Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Sob investigação

21 de dezembro de 2011 0

A corretora de valores Geração Futuro contratou o criminalista Cláudio Gastão da Rosa Filho para atuar em inquérito policial que investiga o possível desaparecimento de R$ 51 milhões na Celesc. Segundo o advogado, a investigação é sobre o contrato com a terceirizada Monreal, que cobrava fatura atrasadas. A Geração Futuro tem posições da empresa e quer saber se houve problema e os acionistas foram prejudicados.

Comentários

comments

Envie seu Comentário