Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Indústrias catarinenses gastam 55% mais que as dos EUA em logística

29 de junho de 2015 1

Encontrar alternativas para a redução de custos logísticos é prioridade das indústrias catarinenses que enfrentam uma série de dificuldades para competir no Brasil e exterior. É por isso que a Fiesc apresenta hoje estudos que mostram a série de deficiências da logística do Estado. Uma das análises comparativas mostra que indústrias do Estado gastam 55% mais do que as americanas em logística de transporte. Aqui, este serviço representa 14% do total de custo do produto enquanto nos EUA fica em 9%. O dado foi apresentado pelo presidente da entidade, Glauco José Côrte, na abertura do seminário Agenda Estratégica da Indústria para a Infraestrutura de Transporte e a Logística Catarinense.

Uma das soluções sugeridas ela federação é o uso da cabotagem para o transporte de cargas no litoral. A propósito, é justamente o uso da cabotagem um dos principais diferenciais dos Estados Unidos. Eles têm barcaças que carregam o equivalente a mais de 800 carretas de grãos nos rios navegáveis do interior do país.

Correção

Este post foi corrigido às 11h40min. O correto é custo de logística da indústria de SC e não do país, como estava antes.

Comentários

comments

Comentários (1)

  • Alex Antunes da silva diz: 31 de agosto de 2015

    Realmente precisamos reduzir os custos com logística no país. Porém precisa ser mais claro que o custo de operação para o setor de logística é muito maior comparado o estados unidos. O imposto lá é único (7%) e falta equipamento para executar os serviços propostos/necessários.

    Infelizmente aqui no nosso país é tudo ao contrário.

    Sobra equipamento nas operações e as empresas não conseguem reduzir seus custos devido aos impostos exigidos.

Envie seu Comentário