Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Confirmado: Portobello e Eliane anunciam acordo para fusão

23 de dezembro de 2011 24

A Portobello e a Eliane, indústrias de revestimentos cerâmicos de Santa Catarina, acabam de divulgar fato relevante, no qual informam que celebraram memorando de entendimento para possível associação entre as duas empresas, que resultará na maior companhia de revestimentos cerâmicos do Brasil e uma das maiores do mundo. Esta notícia foi antecipada por esta colunista, no Informe Econômico de hoje do Diário Catarinense. A fusão ainda deverá ser aprovada pelo Cade. Se implementada, a associação permitirá o aproveitamento das complementariedades e sinergias existentes entre as operações, resultando na empresa líder do setor no Brasil.

Veja a nota do DC de hoje:

Namoro entre cerâmicas

Duas indústrias de revestimentos cerâmicos de Santa Catarina estão “namorando” e, em breve, devem anunciar ao mercado uma fusão das atividades, seguindo tendência de agroindústrias. Até ontem, as duas companhias envolvidas não haviam anunciado o fechamento do acordo. Uma delas seria a Eliane. O objetivo é ganhar mais competitividade nos mercados interno e exterior para enfrentar a concorrência chinesa.


Comentários

comments

Comentários (24)

  • Everaldo Camilo diz: 23 de dezembro de 2011

    Otima noticia para nosso mercado, falando do Estado SC e do proprio País (Brasil), acredito que esta fusão nos trara forte crescimento no setor ceramico, PARABENS e SUCESSO….

  • vagner thomaz diz: 23 de dezembro de 2011

    espero que seja pra melhorias trabalho na Portobello a 8 anos é uma excelente empresa

  • Luís diz: 23 de dezembro de 2011

    Em se tratando de duas das maiores empresas do país no setor cerâmico, não vejo em que esta fusão poderia beneficiar o Estado de SC. O que acho é que haverá sim, prejuízo para os consumidores, visto que estas duas empresas deixariam de promover concorrência de produtos e preços e ditando os rumos do setor conforme seus interesses.

  • Paulo diz: 23 de dezembro de 2011

    Otimo, pois o setor esta muito concorrido e as empresas de SC estao patinando…

  • Gustavo G diz: 23 de dezembro de 2011

    Espero que se tornem uma empresa forte e competitiva a nível mundial, não por serem de Santa Catarina, mas por serem do Brasil. Expansão no exterior significa mais oferta de emprego aqui.

  • Sérgio diz: 24 de dezembro de 2011

    Tem que fundir mesmo. Vc. chega hoje na Cassol por exemplo, e vê os chineses tomando conta do nosso mercado de porcelanato, com preço que só eles podem praticar por conta do trabalho semi escravo existente por lá.

    Os revestimentos cerâmicos do Brasil são considerados um dos melhores do mundo.

  • Luiz Carlos Wizintainer diz: 24 de dezembro de 2011

    A Portobello é a maior empresa daqui de Tijucas e o desenvolvimento e economia da cidade depende grandemente do sucesso desta empresa que desde 1979 atua em nosso municipio. Tive a honra de quando criança acompanhar junto com meus coleguinhas de primeiro ano escolar de participar da inauguração dsta empresa, quando tivemos a presença aqui em Tijucas do então governador do estado , Sr. Jorge Bornhausen!! Foi um momento impar e qe alavancou o crescimento de Tijucas. Esperamos que cm esta fusão, aepresase torne anda mais forte e continueexpandindo os investimentos no municipio!!!!

  • Luiz Gonzaga Ribeiro diz: 24 de dezembro de 2011

    Para entrar 2012 com o pe direito, nada melhor que esta noticia, pois quem ganha com isso, e a nossa região do Vale do Rio Tijucas, pois vai gerar com esta expansão mais empregos, e melhor poder aquisitivo para nossa gente. Parabéns TIJUCANO, você também faz parte diretamente do progresso desta empresa.

  • Fabrício diz: 24 de dezembro de 2011

    Sou comprador de uma construtora e geralmente compro Portobello ou Eliane… e como fica a concorrência de preços a partir de agora ???

  • Pablo diz: 24 de dezembro de 2011

    Qual das duas que estava para falir?

  • Carlos Alberto diz: 24 de dezembro de 2011

    Vou perder o emprego agora….

  • Jorge Rechia Guarezi diz: 24 de dezembro de 2011

    Se objetivo maior desta fusão for fazer frente aos produtos importados, será uma ótima noticia para o setor.As associações dos Comerciantes de Materiais de Construção de Sc.Acomac, somos parceiros e estaremos dando o maior apoio a esta iniciativa.

