Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts de outubro 2012

Caderneta de poupança rende menos

31 de outubro de 2012 0

A tradicional poupança, que passou por mudanças, está rendendo menos. O professor da FGV-SP Samy Dana alerta que é vantagem colocar dinheiro nela por período curto, de até seis meses. Isto porque em outras opções, como o CDB, há imposto de 22,5%. Mas para longos períodos, a poupança, que rende 5,1% ao ano, remunera menos do que a inflação. O Tesouro Direto é melhor, diz o professor.

Estudo da UFSC prevê que portos necessitam de R$ 43 bilhões

31 de outubro de 2012 0

A presidente Dilma Rousseff vai lançar, em breve, um pacote de investimentos para portos baseado em amplo estudo feito pelo Laboratório de Transportes e Logística, o LabTrans, da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), em parceria com consultores do porto de Roterdã, da Holanda. Segundo o amplo trabalho, liderado pelo professor Amir Mattar Valente, são necessários R$ 43 bilhões de investimentos em portos e na infraestrutura logística de acesso a esses terminais para atender as necessidades do Brasil até 2030. Naquele ano, a movimentação de cargas será quatro vezes maior do que a atual.

Pela análise do LabTrans, a Região Sul estará usando toda a sua capacidade instalada em 2014; o Sudeste, em 2013; o Norte, em 2015; e o Nordeste, em 2016. No caso de Santa Catarina, que tem cinco portos, os maiores gargalos estão na falta de rodovias e ferrovias para acessar os terminais. Os investimentos necessários ao setor preveem a construção e ampliação de terminais, sistemas de energia, dragagens e derrocagens. As companhias docas também têm problemas.

Lupa nas obras da Copa

31 de outubro de 2012 0

Embora atrasadas, as obras para a Copa do Mundo devem ser feitas dentro das normas. Quem está avaliando isso é a Controladoria Geral da União (CGU). Os trabalhos de auditoria participativa que a institituição realizou nas obras de Natal está fazendo em Belo Horizonte foi abordado no Congresso Brasileiro de Auditoria Interna, realizado em Gramado, no RS, no qual participou o presidente do SindiAuditoria de Santa Catarina, Rodrigo Stigger Dutra.

SPC Brasil divulga hoje perfil do consumidor

31 de outubro de 2012 0

O Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) divulgam hoje à tarde o resultado da pesquisa sobre o perfil do consumidor com e sem dívidas no Brasil. A pesquisa, realizada pela Universidade Federal de Minas Gerais, levou em conta dados coletados em outubro de 2012 junto a 1.277 consumidores de todas as 27 capitais brasileiras. Serão divulgadas informações como características e comportamentos dos adimplentes/inadimplentes,fa tores que contribuem para a adimplência/inadimplência, impactos do financiamento de carros no orçamento doméstico e nível de conhecimento do consumidor brasileiro sobre o cenário econômico.

Lohn vai comandar a CDL da Capital

31 de outubro de 2012 0

O empresário João Batista Lohn, da rede de supermercados Imperatriz, será o novo presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Florianópolis. Ele vai suceder Pedro Paulo de Abreu, da rede Carioca Calçados. O nome, como nas definições anteriores, foi de consenso. A eleição será no próximo dia 6, e o mandato da diretoria é para 2013.

Investimentos de peso em SC

30 de outubro de 2012 0

Indústrias com projetos no Estado aproveitam esta fase pós-eleição para revelar investimentos. A Whirlpool e a Brunswick, em Joinville, e a BRF Brasil Foods, em Videira, informam projetos e iniciam a produção. Ontem, foi a vez do presidente da Whirlpool Latin America, João Carlos Brega, anunciar, no gabinete do governador Raimundo Colombo, que a empresa está gerando 850 empregos na unidade de refrigeradores em Joinville, a maior do mundo. Ainda no clima eleitoral, Brega veio acompanhado do prefeito eleito, o industrial Udo Döhler, e do senador Luiz Henrique. A diretoria do estaleiro Brunswick se reuniu com o governador ontem para informar detalhes da unidade que vai inaugurar, dia 9 de novembro, em Joinville. A Brasil Foods oficializa hoje investimento de R$ 84 milhões em Videira. E o governador embarca para a Ásia quinta, onde terá reunião com a diretoria da montadora Geely, dia 10, na China. A empresa deve instalar fábrica em Imbituba.

