Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts do dia 25 maio 2014

BMW produz carros cada vez mais verdes

25 de maio de 2014 1

ArturoO grupo BMW, fabricante de carros de luxo, vê o futuro do setor com produtos totalmente sustentáveis. Foi isso que sinalizou o presidente e CEO no Brasil, Arturo Piñeiro, ao entrar no auditório da Expogestão, na sexta-feira, no BMW i3 (foto), modelo elétrico que será vendido no Brasil a partir do segundo semestre. Ele explicou como a empresa cria produtos tecnológicos e sustentáveis. Na entrevista que concedeu com exclusividade à coluna e ao blog, ele falou sobre a fábrica em Araquari, que será concluída em setembro, e sobre outros temas.

Como a BMW está preparando o início da produção em Araquari?

Arturo Piñeiro – A previsão é ter a fábrica pronta no final de setembro para produzir o primeiro carro em outubro. Estamos preparando uma cerimônia para a inauguração da fábrica.

Vocês estão tendo de importar trabalhadores com experiência em linha de montagem de automóveis?

Piñeiro – Não. Abrimos as contratações no Estado de Santa Catarina, estamos contratando mão de obra local. O mais importante é que o nosso projeto de contratação está muito ligado ao processo de formação que nós temos. Nós montamos uma linha de montagem de formação e estamos treinando todas as pessoas que estamos contratando.

Qual será o destino da produção de Araquari?

Piñeiro – Nossa capacidade instalada é de 32 mil unidades por ano. O aumento da produção vai ser progressivo. Nossa ideia é aproveitar a capacidade produtiva das nossas fábricas. Se o mercado brasileiro não absorver tudo o que nós estimamos, temos de buscar alternativa e a exportação é uma delas.

Como a BMW está fazendo os carros ecológicos do futuro?

Piñeiro – Nós estamos lançando no mundo inteiro a nossa submarca, a BMW i, com dois produtos, o BMW i3 e o BMW i8. São dois produtos que foram concebidos elétricos. Hoje há uma preocupação muito grande no mundo inteiro de buscar novas fontes alternativas de propulsão ao petróleo e uma delas é a propulsão elétrica. A BMW investiu muito fortemente para criar dois veículos concebidos e nascidos elétricos, que é a primeira vantagem frente às demais marcas do setor, e a segunda vantagem é que esses dois veículos são produzidos na nossa fábrica de Leipzig, Alemanha. Ela é abastecida por três usinas eólicas, consome 50% menos água e explora a luz natural. Ela realmente busca essa combinação do bem estar do empregado e harmonia do entorno.

Está mais difícil vender automóveis no Brasil. Quais são as expectativas?

Piñeiro – O mercado brasileiro não vem atravessando um bom momento. Isso está ligado um pouco com a confiança sobre o futuro da economia brasileira. Eu sempre fui da opinião de que o Brasil não está tão mal como todo mundo fala. Está passando por uma crise de confiança. O país tem uma base bastante segura de desenvolvimento futuro. Se as medidas corretas forem tomadas, esse padrão de desenvolvimento dos últimos anos, de crescimento e bem estar pode continuar no futuro de uma forma muito mais dinâmica. Hoje, o mercado está se retraindo e temos que nos adaptar.

Como está a BMW no mercado mundial?

Piñeiro – Nós estamos presentes em mais de 140 países, nossa atividade mundial é frenética. Nós comercializamos três marcas, a BMW, Mini e Rolls Royce e também as motocicletas Motorrad. O ano passado foi o melhor da nossa história. Este ano, para a BMW, está sendo melhor do que no ano passado.

Trajetória na companhia
Arturo2O presidente e CEO do BMW Group Brasil, Arturo Piñeiro tem 48 anos, nacionalidade brasileira e espanhola, é casado e tem duas filhas. É graduado em Economia pela Faculdade de Economia São Luiz e atua no grupo há 18 anos. Já trabalhou pela BMW na Espanha, EUA, Argentina e Brasil. Na foto, o executivo  é conduzido ao auditório da Expogestão no BMW i3.

O BMW Group
É um dos fabricantes de automóveis e motocicletas mais bem-sucedidos do mundo. Iniciou atividades em 1917 e atua com as marcas BMW, MINI e Rolls-Royce. Opera 28 instalações de produção e montagem em 13 países e vende em 140 nações. Em 2013, vendeu 1,96 milhão de veículos e 115.215 motocicletas no mundo e conta com mais de 110 mil colaboradores.
fotos André Kopsch, divulgação