Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Grupo EBX estuda outro projeto para a área de Biguaçu

16 de novembro de 2010 25

O grupo EBX, no fato relevante divulgado há pouco, informa que estuda o desenvolvimento de outros empreendimentos para a propriedade de Biguaçu, reafirmando assim o compromisso com o Estado e a população de Santa Catarina. Segundo uma fonte que teve contato com a empresa, uma alternativa seria a instalação de um estaleiro menor na área de SC. Em um questionamento de investidor durante conferência, diretor da EBX disse que a área poderia abrigar um projeto voltado ao turismo e que investidores desse segmento poderiam se interessar.

Comentários

comments

Comentários (25)

  • Adelaide Souza diz: 16 de novembro de 2010

    Poderiam se interessar? Fica nisso,né?Já esperava, os ecochatos ganharam mais uma vez.Quem se importa com a falta de empregos? Quem se importa se Biguaçu é só um dormitório de Florianópolis?

  • Alexandre diz: 16 de novembro de 2010

    Acho difícil arranjar quem queira investir por aqui agora…

  • Sérgio de la Orden diz: 16 de novembro de 2010

    Já era. temos que expulsar o Instituto Chico Mendes de SC.

    SC É O PIAUÍ DO SUL DO BRASIL

    POVINHO DE MENTALIDADE ATRASADA.

  • Edilio Orlando da Silva diz: 17 de novembro de 2010

    Uma minoria de pessoas criam um instituto e se intitulam de “ambientalistas”, instituição e pessoas sem formação sem estrutura adequada, prova disso foi o salvamento da baleia em Laguna. Observem a foto das pessoinhas que seguram a faixa em duas canoas podres na reportagem do DC (dois mané). Eles do instituto ambientalista ( que são mais forte que o governo) deveriam justificar e fundamentar com conhecimentos ambiental o por quê? o estaleiro afeta o mar em Biguaçu e não prejudica em nada o mar no RIO DE JANEIRO (povo inteligente, evoluido é outra coisa). Não é só Biguaçu que perde, Santa Catarina também. É lamentável, que instituições que não fazem nada para preservar o meio ambiente, vez que nunca vi qualquer membro dessa organização juntando se quer uma garrafa pet, ou um saco plástico em qualquer de nossas praias, conseguem decidir os destinos da economia de nossos municípios e estado.

  • Calebe diz: 17 de novembro de 2010

    Se eles desistiram de vir, é por que não aceitaram todas as exigências ambientais e talvez por que queriam muitos incentivos do estado.

    Uma pergunta deve ser respondida: Esse estaleiro seria AMIGO ou INIMIGO da ilha do arvoredo? Isso é o que importará daqui a 100 anos, e não o dinheiro que pode trazer hoje.
    Além disso, essas empresas grandes querem muitos mimos dos governos, eles deitariam e rolaria bem como grandes empreendimentos imobiliários que temos em Floripa que constroem onde não pode pois tem dinheiro.

    Vocês já esqueceram da operação Moeda Verde????? O povo não tem mentalidade atrasada, é apenas memória fraca.

  • Eduardo diz: 17 de novembro de 2010

    aham, estaleirinho, sei!

    dae vao empregando uma pá de pobre, eles vao procriando, botando filhos no mundo para eu pagar as escola, bolsa familia, creche, cadeia, acabam ficando dependentes de empreguinho e depois vem o senhor eca batista querer aumentar o estaleirinho para estaleirão.

    FORA ESTALEIRO

    Todos juizes federais são contra este empreendimento destrutivo. Te mete?

  • Angela diz: 17 de novembro de 2010

    Povinho de mentalidade atrasada esse que quer trocar a natureza pelo dinheiro…
    Ao invés de ficarem felizes por morar num lugar abençoado pela natureza em com muita gente interessada em conservá-lo para as gerações futuras…

  • Joni diz: 17 de novembro de 2010

    Fiquei muito feliz com a noticia de que o estaleiro nao ficaria, eu ja imaginava, pois todos meus professores que são juizes federais eram contras…então era 99% que nao daria certo!