  • Lindomar Caciatore Junior diz: 24 de dezembro de 2011

    Espero que a junção seja no sentido de agregar qualidade e, principalmente, competitividade no mercado nacional. As próprias cerâmicas nacionais trouxeram para o mercado interno a concorrência da China e agora estão tendo que lutar contra aquilo que, infelizmente, iniciaram. Desejo que a competência norteie essa joint.

  • JF Prudencio diz: 24 de dezembro de 2011

    Senhores,
    A fusão ainda não aconteceu. Apenas assinaram documentos de intenção.
    Ainda há de ser aprovada pelo CADE, órgão regulador.
    A intenção de fundir-se é, principalmente para baixar custos, enxugando todos os setores comuns (RH, adm, engenharia, suprimentos, logística, etc). Portanto, necessariamente, não irá gerar mais vagas, ao contrário, deverão extinguir postos de trabalho nessas áreas comuns.
    Ainda assim haverão ganhos. A nova empresa, caso a fusão seja efetivada, ficara mais forte e, provavelmente mais competitiva.
    Trata-se de uma decisão estratégica para ambas que num cenário econômico caótico que estamos vivendo, pode ser decisivo para a sobrevivência das empresas.
    Vão-se os anéis mas ficam os dedos.
    Feliz Natal e próspero ano novo.

  • Cesar diz: 24 de dezembro de 2011

    Mais um CARTEL se formando no Brasil e nós vamos pagar o pata mais uma vez
    eles vão controlar o mercado ceramico no Brasil e America Latina
    vão faver o preço que quiserem

  • Rafael Nogueira diz: 24 de dezembro de 2011

    Senhores, antes de falar em cartel e diminuição da concorrência, entendam que os chineses estão passando com um rolo compressor por cima da indústria cerâmica brasileira. Ou ocorre esta união, ou vamos todos juntos para buraco. Quisera as coisas fossem mais simples, mas os tempos mudaram e a indústria catarinense está sim sentindo forte impacto da concorrência chinesa há um bom tempo. Alternativas já foram utilizadas, agora é partir para medidas bem mais drásticas.

  • RO diz: 24 de dezembro de 2011

    Achei ótimo, uma trabalha com uma linha mais alta e outra um pouco mais baixa de produtos, irão se complementar. Uma idéia inteligente de empresas que bateram recordes de venda nos últimos anos.2012 promete ser um grande ano para o setor no Brasil. Parabéns

  • Mister M diz: 25 de dezembro de 2011

    Senhores, esqueçam a possibilidade de aumento de postos de trabalho, vários “colaboradores” da Portobello com salários mais altos já foram demitidos às vésperas do natal, provavelmente outros mais serão em Janeiro de 2012, não são tratados como pessoas e sim como números, se pudessem eles importavam mão de obra barata da China para poderem lucrar mais e suprir a ganância dos acionistas !

  • Secreto diz: 26 de dezembro de 2011

    Amigo, não se trata de faência e sim de sobrevivência, quando não se pode com o inimigo ( China ), aliá-se forças para derubá-lo, é o que ambas estão tentando fazer, se tornarão a maoir do estado e Brasil.

  • Zóio diz: 26 de dezembro de 2011

    As duas estão quebradas e estão juntando os cacos para sobreviver. Esta é a verdadade.

  • Zóio diz: 26 de dezembro de 2011

    As duas estão quebradas e estão juntando os cacos para sobreviver. Esta é a verdade.

  • fabio diz: 26 de dezembro de 2011

    respondendo a alguns comentários: ambas têm grandes dívidas, mas a pior situação é da Eliane. E os chineses não são os culpados: 70% das importações de porcelanatos daquele país são realizadas pelos PRÓPRIOS FABRICANTES BRASILEIROS. e mais: eu visitei pessoalmente várias fábricas e nunca vi trabalho escravo ou infantil. outra informação: qual a cerâmica mais barata do mundo? a brasileira!

  • José diz: 5 de março de 2012

    Provavelmente alguns cargos executivos serao cortados, porem com a fusao serao criadadas centenas de oportunidades de emprego devido ao amento de producao. Tenho certeza que a fusao será exelente para Santa Catarina e para o Brasil.

  • jose dos Santos diz: 31 de maio de 2012

    Gostaria de saber se a Cerâmica Cecrisa foi Vendida?

Envie seu Comentário