BRF amplia em Videira

A BRF Brasil Foods vai investir R$ 84 milhões na unidade de Videira para ampliar em 50% a produção de salsichas, que chegará a 360 toneladas/dia, para vendas no Brasil e exterior. O total de empregos subirá de 4.199 para 4.469 na fábrica.

Indústria de SC e a Europa

30 de outubro de 2012 0

Lideranças do Parlamento Europeu para as Relações com os Países do Mercosul estão na Capital, hoje, para uma reunião de negócios na Federação das Indústrias (Fiesc), às 11h. Entre os presentes, o presidente e o vice-presidente da delegação do Parlamento para as Relações com o Mercosul, Luís Yañez-Barnuevo García, e Jean Pierre Audy, respectivamente, além de representantes de partidos europeus. Segundo o diretor da Fiesc, Henry Quaresma, será discutido o avanço das relações comerciais entre SC e Europa. Uma das preocupações da indústria catarinense é com o fim do Sistema Geral de Preferência (SGP), que permite a entrada de produtos brasileiros a comunidade europeia com menor carga tributária.

Brunswick inaugura fábrica de barcos dia 9

30 de outubro de 2012 0

A multinacional americana Brunswick, produtora de barcos de passeio, vai inaugurar sua fábrica em Joinville, no Perini Business Park, dia 9 de novembro. Ontem, o presidente da empresa para a América Latina, Willian Gress (E), e o presidente da fábrica no Brasil, Jorge Valdes, apresentaram para o governador Raimundo Colombo os números da unidade, que já iniciou atividades. São 65 funcionários trabalhando a empresa estreia com capacidade de produzir 95 barcos de passeio por ano. Em três anos, a produção poderá atingir capacidade máxima, de 400 barcos por ano, de quatro modelos diferentes. Como o governador estará em viagem oficial para o Japão e China, vai encaminhar o convite para o vice-governador, Eduardo Pinho Moreira, para representá-lo na inauguração.

Anúncio da Whirlpool foi em clima de vitória nas urnas

29 de outubro de 2012 0

 

A comunicação de investimentos da Whirlpool, em Joinville, hoje à tarde, no gabinete do governador Raimundo Colombo, foi em clima de vitória no segundo turno da eleição municipal. Além da diretoria da Whirlpool, liderada pelo presidente da companhia na América Latina, João Carlos Brega, participaram o vice-governador, Eduardo Moreira, o prefeito eleito de Joinville, Udo Döhler, e o senador Luiz Henrique da Silveira, entre outras autoridades.

Brega informou que a Whirlpool vai gerar 850 novos empregos até meados do ano que vem na unidade de eletrodomésticos, em Joinville. Segundo ele, de novembro de 2011 a setembro de 2012, a companhia gerou mais de mil novos empregos e, com as vagas anunciadas hoje, chegará a 2 mil novas contratações, totalizando 12 mil empregos diretos no município. A fábrica de refrigeradores de Joinville é a maior do mundo, com capacidade para 4 milhões de unidades/ano.

O empresário disse que fez questão de fazer o anúncio para o governador Raimundo Colombo para agradecer o apoio que o governo sempre tem dado para a empresa nas áreas tributária, de logística e de pesquisa tecnológica. Convidou o senador Luiz Henrique, que também colabora para viabilizar investimentos do grupo em SC.

A Whirpool está ampliando em 10% a produção de refrigeradores de alta capacidade para os mercados interno e externo. Um dos produtos já lançados é o Brastemp Viva, que usa compressor de consumo variável que permite economizar até 45% de energia frente a refrigeradores comuns.

Udo Döhler afirmou que Joinville tem condições de atender a demanda das empresas por mais trabalhadores qualificados, incluindo a Whirlpool e a BMW. Ele disse que vai se empenhar para buscar uma solução à Busscar, fabricante de ônibus que faliu no mês passado.

Também acompanharam o evento os secretários de Estado da Fazenda, Nelson Serpa; de Articulação Internacional, Alexandre Fernandes; de articulação estadual, Paulo Costa e o presidente da Fapesc, Sérgio Gargioni. Na foto, a partir da esquerda, Döhler, Moreira, Colombo, Brega e Luiz Henrique.



