Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Crise começa a derrubar empregos também em SC

22 de maio de 2015 0

O peso da crise nacional, que fechou quase 98 mil postos de trabalho no país em abril, começa a atingir mais o emprego em Santa Catarina após afetar a produção e as vendas da indústria. Dados do Caged divulgados hoje apontam que o Estado fechou 4.209 vagas no mês de abril. Esse é o saldo do mês em que a indústria recuou, teve -2.432 vagas seguida pela agricultura que contabilizou -2.251 e o comércio, com -707. Os serviços tiveram saldo positivo de 649 e a construção civil, de 440. No mês anterior, SC fechou com a abertura de 3.948 novas vagas. Apesar de negativo, o recuo de SC foi num ritmo menor do que o nacional, que teve queda de 97.

O impacto maior da crise ocorre na indústria, que no mês anterior havia registrado abertura de 1.948 vaga. O resultado não surpreende porque desde janeiro SC vinha registrando recuo elevado da produção e das vendas industriais e também queda no varejo. A agricultura vem reduzindo vagas desde o início do ano. Essa retração do emprego vai continuar e pode ficar ainda pior nos próximos meses porque a economia não vai melhorar este ano. O ajuste fiscal do governo está comprimindo ainda mais os investimentos e empregos.

 

Comentários

comments

Envie seu Comentário