Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

PIB perde ritmo e cresce apenas 0,2%. SC foi melhor

30 de maio de 2014 1

A expansão do PIB brasileiro deu uma desacelerada no primeiro trimestre do ano, com crescimento de apenas 0,2% no período frente ao trimestre anterior. Pesou para esse resultado pífio a queda de 2,1% na taxa de investimentos (formação bruta de capital fixo) e os recuos de 0,8% da indústria e de 3,3% das exportações de bens e serviços. Segundo o IBGE, que fez o levantamento, o agronegócio cresceu 3,6% no período, os investimentos de governos aumentaram 0,7% e os serviços, 0,4%. As importações de bens e serviços tiveram alta de 1,4%.

A expansão do agronegócio era esperada porque é nesse período em que é colhida a safra de grãos. A queda de investimentos é preocupante porque esse é um dos grandes gargalos do país. Sem investimento, a economia não cresce. Vale observar que indicadores sobre Santa Catarina no período de janeiro a março deste ano indicam que o Estado teve desempenho acima da média nacional. A principal referência é o índice do Banco Central por Estados, mas os empregos, vendas e produção industrial e exportações também indicaram números mais elevados em SC. A propósito, o PIB por Estados sai um ano depois.

Comentários

comments

Comentários (1)

  • gilmar matias diz: 30 de maio de 2014

    o que adianta ter o maior ou melhor pib e economia se temos que mandar mais da metade para o governo que nao nos devolve nem um terço vai tudo pro nordeste

Envie seu Comentário