Industrial e voluntário, agora, na política

29 de outubro de 2012 0

As trajetórias do industrial Udo Döhler e da empresa da sua família, a Döhler SA, companhia têxtil de 130 anos, estão vinculadas a uma forte presença em Joinville. A vitória na eleição de ontem para prefeito é a realização de um sonho do empresário, que gostaria de administrar o município, seguindo exemplos de outros grandes nomes da indústria joinvilense como Wittich Freitag, fundador da Consul e Embraco (ambas, hoje, controladas pela Whirlpool), e de Baltazar Buschle, da Buschle & Lepper.

 Advogado por formação, Udo seguiu a carreira executiva na empresa, à frente de equipes que enfrentaram, com êxito, desafios impostos pela acirrada concorrência internacional. Quando era possível exportar mais, teve grande atuação no fechamento de contratos para a Döhler nos EUA e Europa. Com as mudanças nas condições cambiais, a hora foi de focar mais o mercado interno. Paralelamente, sempre participou ativamente no associativismo empresarial. Foi presidente da Associação Empresarial de Joinville (Acij) por cinco vezes e, também, presidiu a Facisc. Como voluntário, trabalha há mais de duas décadas na diretoria do Hospital Dona Helena e é Cônsul Honorário da Alemanha para o Norte do Estado.

A indústria Döhler, da qual é acionista, foi fundada em 1881, produz têxteis de cama, mesa, banho e decoração, e tem marca de qualidade reconhecida no Brasil e exterior. Sempre foi uma das maiores empregadoras de Joinville, contando, hoje, com 3 mil postos de trabalho diretos. Nos últimos anos, a companhia tem apresentado um dos melhores desempenhos do seu setor no país. No primeiro semestre deste ano cresceu 5%, obteve receita líquida de R$ 139 milhões e lucro líquido de R$ 7,8 milhões. Como diretor e presidente da empresa, Udo deu atenção especial à sustentabilidade, saúde e educação. Agora, como prefeito, tem a oportunidade de usar toda essa experiência em favor da maior cidade catarinense.

Móveis do Oeste até em novelas

29 de outubro de 2012 0

Berço da competitiva agroindústria de carnes, o Oeste catarinense tenta diversificar sua economia. Um setor que desponta com talento e cria uma nova vocação é o moveleiro, que já tem atuação destacada no Brasil e exterior, com vendas maiores para a América do Sul e África. O presidente da Associação dos Moveleiros do Oeste e do sindicato Simovale, Osni Verona, diz que a promoção em feiras e o design ajudam o setor.

A indústria moveleira do Oeste está avançando. É uma alternativa para diversificar a economia da região?
Osni Verona
Nosso polo madeireiro e moveleiro vem se destacando pela integração e a busca constante de promoção do setor através de feiras nacionais (Mercomóveis) e internacionais (rodadas internacionais de negócios e missões empresariais). Em agosto, realizamos a oitava edição da Mercomóveis com grande sucesso nacional e internacional. Nosso polo conta com aproximadamente 1,2 mil empresas, que geram em torno de 12,5 mil empregos diretos. No Oeste, somos o setor número um em quantidade de empresas, terceiro em número de empregos e o quarto em receita. Mais de 90% são micro e pequenas empresas.

Quais são as principais razões do bom desempenho do setor na região?
Verona
– O Simovale, sindicato das indústrias do setor, tem mais de 50 anos de existência e trabalha em prol da Associação dos Madeireiros e Moveleiros do Oeste de Santa Catarina (Amoesc), criada há 12 anos, promovendo toda a cadeia de madeira e móveis. Essas entidades são sempre capitaneadas por empresários de visão, que buscam resultados porque acreditam no potencial da região. Saíram pelo Brasil e o mundo promovendo este setor no qual temos os maiores fabricantes de móveis da América Latina, que se tornaram referência.

