de avanço, porém mais tarde.

Postado por Estela Benetti, Florianópolis