    Se eu precisasse desse tipo de sub-emprego me mudaria para o RJ. ;)

  • Marcelo diz: 17 de novembro de 2010

    Como ja disse a professora Samantha buglione a uns meses atras, Estela benetti está parcial quanto aos comentários contra o estaleiro. Esta professora é contra o estaleiro e é esposa de um juiz federal aqui de Fpolis que tbém é contra.

    BYE BYE ESTALEIRO

    quem nao gostou que se mude pro RJ

  • Waldir Pedro Riedi diz: 17 de novembro de 2010

    SANTA CATARINA MAIS UMA VEZ ANDA DE RÉ NA HISTÓRIA POR CAUSA DE ECOXIITAS, SE NÃO SE CUIDAR VAI VIRAR A ETIÓPIA DO SUL. E NA SERRA DO ESPIGÃO EM SANTA CECÍLIA OS ECOCHATOS NADA FAZEM LÁ O POVO DESMATA E PLANTA EM PLENA SERRA! OS COXIITAS QUEREM MESMO É TOMAR SEU BANHO DE PRAIA, NO INTERIOR TODO MUNDO PINTA E BORDA E ELES NEM FICAM SABENDO POIS FICAM RALANDO O UMBIGO NA AREIA DA PRAIA.

  • Carlos diz: 17 de novembro de 2010

    Agora só restou ficar com:
    Praias limpas…..rsrsr (sic)
    Turismo excelente …rsrsrs (sic)
    Transatlânticos que nem tem mais a ¨poia¨ rsrsrs (sic)
    BR 101 ….rsrsrsr…..2014 ela termina….
    Arvore de Natal na Beira Mar ….kkkkkkk (sic)
    Show do Armandinho…..

    CADE OS ECO CHATOS PARA COBRAR DO GOVERNO O SANEAMENTO DE SC ??????????
    CADÊ ??????? O RS perdeu a FORD para a Bahia..e de lá para cá….andou para trás….SC que espere o que acontecerá com essa decisão…..!!

    Sr. CALEBE,

    A Moeda Verde para seu conhecimento foi um bando de VEREADORES querendo se dar bem, cobrando propina para liberar as obras…..ah…e sao gente daqui de SC…!!! Lembra quando o Sr. Carlos Amastha meteu a boca no trombone sobre essa galera daqui…..ou seja…..fez bem Sr. Eike Batista pular fora desse estado atrasado que é SC.

  • Joni diz: 17 de novembro de 2010

    meu deus, como tem desempregado querendo emprego a todo custo

  • Paulo Roberto diz: 17 de novembro de 2010

    Vamos todos agora bater na porta desses ambientalistas pedir emprego, afinal se eles prejudicaram assim o povo de Santa Catarina, tem agora que apresentar uma compensação.
    Será que eles acham que é só ir contra e o povo que se dane, se eles se julgam tão inteligentes que apresentem uma alternativa para compensar os empregos perdidos.
    Esse instituto Chico Mendes, tem mais que ir embora daqui, aliás, não só eles, mas todos esses ambientalistas que só prejudicaram o desenvolvimento do estado.

  • alexandre diz: 17 de novembro de 2010

    Ganhei o dia ao saber dessa noticia. Pessoas como Eike Batista nao se importam com o meio ambiente nem com as pessoas ao seu redor, eles só enxergam $$$$$$, este estaleiro traria um mal mil vezes maior que um suposto beneficio. Quem é contra não é atrasado nem ignorante, pelo contrario, sao pessoas cultas que sabem dar valor ao que temos e nao apenas ao dinheiro. Nao basta criarmos filhos bons para o mundo, é preciso criar um mundo bom para eles.