Como está o cenário para o mercado interno ao setor?
Verona
– No mercado interno estão acontecendo grandes movimentos das classes sociais. Exemplo disso é a migração de mais de 40 milhões de brasileiros que estavam nas classes D e E e que subiram, entre 2009 e 2011, para a classe C. Essa nova classe média está comprando mais do que as classes A e B juntas, na ordem de R$ 21 bilhões. As classes A e B compram em torno de R$ 17 bilhões. Com o mercado interno aquecido e exportações em baixa, este cenário está tomando outra direção este ano. Muitos consumidores da classe C estão subindo para as classes B2, B1 e A com potencial de compra, superando o consumo da classe C, que cresceu este ano frente ao mesmo período de 2011 na ordem de 26,7%. A classe B cresceuseu potencial de compra em cerca de 50% no mesmo período.

E o mercado externo?
Veron
a – O mercado externo está comprando muito os produtos com preços mais econômicos e competitivos, fabricados em grande escala. O câmbio está favorável no momento, mas ainda está aquém da confiança dos empresários para serem mais competitivo devido ao custo Brasil. Precisamos da reforma trabalhista. Além disso, há excesso de burocracia na liberação de créditos para investimentos em tecnologia industrial.

A Verona se destaca na alta decoração. Como chegou lá?
Verona
– Nos primeiros esboços que fiz eu já buscava um nicho de mercado moderno. Por ser um apaixonado pelas linhas dos anos 1950 e 1960, desenvolvi produtos com essa característica. Mesmo com um mercado restrito, implantamos essa ideia com a releitura, que se tornou uma busca desenfreada na alta decoração no Brasil, promovida por novelas em horários nobres da televisão brasileira. Há nove anos nossas peças estão sendo usadas em novelas das mais importantes emissoras do país, decorando ambientes aconchegantes com o mais alto padrão de qualidade, de maneira moderna e sofisticada.

Notas

Empreendedor

O empresário Osni Verona, 50 anos, é fundador e sócio-proprietário da Verona Móveis e da Verona Store, de Chapecó. Ele atua no setor há 30 anos. Natural de Caçador, começou na área de produção de portas e janelas e, há 22 anos, entrou no segmento de móveis de madeira. Graduado em Administração de Empresas, tem mestrado em Gestão e Auditoria Empresarial, pós-graduação em Design e Gestão da Produção. Está à frente da Amoesc, que realiza a Mercomóveis, terceira maior feira de moveis do país.Também é diretor da Federação das Indústrias (Fiesc).

Em família

 

Osni Verona e a sua mulher, Loreni Verona, são sócios e trabalham nas empresas da família. O casal tem uma filha, Adrielle, que é diretora financeira das empresas. O genro, Marcos Machado, também atua na Verona, na diretoria comercial. O casal tem dois filhos, Rhaiane, de quatro anos, e Rhavi, de sete meses.

Palestrante

 

Uma atividade que Osni Verona desenvolve com alegria é a de palestrante para estudantes e empresários empreendedores.
Ensina que o sucesso depende de quatro pilares importantes que devem estar claros na mente do empresário, que são compaixão, perseverança, fé e esperança. Na gestão, alerta que é preciso quatro indicadores positivos: vendas, finanças, equipe e satisfação dos clientes.

Balneário Camboriú ainda colhe louros da visita de Sharon Stone

28 de outubro de 2012 0

A segunda visita da diva de Hollywood, Sharon Stone, a Balneário Camboriú, dias atrás, quando ela gravou um comercial para a construtora FG Empreendimentos e deu entrevista para a RBS TV, ainda repercute no país. Sexta-feira, o programa Mais Você, de Ana Maria Braga, da Rede Globo, exigiu a entrevista feita pela repórter e âncora Larissa Schmidt, especialmente na parte em que a atriz ensina a fazer a cruzada de pernas mais famosa do mundo, quando protagonizou o filme Instinto Selvagem.

A visita, para comemorar o aniversário do namorado Martin Mica, que mora em Balneário, foi notícia em veículos como Veja, Época, Caras, Quem, Contigo, Conta Mais e outros. É claro que a presença da atriz em SC ajuda a imprimir glamour ao litoral catarinense que recebe, cada vez mais, ricos e famosos. Em função disso, é crescente a valorização imobiliária, com apartamentos e mansões que custam até mais de R$ 10 milhões.  

