Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Fiesc propõe ao governo federal corte parcial de impostos ao diesel

25 de fevereiro de 2015 0

Ao falar em nome das federações industriais na negociação com o governo federal, hoje, em Brasília, o presidente da Fiesc, Glauco José Côrte, propôs que os tributos da União e Estados incidam sobre a base de preço do diesel de 2014. Isso faria com que os impostos não incidissem sobre a parcela do aumento aplicado recentemente. Se isso ocorrer, os governos não perderiam receitas, só deixariam de arrecadar tributos sobre o diferencial de preços entre 2014 e 2015.

A pauta das negociações com o ministro Miguel Rossetto  envolveu temas como sanção da nova lei dos motoristas, refinanciamento das dívidas, congelamento do preço do diesel em 2014, isenção de pagamento de pedágio para caminhões vazios e tabela de frete. Este último, na avaliação de Côrte, talvez seja o item mais polêmico.

Comentários

comments

Envie seu Comentário