Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts de agosto 2008

Férias

25 de agosto de 2008 1

Início, a partir de hoje, período de três semanas de férias. Vou retornar dia 15 de setembro.

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Filtro solar sem ICMS

23 de agosto de 2008 4

Um dos temas principais deste domingo no Salão de Negócios de Beleza, que acontece no CentroSul, em Florianópolis, durante a Feira do Empreendedor, promovida pelo Sebrae/SC, será a carga tributária sobre cosméticos. Produtores catarinenses reclamam que, quando podiam aderir ao Simples, a carga de ICMS ficava em 10% a 12%. Agora, com a substituição tributária, saltou para até 27%.

Enquanto isso, o Paraná, que sedia várias indústrias de cosméticos, deu um jeito de reduzir o ICMS e até isentou o filtro solar.

Coloquei nota sobre isso na minha coluna do DC de hoje e recebi informação da assessoria do deputado Reno Caramori de que o parlamentar apresentou indicação em 2007 sugerindo ao governo do Estado isentar o produto do ICMS ou reduzir a alíquota porque trata-se de item que as pessoas deveriam usar todos os dias. Além disso, Caramori observa que a Anvisa classifica erroneamente o filtro solar como cosmético.

Tudo indica que esse debate vai avançar. O secretário da Fazenda, Sérgio Alves, já chegou a propor a isenção de ICMS ao filtro solar na reunião do Confaz mas, pelo que eu lembro, a matéria não chegou a ser avaliada.

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Jóster lidera novo plano de expansão da Macedo

23 de agosto de 2008 1

Diego Redel

Do Informe Econômico deste domingo:

Os bons ventos das commodities mundiais e o crescimento do mercado interno vão permitir um novo “vôo” à Macedo Agroindustrial, de São José, especializada em frangos, que completou 35 anos de atuação no mês passado. O presidente da companhia, o jovem Jóster Ferreira de Macedo, revela que a principal unidade fabril da empresa, baseada na rodovia que dá acesso ao município de São Pedro de Alcântara, na Grande Florianópolis, está sendo preparada para colocar em operação o segundo turno. Isso vai permitir expansão da produção de 50% a 70% no ano que vem. Para este ano, o crescimento do faturamento será da ordem de 15%.

Mercado promissor
_ Acreditamos que o mercado de alimentos é muito promissor. Estamos falando daquilo que o Brasil faz melhor, que é a produção de carnes em geral e de frango em especial. Somos o país que tem o menor custo de produção e, provavelmente, a melhor qualidade do mundo. E a demanda mundial é crescente, especialmente na China, Índia e Rússia _ diz.
Essa boa fase permitirá à Macedo crescer 15% em faturamento, este ano.

Alta de preços
O empresário observa que o preço dos grãos que são a base da alimentação das aves aumentou, mas não está caro se for considerada a média histórica. Esse preços não deverão cair e, na visão dele, é preciso um equilíbrio para que todos ganhem.
A Macedo conseguiu repassar os maiores custos ao preço final do frango no mercado interno. Apesar disso, a carne de frango ainda é a opção mais acessível porque todas as demais também aumentaram.
_ Tudo o que é de origem animal e vegetal encareceu. E o povo brasileiro não vive sem carne. É uma questão cultural _ constata. 

Investimentos
A Macedo está investindo cerca de R$ 6 milhões, este ano. A maior cifra vai para o novo software de gestão empresarial, o SAP, da Alemanha. Além disso, investe em equipamentos, melhoria de processos e na área ambiental.
A empresa está sendo preparada para colocar em operação um novo turno no ano que vem e isso permitirá aumentar a produção em cerca de 50% ou 70%. O objetivo é dobrar a produção, revela o empresário.

Mais ao exterior
Atualmente, 55% da produção da Macedo é destinada ao mercado externo. São 20 países entre os quais, Japão, China (Hong Kong), Espanha, Bélgica, Alemanha, Inglaterra e Argentina.
No Brasil, a empresa atua na região Sul, sendo a líder e a marca mais conhecida no Litoral de SC. Seus produtos estão em redes de supermercados como Angeloni e Zaffari, entre outras.