Quem ainda não viu a reportagem, pode conferir uma parte dela exibida no Mais Você, de sexta:

 http://globotv.globo.com/rede-globo/mais-voce/v/sharon-stone-revela-truques-infaliveis-para-sensualizar-na-cruzada-de-pernas/2209413/



Portos de São Francisco e Itapoá podem receber os maiores navios no país

27 de outubro de 2012 0

A Marinha elevou os parâmetros aos portos de São Francisco do Sul e Itapoá (foto), que estão no complexo da Baía da Babitonga, Norte do Estado. Ela aprovou a atracação dos maiores navios que navegam em águas brasileiras. O Porto de São Francisco pode receber embarcações de até 310 metros de comprimento e 40 metros de largura; e Itapoá, de até 334 metros e 46 metros de largura.

Teka pede recuperação judicial

26 de outubro de 2012 0

A empresa têxtil Teka, de Blumenau, apresentou pedido de recuperação judicial. Argumentou que buscará readequação do passivo à sua capacidade de geração de caixa. Há anos em dificuldades, a companhia, no final do primeiro semestre, tinha passivo a descoberto de R$ 780,9 milhões, contra R$ 870 milhões ao fim de 2011. Empresa familiar, a companhia enfrenta problemas de gestão e acirrada concorrência no Brasil e exterior.

Whirlpool vai anunciar investimentos em SC

26 de outubro de 2012 0

O Grupo Whirlpool vai anunciar novos investimentos em Santa Catarina segunda-feira. O governador Raimundo Colombo receberá, segunda-feira, a partir das 14h30min, o presidente do grupo para a América Latina, João Carlos Brega; o vice-presidente de Relações Institucionais, Armando Vale Júnior; o presidente da Whirlpool Eletrodoméstico, Henrico Zito; o presidente da Embraco, Roberto Campos, e diretor de Relações Institucionais do Grupo, Guilherme Marco de Lima.

Os planos envolvem a produção de itens para a Embraco e às marcas Consul e Brastemp, com a geração de novos empregos.

Por que a postergação da assinatura do memorando SC-BMW

26 de outubro de 2012 0

A secretaria de Desenvolvimento Sustentável do governo do Estado acaba de informar que, em função da necessidade de mais tempo para a finalização do memorando de intenções com a montadora BMW, o evento, previsto para segunda-feira, foi postergado para o dia 14 de novembro, impreterivelmente. Em nota, o governo confirma a decisão anunciada no Palácio do Planalto, pela empresa, de instalação da sua primeira fábrica no Brasil no Estado de Santa Catarina.

A decisão de postergar a assinatura foi em razão da necessidade de mais tempo para analisar e chegar a um consenso para cada ponto que vai constar no memorando. Todos os aspectos são avaliados por advogados de ambas as partes. Os trabalhos estão sendo feitos em São Paulo. O memorando de entendimento é o contrato firmado entre a empresa e o Estado, com os compromissos assumidos por ambas as partes.

Confira a nota:

Anúncio BMW: Transferência de data

O Governo do Estado de Santa Catarina e a empresa BMW vem a público confirmar a decisão anunciada no Palácio do Planalto, pela empresa, de instalação de sua primeira fábrica no Brasil, no estado de Santa Catarina. No entanto, informam a necessidade de adiar o evento de assinatura do Memorando de Intenções, que estava marcado para a próxima segunda-feira, dia 29/10, em Florianópolis, em virtude da necessidade de mais tempo para a finalização do Memorando. O evento ocorrerá, impreterivelmente, no próximo dia 14 de novembro, em horário e local a serem confirmados.

Governo do Estado de Santa Catarina e BMW do Brasil.

Assessoria de Comunicação SDS – Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável

Como o Continente Park Shopping espera atrair público

26 de outubro de 2012 0

A convicção do empresário Jaimes Almeida Junior é de que o público da Grande Florianópolis e também consumidores de outras regiões do Estado escolham o Continente Park Shopping para compras e lazer. Para isso, o grupo empreendedor Westfield Almeida Junior apostou em diferenciais como o shopping mais tecnológico do Brasil com wi-fi para todos os clientes, cinemas da mexicana Cinépolis com lançamentos mundiais, duas salas VIP e uma X-Max, terraço com restaurantes de alto padrão como o Porcão Gourmet e o Ferreti al Mare, personal stylist, estacionamento diferenciado para gestantes, um espaço família para amamentação e fraldário, Kids Play para crianças brincarem e lojas diferenciadas como a italiana Intimissimi e a Build a Bear. Outro atrativo será estacionamento gratuito durante a semana. Nesta fase pré-abertura ao público, o ritmo de trabalho é frenético no gigantesco shopping.

