Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Negócio da dança em Joinville

17 de março de 2015 0
Bolshoi16

Foto: Jaksson Zanco, divulgação

Conhecida internacionalmente pela sua indústria, Joinville incluiu a cultura na sua agenda com o Festival de Dança. A chegada da Escola do Bolshoi do Brasil, há 15 anos, reforçou esse lado cultural com a formação de profissionais para o mundo todo. Articulador da parceria com a Rússia para trazer a franquia do Bolshoi, o senador Luiz Henrique da Silveira foi homenageado domingo à noite. Na foto, o senador (D) e o prefeito de Joinville, Udo Döhler, um dos anfitriões do espetáculo com bailarinos do Bolshoi da Rússia.

Ao falar sobre a escola, Luiz Henrique defendeu a cultura. Afirmou que uma cidade sem cultura é simplesmente um depósito de gente, sem futuro, sem destino.

Protestos nas ruas

Sobre as manifestações nas ruas, o senador e ex-governador recomendou ouvir o povo.

- Foi uma explosão popular. É importante que o governo e os líderes dos partidos governistas captem a mensagem do povo que quer uma mudança total na política brasileira para que não continuem triunfando a corrupção e os desmandos – afirmou o senador.

 

 

Comentários

comments

Envie seu Comentário