Diversificação
Além do salto em produção, a Macedo também vai lançar produtos novos, mais elaborados, ainda este ano. Será uma linha de produtos prontos, dentro das tendências mais procuradas pelos consumidores.
Um dos diferenciais da empresa é a qualidade em todo o processo produtivo até a venda ao consumidor. Por isso, possui equipe própria nos supermercados para reposição e controle da qualidade dos produtos.

35 anos de atuação

Fundada pelos empresários José e Estér Ferreira de Macedo, a empresa completou 35 anos no último dia 13 de julho. Começou com um frigorífico alugado e no ano seguinte foi transferida para unidade própria, onde está hoje, próxima a reserva florestal da  Mata Atlântica. A sociedade com o grupo Koerich, naquele ano, permitiu um salto à produção e os Macedo reassumiram o controle total da empresa em 2005.
Para marcar os 35 anos, a empresa está promovendo campanha junto aos consumidores. Vai sortear quatro viagens gastronômicas ao exterior. Os detalhes estão no site da companhia e, para concorrer, é preciso adquirir produtos Macedo.

Assédios 

Questionado se a Macedo vem sendo assediada pelas grandes agroindústrias que estão comprando muitas empresas de médio e pequeno porte no país, o empresário diz que sim. Mas, até hoje, seus pais, que são os acionistas, não aceitaram nenhuma proposta.
O grupo atua com integrados em vários municípios num raio de 100 quilômetros, tem incubatório, unidade de matrizes, fábrica de ração e vários centros de distribuição. Emprega na unidade de São Pedro de Alcântara 1.100 pessoas. 

Jovem na presidência
A trajetória de Jóster Macedo até a presidência da companhia foi rápida. Cursou administração da Esag/Udesc, em 1998 foi aos EUA fazer mestrado na Universidade de Cornell, em Nova York e ao retornar, em 2000, com 27 anos, já assumiu a superintendência do grupo em função de doença do pai. No ano passado, com 33 anos, foi galgado à presidência.
Casado com a odontóloga Daniela e pai de Vinícius, 8 anos e Sofia, 6 anos, ele é o segundo de quatro irmãos. Atualmente, apenas ele e o irmão atuam na empresa. O pai preside o conselho de administração e o grupo criou também o conselho de família.

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Grife Raphaella Booz foca em moda

23 de agosto de 2008 0

Isabela Fiorentino com Ancelmo Junior, gerente da empresa/Divulgação

A Raphaella Booz, grife de calçados e acessórios de São João Batista, SC, é patrocinadora oficial do Canatiba Mostra Moda Jeans, que encerra-se hoje, em Balneário Camboriú. A modelo Isabela Fiorentino, uma das estrelas do evento, foi presenteada com bolsa multicolorida da marca, pelo gerente de marketing, Ancelmo Junior.

O bom momento da economia do país impulsiona as vendas da empresa, que aumentou em 20% a produção e projeta exportar 35% mais este ano.

Em tempo: na minha coluna do DC, o Informe Econômico, troquei o nome da modelo, por equívoco. Ao invés de Isabela Fiorentino escrevi Isabeli Fontana.  

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Fiesc lidera missão da CNI à Alemanha

23 de agosto de 2008 0

Do Informe Econômico de hoje:

O vice-presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI) e presidente da Federação das Indústrias de SC (Fiesc), Alcantaro Corrêa, lidera a delegação da CNI no Encontro Econômico Brasil_Alemanha, que começa neste domingo e encerra terça-feira, em Colônia, Alemanha. A escolha de Corrêa para a missão, por parte do presidente da CNI, Armando Monteiro, foi em função do sucesso da edição do evento do ano passado, coordenada por ele, em Blumenau. Foi a maior da história, com 1,8 mil participantes.

Corrêa, que embarcou ontem para a Alemanha, disse que vários negócios estão acontecendo em função dos contatos realizados no evento passado e que outros deverão ser encaminhados nesta 26ª edição do encontro, cujo tema central será Mobilidade, Segurança Energética e Proteção Climática _ Desafios para Negócios e Políticas.

