Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Governo corta bondades no IPI de eletros e móveis

28 de setembro de 2013 1

Com arrecadação menor, o governo federal começa a cortar bondades setoriais tributárias. O Imposto sobre Produtos Industrializados(IPI) de eletrodomésticos da linha brancae móveis voltará a subir a partir da próxima terça-feira, primeiro de outubro. A decisão foi tomada ontem pelo Ministério da Fazenda porque as vendas desses itens voltaram a crescer em bom ritmo. Ficará mais caro o imposto de produtos como fogão, refrigerador, lavadora semi-automática (tanquinho), móveis e painéis e geladeiras. Só a lavadora automática continuará com a taxa de 10%. A alíquota do refrigerador subiu de 8,5% para 10%, a do tanquinho de 4,5% para 5%, a do fogão de 3% para 4% e a de móveis e painéis de 3% para 3,5%. Com o aumento, o IPI do fogão retornou ao percentual anterior ao início das desonerações da linha branca. As alíquotas sobre os outros produtos ainda não alcançaram o valor cheio que era cobrado anteriormente.

Comentários

comments

Comentários (1)

  • Gustavo Paneto diz: 1 de outubro de 2013

    Muito boa a noticia. Ficou faltando o embasamento legal para que possamos utiliza-la respaldados de qualquer prejuízos posteriores. Agradeço a atenção e a noticia que é relevante para mim. Abraço.

Envie seu Comentário