  • Alexandre C Nunes diz: 17 de novembro de 2010

    Ah os professores juizes federais são contra?
    Claro, o deles está garantido, ganham uma fortuna sem fazer absolutamente nada pela nação!
    É só ver pesquisas, a justiça é a instituição mais desacreditada pelo povo!
    A saída está na força da iniciativa privada privada, nos empresários, nos trabalhadores e não no funcionarismo público e ecochatos!

  • Paulo Tagliari diz: 17 de novembro de 2010

    Eu não compreendi ainda porque não optaram por outro lugar, que não Biguaçu. Temos o porto de Imbituba, que é um lugar tranquilo, ao lado da BR 101, portanto um lugar estratégico e que, aparentemente, pode abrigar um estaleiro, sem tanto impacto ambiental como Biguaçu, creio. Por que só Biguaçu? Não temos outros locais para instalar o estaleiro?

  • GK diz: 17 de novembro de 2010

    Mais um grande empreendimento não será instalado em SC, enquanto isso a população aumenta e sem emprego a violência cresce. Muitos que foram e são contra a instalação do estaleiro são a favor da permanência das casas na beira da lagoa, dizem que láe são antigas moradias. Aí fica uma dúvida a questão então é preservação, sendo que muitas destas casas não tem tratamento algum do esgoto, ou a questão é puro localismo.

  • Julia diz: 17 de novembro de 2010

    hahaha
    Piada do dia é ver esse bando de comentários ignorantes a respeito de ecochatos.
    Leiam a matéria!!!
    Eike não vai embora, não precisa chorar nem latir!!!
    De estaleirinho vai pra estaleirão… Ou vão tentar… Vão tentar mudar novamente parecer TÉCNICO com corretivo de texto???
    Até o dia 15/12, data que o Pres do ICMBIO quer divulgar o parecer, vocês que estão latindo aí, vão tentar de tudo pra fazer isso!
    SUBEMPREGO não salva a região. Aliás não salva ninguém.
    Quem quiser que se mude pro Rio. Que apresentem aí o número de desempregados de Biguaçu e Gov Celso Ramos, não chega perto dos oferecidos pelo projeto do estaleiro… Mão de obra não especializada!!! Acha que vem de onde??? Do Rio meus caros, lá fazem curso até no exterior, até pra solda… Não é em cursinho de 2 meses no centrinho de Biguaçu, que deixou de ser “dormitório” há muito tempo…

  • Rosangela Branco diz: 17 de novembro de 2010

    Não tem como esse estaleiro ser instalado em outro lugar de SC, Itajai por exemplo, pena que o Eike Batista cismou com Biguaçu,´bem que ele fez desistir, como que uma pessoa vai instalar um empreendimento desse porte onde não é bem vindo. Por favor, deixa essa cidade pra lá, procure outro lugar em SC pra ser instalado, escolha uma area bem poluída que aqui não faltam tb, pra esses ecoxatos não incomodarem, mas não desista de SC, pq ja é tão dificil alguem querer investir aqui. Tantos alunos da Univali concluindo tecnologia naval sem campo de empregos, agora ainda recebem essa noticia, é revoltante. Um estaleiro desse porte indo embora….ACORDA SC!!!!!!

  • Carlos Silva diz: 17 de novembro de 2010

    Qualquer pessoa inteligente percebe que, no manifesto da OSX pela escolha do RJ para sediar o novo estaleiro, fica claro que a instalação do emprendimento em SC foi um blefe. Tamanha as vantagens comparativas do RJ, inviável seria a instalação em SC. Resta saber o que tramam para a área adquirida por Eike Batista em Biguaçu. Fica o questionamento.
    Ah, a propósito, que bom que o estaleiro foi para o RJ. Temos que investir em atividades limpas como o turismo.