_ Muitos dos assuntos tratados em Blumenau, no ano passado, serão complementados no encontro deste ano, com destaque para as questões ligadas à sustentabilidade da indústria e ao meio ambiente _ diz Corrêa.

O governador de SC, Luiz Henrique da Silveira, e o ministro do Desenvolvimento, Miguel Jorge, também participarão do encontro. Os representantes brasileiros apresentarão o plano diretor para a Copa do Mundo 2014, que será no país. Querem know-how da Alemanha, que sediou a Copa em 2006.

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Ambev vai investir R$ 3,4 bi no Brasil até 2011

22 de agosto de 2008 0

Presidente da InBev após visita a Lula/Fabio Rodrigues Pozzebom/ABr

O todo-poderoso presidente da InBev, Carlos Brito, que coordenou recentemente a aquisição da maior cervejaria americana e dona da Budweiser, se reuniu com o presidente Lula na manhã de sexta-feira e informou que a AmBev, empresa do grupo no Brasil, vai investir R$ 3,5 bilhões no país até 2011.

Brito, que também é co-presidente de administração da AmBev, foi acompanhado do membro do conselho da companhia, Victorio Carlos De Marcha, e do diretor de Relações Corporativas da AmBev, o gaúcho Milton Seligman, para falar sobre investimentos no país. De março de 2007 até julho deste ano, a empresa investiu R$ 1,5 bilhão no Brasil. Um dos novos projetos será uma maltaria no Rio Grande do Sul.

 

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Indústria naval retoma fôlego

22 de agosto de 2008 1

Depois de sofrer sucateamento, especialmente nos anos 1990, a indústria naval do Litoral de SC, a exemplo da brasileira, ganha impulso de longo prazo, com a geração de mais de 1,5 mil empregos diretos e potencial para unidade em outras cidades. Foi esse o cenário que o presidente da Transpetro, Sérgio Machado (C), traçou ontem, em Itajaí, ao lado da senadora Ideli Salvatti (E) e do presidente da Fiesc, Alcantaro Corrêa.

Segundo Machado, além dos quatro petroleiros encomendados ao Estaleiro Itajaí, outros serão feitos. A senadora reconheceu a necessidade urgente de formação de mão-de-obra, e Corrêa disse que SC pode fornecer a maioria dos componentes, menos as chapas de aço.

Como a questão da mão-de-obra é decisiva, SC pode ter estaleiros em outras regiões como em São Francisco do Sul, Laguna e Imbituba, informou a senadora.

 

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Empreendedores mais prudentes

22 de agosto de 2008 0

Do Informe Econômico de hoje:

Santa Catarina é um Estado repleto de trajetórias empresariais de sucesso que começaram com um pequeno negócio familiar. Esse sonho ou necessidade de criar o próprio emprego se repete, hoje, com muitos empreendedores. E para dar uma força para que esses novos negócios tenham mais êxito, o Sebrae/SC iniciou ontem e encerra domingo, no CentroSul, em Florianópolis, mais uma edição da Feira do Empreendedor.

A programação conta com palestras sobre gestão e eventos diferenciados sobre comércio eletrônico, turismo e estética.

O diretor técnico do Sebrae/SC, Anacleto Ortigara, revela que a maioria dos que procuram auxílio do órgão para abrir um negócio quer indicação de uma atividade que dê lucro. E recebe como resposta que é preciso um plano de negócio bem feito para produto ou serviço com qualidade, que atenda as necessidades do mercado, além de outros requisitos.

Uma constatação é que os futuros empresários estão se preparando mais. Há quatro anos, pesquisa do Sebrae apontou que, em média, o investidor demorava três meses entre ter a idéia e abrir o negócio. Há dois anos, o tempo subiu para seis meses, e pesquisa na feira pode indicar prazo ainda maior.