R$ 2,5 bi em cinco shoppings

O grupo Westfield Almeida Junior segue confiante no varejo brasileiro e catarinense, apesar do ritmo um pouco menor do comércio no país. Com o início das operações do Continente Park Shopping, que será aberto ao público amanhã, em São José, às margens da BR-101, a projeção é de que o faturamento dos cinco empreendimentos do grupo alcance R$ 2,5 bilhões no ano que vem. Para este ano, a estimativa é de R$ 1,7 bilhão, informa o presidente Jaimes Almeida Junior. A expansão será alcançada, também, com os investimentos feitos nos outros shoppings da empresa: Neumarkt, Blumenau Norte, Joinville Garten e o Balneário Camboriú Shopping.

_ Juntos, nossos shoppings geram 11 mil empregos diretos. Isso representa mais quase 40 mil empregos indiretos. A BMW ganhou um monte de coisa em Joinville para gerar mil empregos. Não estou fazendo uma crítica ao governo, só estou comparando o benefício social da nossa atividade frente a automotiva. A minha obrigação, como empresário do setor, é registrar o quanto a nossa atividade gera de benefícios sociais e econômicos _ disse Jaimes.

Segundo ele, o faturamento do grupo agrega ICMS para o Estado e retorno do imposto aos municípios. Só para a prefeitura de São José, durante a construção da obra, foram gerados R$ 2,5 milhões de ISS.

 

Correria pré-inauguração do Continente Park Shopping

25 de outubro de 2012 0

É intenso o movimento de veículos e a presença de trabalhadores no Continente Park Shopping, que abre ao público neste sábado, às 10h. É sempre assim na última hora, mas como se trata do maior shopping de SC, a atividade parece maior. O presidente do Grupo Westfield Almeida Junior recebeu a imprensa, hoje à tarde, para mostrar os diferenciais que visam a atrair público de toda a região e até de outras partes do Estado.

Últimos detalhes com a BMW

25 de outubro de 2012 0

A diretoria da BMW do Brasil e grupo do governo catarinense integrado pelos secretários Paulo Bornhausen, do Desenvolvimento, e Alexandre Fernandes, de Relações Internacionais, estão em São Paulo acertando os últimos detalhes do memorando de entendimento para a instalação da unidade em Santa Catarina, que deverá ser assinado na próxima segunda-feira, às 16h, no CIC, em Florianópolis. E na terça, durante o anúncio do investimento pela empresa, no Salão do Automóvel de São Paulo, Gleide de Souza (E), diretora Internacional de Comperas e Relações Institucionais; Luis Antônio Oliveira, diretor-geral do Inova@SC; Jorg Henning, presidente da BMW do Brasil; e o secretário de Desenvolvimento, Paulo Bornhausen, posaram para foto, registrando o momento histórico para Santa Catarina.

Colombo vai viajar para o Japão e China

25 de outubro de 2012 0

O governador Raimundo Colombo e o secretário de Articulação Internacional, Alexandre Fernandes, farão viagem ao Japão e à China a partir de 6 de novembro. Na agenda do Japão, reunião com a vice-ministra da Agricultura do país para discutir o acordo sanitário visando a abertura do mercado japonês de carne suína para Santa Catarina, palestra na reunião do Comitê de Cooperação Econômica Brasil-Japão e visita à empresa Mitsui, uma das sócias da SCGás. Convidado para a runião empresarial dos dias 7 e 8, promovida pela CNI e a Keidanren, Colombo fará só um contato com o governo do país. É que o acordo sanitário ainda não foi finalizado pelo Japão e o governador não quer pressionar. Depois, o governador seguirá para a China. Acompanhado de diretores da Fiesc, visitará a montadora Geely, que estuda a instalação de unidade em Imbituba.