  • Alexandre C Nunes diz: 17 de novembro de 2010

    De onde tiraram a idéia de que o turismo é uma atividade limpa?
    Basta ver a imundice das praias, o esgoto a ceu aberto, nossas ruas e avenidas intransitaveis!
    Caiam na real, não podemos viver somente de turismo e funcionalismo público, aliás estes com ou sem estaleiro eles tem o seu emprego garantido.

  • Ideli Santiago diz: 18 de novembro de 2010

    Para alguns comentários:
    Sérgio-vc é muito mal informado mesmo, quem sabe a gente explusa o pessoal do ICM Bio para um local do Brasil q não tenha nenhuma reserva ecológica,kkk
    Alexandre-Pq não acharam antes outros empreendedores? Se teu amigo Eike já tinha o plano A, B e C Pq com toda tua preocupação com o desenvolvimento tb não teve estas outras alternativas? Será q a GRANA já estava na tua conta e agora vais ter q extornar??
    Edilio-Não viu ninguém juntando garrafas plásticas pq vc pode ser aquele “fotógrafo” q estava na Beira-Mar no sáb 30/11, batendo fotinhos daquela MÀQUINA q está sendo usada na reforma do Trapiche.
    Joni-Gostei, pra quem diz O ESTALEIRO É NOSSO, já pode ir fazendo suas MALAS p se mudarem p RJ.
    Waldir-Vc tb está desatualizado, os ecochatos AINDA não tem helicópteros, mas de vagar já estão tirando a barriga da areia e subindo o morro ou vc esqueceu da FOSFATEIRA?
    Carlos- Os RS perderam a Ford e ganharam a GM, que assim q terminou a carência de impostos já começaram a fazer suas MALAS
    Joni-Pelo jeito querem empregos e não TRABALHO.
    Paulo Roberto-Na Grande Florianópolis só tem ecoxiitas? Cadê o resto dos teus amigos, no RJ?
    Alexandre Nunes-No mínimo vc deve ser o cara q faz faxina na sala dos Juízes e prefere sentir inveja do q ESTUDAR.
    GK-O q faz o desespero, com a cabecinha de ALFINETE de algumas pessoas….
    De minha parte é isto, amanhã tenho q trabalhar e não pederei passar o dia inteiro na internet.

  • Alexandre C Nunes diz: 18 de novembro de 2010

    Sra Ideli,
    Não faço faxina em sala de juizes, aliás evito até chegar perto desta gente. Não sinto inveja de preguiçosos e vadios.E para seu conhecimento, garanto que tenho muito mais estudo e qualificação que a senhora. Trabalho e conheço muito bem a área industrial e tecnológica e garanto que SC perdeu muito em não receber este empreendimento. Vamos perder empregos, acesso a tecnologias inovadoras, educação, que aliás deve estar lhe faltando e até mesmo investimento neste turismo que tantos falam.

  • GK diz: 18 de novembro de 2010

    ” GK-O q faz o desespero, com a cabecinha de ALFINETE de algumas pessoas….”
    ótimo argumento Ideli, parabéns pelo nível, ou seria a falta de argumentos…
    Mas ainda não respondeu pq estas mesmas pessoas que defendem a preservação e são contra o estaleiro não estão na lagoa para pedir a derrubada de centenas de casas que estão em áreas de preservação, casas que estão lá a mais de 40 anos. Afinal entendo que preservar vale para todos, ou não?

  • Carlos diz: 18 de novembro de 2010

    Sr. Ideli (que não é a Salvatt),

    A GM fechou várias plantas em todo o mundo, e não é por causa do final do incentivo fiscal, isso você pode ter certeza.

    Assim como a DELL tb tá fechando a fábrica de computadores e abrindo em Sumaré-SP, onde já existem várias outras empresas de tecnologia.

    Ainda acho que não rolou o estaleiro aqui….porque o EIKE não quis molhar a mão de alguns….rsrsrs… !! TOMA-LHE SC……resta agora explorar os argentinos em Canasvieiras…..kkkkkkkk !!

    Turismo…..(sic).

Envie seu Comentário