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Executivos com os consumidores

22 de agosto de 2008 0

A Whirlpool, dona das marcas de eletrodomésticos Consul, Brastemp e KitchenAid, inaugurou nova forma de interação com o seu consumidor.
Criou um programa no qual o consumidor pode falar com os executivos para perguntar tudo sobre os produtos e também fazer queixas. São agendados almoços e, nas cidades onde há fábricas, como em Joinville, é possível visitar a área fabril
.

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Um pouco de música (2)

22 de agosto de 2008 1

E a primeira música do ranking do candidato republicando à presidência dos EUA, John McCain, é festiva Dancing Queen, um dos maiores sucessos do grupo sueco Abba, que liderou as paradas internacionais na década de 70 e até hoje é apontado como um dos grupos de maior sucesso da música mundial.

A lista foi solicitada aos candidatos pela revista Blender.

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Um pouco de música (1)

22 de agosto de 2008 0

O Diário Catarinense publicou no Visor, ontem, a lista das cinco músicas preferidas de cada um dos presidenciáveis dos EUA. A número um do ranking de Barack Obama é Ready or Not, da cantora negra Fugees, uma canção que tem um toque romântico e ao mesmo tempo aborda conflitos raciais e globais. Uma das frases da música é “Eu posso ser a regra do mundo“. Ouça a música que é de 1996.

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Hering inaugura sua 200ª loja

21 de agosto de 2008 0

A Cia Hering abriu sua 200ª loja Hering Store na tradicional Rua XV de Novembro, Centro de Curitiba. É a 14ª loja da companhia no PR.

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Mais nove setores terão nota eletrônica

21 de agosto de 2008 0

A Secretaria de Estado da Fazenda vai exigir nota fiscal eletrônica (NF-e) para mais nove setores da economia a partir de dezembro próximo. Serão incluídos veículos automotores, cimento, medicamentos alopáticos, frigoríficos, bebidas alcoólicas, refrigerantes, produtos de aço, de ferro e agentes fornecedores de energia elétrica. A nota eletrônica evita sonegação fiscal,  reduz o trabalho burocrático das empresas e, além disso, tem um apelo ecológico porque economiza o uso de papel.

A expectativa é que até em 2010 todos os setores estarão utilizando nota eletrônica, prevê o diretor de administração tributária da Secretaria da Fazenda, Almir Gorges. A decisão de inclusão dos nove setores foi anunciada no Encontro Nacional de Coordenadores e Admiminstradores Tributários, que acontece em São Luiz, no Maranhão.  

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Transações correntes ainda não assutam

21 de agosto de 2008 0

O Brasil encerrou julho com déficit de US$ 2,111 bilhões em transações correntes, abaixo dos US$ 2,8 bilhões previstos pelo banco central. No mesmo mês do ano passado, o déficit ficou em US$ 719 milhões e, no primeiro semestre deste ano, somou US$ 19,512 bilhões enquanto o BC estimava para todo o ano US$ 21 bilhões.

Esse é o efeito da baixa cotação do dólar e a preocupação maior é com a deterioração das contas externas. Contudo, analistas afirmam que ainda não é uma situação perigosa e que entre as mudanças previstas, especialmente para o ano que vem, está a desvalorização gradativa mas não grande do real, o que ajuda as exportações mas também aumenta as pressões inflacionárias.

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Beto Carrero atrai mais visitantes

21 de agosto de 2008 1

O parque Beto Carrero World obteve, no primeiro semestre, faturamento 23,6% superior ao do mesmo período de 2007. A presença de público cresceu 19% no período. O lucro operacional subiu mais de 15% e atingiu R$ 7,3 milhões, contra R$ 6,3 milhões no mesmo semestre do ano passado.

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Agricultura contra dois novos impasses

21 de agosto de 2008 0

Do Informe Econômico de hoje:

Mudança no decreto

Na primeira audiência para discutir o Decreto 6.514 com a Comissão de Agricultura da Câmara, ontem, o ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, admitiu que o mesmo pode ser revisto, informou o deputado Odacir Zonta, de SC, que participou do encontro.

