Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

PDV da Celesc vai custar R$ 245,1 milhões

24 de setembro de 2012 0

A Celesc comunicou ao mercado, hoje, por fato relevante, que o programa de demissão voluntária (PDV) que está realizando vai custar R$ 245,1 milhões, sendo R$ 161,8 milhões no terceiro trimestre deste ano. Estão se desligando 734 empregados, que representam 20% do total do quadro efetivo da companhia. Veja mais detalhes abaixo.

FATO RELEVANTE

Plano de Demissão Voluntária – PDV

CENTRAIS ELÉTRICAS DE SANTA CATARINA S.A. (CELESC), sociedade anônima de capital aberto, com ações negociadas na BM&FBOVESPA, em cumprimento ao disposto na Instrução CVM 358/2002 e no artigo 157 da Lei no 6.404/76, em atenção às regras de Governança Corporativa e, em complemento ao Comunicado ao Mercado divulgado em 25 de maio de 2012, comunica aos acionistas e ao mercado em geral quanto aos impactos do Plano de Demissão Voluntária – PDV proposto aos empregados da subsidiária integral Celesc Distribuição S.A.:

 - Investimento total bruto, a valor presente: R$245,1 milhões

- Inscritos: 734 empregados (20,2% do quadro efetivo atual)

- Período de desligamento: entre novembro/2012 e junho/2013

O impacto do PDV no resultado do mês de setembro (3T12) da Celesc Distribuição S.A., após efeitos tributários, será de R$161,8 milhões. Com a efetividade do Plano, a economia bruta gerada estimada é de R$579,0 milhões, podendo alcançar o montante anual de R$159,2 milhões até o término do plano, previsto para meados de 2018.

Este Programa faz parte da estratégia da Empresa de adequação de seus custos operacionais, otimização dos processos e melhoria dos indicadores com vistas à agregação de valor aos acionistas.

Florianópolis, 21 de setembro de 2012.

André Luiz de Rezende

Diretor de Relações com Investidores, Controle de Participações e Novos Negócios

Comentários

comments

Envie seu Comentário