Minc afirmou que, se houver prazos “inexeqüíveis” no decreto, eles poderão ser reavaliados e os excessos serão suprimidos. Para Zonta, o decreto apresenta problemas de legalidade e constitucionalidade e prejudica os produtores. O deputado pediu, ainda, mudanças sobre a legislação de áreas indígenas e quilombolas.

O setor agrícola nacional, após ser festejado e convidado pelo presidente Lula para ampliar a produção de alimentos, organiza a agenda para lutar contra dois novos e grandes obstáculos: o aumento da carga tributária sobre vendas de vários itens e o Decreto 6.514, de julho último, que obriga todos os agropecuaristas brasileiros a cumprirem a lei de reserva legal, de 1960.

O presidente da Federação da Agricultura do Estado (Faesc), José Zeferino Pedrozo, diz que a entidade, juntamente com a Confederação Nacional da Agricultura (CNA), vai lutar contra as duas medidas. Segundo ele, a agropecuária nacional foi pega de surpresa com a decisão do Congresso de aprovar alíquota de 2,5%, a título de Funrural, nas operações de vendas de sementes, leitões, terneiros e outros. Trata-se de aumento da carga tributária que contraria promessa do governo.

Quanto à lei de reserva legal, que obriga toda a propriedade da Região Sul, por exemplo, ter 20% de reserva ambiental, a Faesc considera difícil porque muitas propriedades de SC não possuem essa área e, além disso, a maioria dos produtores não tem dinheiro para contratar um agrônomo para fazer as demarcações oficiais em 90 dias, como exige o decreto presidencial do mês passado.

Pedrozo lembra que o Estado de São Paulo tinha 12% de reservas quando a lei foi aprovada, há 48 anos. Pesquisa recente apontou que hoje tem apenas 2,7%.

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Empresas se únem para exportar orgânicos

20 de agosto de 2008 0

Sítio do Tigre exporta kiwi para a Europa/Divulgação

O projeto Organics Brasil, que tem foco na exportação de produtos brasileiros orgânicos certificados, ganhou quatro adesões de empresas nos últimos 45 dias, e uma delas é a TerraMater, de Itajaí, produtora de argila orgânica.

Nesse período, foi embarcado no Porto de Paranaguá, PR, o primeiro lote de kiwi orgânico (foto) à Europa. No primeiro semestre deste ano, as empresas do Organics Brasil exportaram US$ 29 milhões, toda a meta anual, diz Ming Liu, que coordena o grupo, hoje integrado por 65 empresas.

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Inflação é culpada por mais cheques sem fundos

20 de agosto de 2008 0

O volume de cheques devolvidos mês passado no país cresceu 4,2% frente ao mesmo mês do ano passado, segundo levantamento da Serasa. Pesaram para esse crescimento a inflação que deixou as pessoas com menos renda para comprar a mesma quantidade de produtos, os juros mais altos e as despesas de férias. Com o fim da CPMF, o cheque também passou a ser mais utilizado, segundo os lojistas.

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

ArcelorMittal compra siderúrgica em Minas

20 de agosto de 2008 0

A ArcelorMittal, maior siderúrgica do mundo que em SC é dona da Vega do Sul, em São Francisco do Sul, anunciou hoje a aquisição da unidade da London Mining em Minas Gerais. O valor do negócio deverá alcançar US$ 810 milhões.

Postado por Estela Benetti, Florianópolis

Apoio a congresso mundial de turismo

20 de agosto de 2008 0

Em reunião, ontem, com o ministro do Turismo, Luiz Barretto, e a presidente da Embratur, Jeanine Pires, o governador Luiz Henrique da Silveira, o secretário Vinícius Lummertz e o presidente da Santur, Valdir Walendowsky, acertaram o apoio do governo federal ao congresso mundial do WTTC, Conselho Mundial de Viagem e Turismo, para o ano que vem, em Florianópolis. O Estado entrará com 50% do investimento, e o ministério e a Embratur, com os outros 50%. O evento visa a projetar o Brasil e SC junto às maiores empresas globais de turismo.

Postado por Estela Benetti, Florianópolis